A República na delegacia

O pedido de Celso de Mello à Procuradoria Geral da República para manifestar-se sobre a apreensão do telefone celular provocou a mais grave ameaça de ruptura institucional já vivida no país desde os tempos da ditadura.

E não caiu do “céu” – ou do inferno, como prefiram – mas faz parte de uma pressão para que Celso de Mello divulgue nada ou o mínimo sobre a reunião ministerial que, em vídeo, espera a decisão do decano para ser conhecida.

Poderia ser – e provavelmente seria – rejeitada pelo Ministério Público, daqui a alguns dias, salvo se o conteúdo do vídeo – que está para ser, ao que parece, revelado – trouxesse algo novo além das barbaridades que já são sabidas.

Mas a reação brutal do General Heleno – segundo as notícias – não é um recado desaforado à PGR, mas ao STF.

Ao dizer que isso “poderá ter consequências imprevisíveis para a estabilidade nacional”. Heleno ameaça sem nenhum rebuço o Supremo de uma desobediência que, é claro, terminará mal para o poder desarmado.

Ou que o cabo e o soldado imaginados por Eduardo Bolsonaro podem ser acionados.

O golpe – ou a tentativa fracassada de um – está cada vez mais presente no horizonta e já não no longo prazo.

Veremos, em alguns minutos, o quão longe o STF está disposto a ir na investigação sobre Bolsonaro e seu clã.

Mas se for, vai devidamente advertido, pelo imediato golpista do presidente, Augusto Heleno, e seu alto comando palaciano – que usurpa a função de falar pelas Forças Armadas – de que já não há nenhum ressabiamento em propor a quebra da legalidade.

A República, em meio ao caos, está indo parar na delegacia.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

15 respostas

  1. Nos brasileiros aguardamos que na delegacia, finalmente, seja esclarecida como embarcou a mala com 39kg de pasta de cocaina em um avião de responsabilidade da Presidencia da República e também, que são os mandantes do assassinato de Marielle Franco.

    Golpistas desde sempre!

  2. Duvido que esse arremedo de gorila tenha bala na agulha. Mesmo sabendo que basta um traque para intimidar esse supreminho, não acredito que haja respaldo para isso entre os gorilas ‘esclarecidos’. Vamos esperar o improvável: o stf chamar seis.

  3. Infelizmente nós, o povo, ANISTIAMOS estes Gorilas Verdes-Oliva Assassinos pelos crimes brutais que eles cometeram durante a Sangrenta e Assassina Ditadura Militar que durou de 1964 a 1985. Perseguiram, estupraram, torturaram impiedosamente, assassinaram sumariamente e nem crianças recém-nascidas foram poupadas. Tivéssemos punido severamente estes criminosos, figuras desprezíveis, anti-democráticas e golpistas como este Gen. Augusto Heleno, como o entrevado e vingativo Eduardo Villas Bôas saberiam exatamente o lugar deles.

  4. Pra começo de conversa, a esta hora o celular deve estar em algum incinerador. Segundo que, mesmo supondo que o celular seja apreendido ou entregue… Quem vai periciar? A Polícia Federal? A Abin? O Ministério da Justiça?

    1. Companheiro, ele pode incinerar até a mãe do smartphone que todos os dados importantes podem ser acessados diretamente da nuvem. Basta quebrar o sigilo através de ordem judicial.

      1. Talvez, mas nem tudo permanece na nuvem. Difícil dizer o que poderia ou não poderia ser recuperado. Depende muito do conteúdo e dos aplicativos usados.

        E mesmo assim, continua a segunda pergunta. Quem vai periciar e sob autoridade de quem e quem garante que não haverá provas destruídas, sumidas, vazadas, adulteradas? Sabemos que houve cumplicidade da PF para com o Bolsonaro antes mesmo de ele se tornar presidente. Imagine agora, com a PF toda sob seu controle. A ABIN idem. Vai pedir ajuda para CIA/FBI/NSA? Pior ainda. Talvez a Interpol tenha a credibilidade e imparcialidade necessária para investigar isso, mas não acredito que eles vão se meter nisso.

      2. Talvez, mas nem tudo permanece na nuvem. Difícil dizer o que poderia ou não poderia ser recuperado. Depende muito do conteúdo e dos aplicativos usados.

        E mesmo assim, continua a segunda pergunta. Quem vai periciar e sob autoridade de quem e quem garante que não haverá provas destruídas, sumidas, vazadas, adulteradas? Sabemos que houve cumplicidade da PF para com o Bolsonaro antes mesmo de ele se tornar presidente. Imagine agora, com a PF toda sob seu controle. A ABIN idem. Vai pedir ajuda para CIA/FBI/NSA? Pior ainda. Talvez a Interpol tenha a credibilidade e imparcialidade necessária para investigar isso, mas não acredito que eles vão se meter nisso.

  5. Estão se obrigando a por a cara a tapa. Estavam covardemente se escondendo atrás do mito, mas todos sabem do desejo eterno de assumirem o poder. Nada de bom fizeram desde 1064, deixaram o Brasil no atraso, agora se arvoram em salvadores da pátria apoiando criminosos e milicianos. Mas quem acoberta crimes criminoso é.

  6. Hoje, sexta-feira, que não é 13, mas 22/05/2020 estávamos lendo, vendo e assistindo a reunião de um ministério macabra, que juntou o que há de pior na republica do baixo clero, na república das bananas e das laranjas…. Mas se nada for feito, a morte de cada cidadão será tratada como estatística a ser apresentada pelo sr paulo guedes como um valor a menos a ser gasto pelo poder executivo… sendo que a economia não poderá parar… até que a morte nos separe!!! E aí alcançaremos o silencio, a PAZ dos cemitérios!!!! Com estava escrito em um campo de concentração: ” O trabalho liberta”!!!

  7. A boçalidade, o atrevimento e, provavelmente ato ilegal do general heleno são notórios, mas acho que não tem cabimento apreender o celular do presidente, mesmo ele sendo bolsonaro.

  8. Nos brasileiros aguardamos que na delegacia, finalmente, seja esclarecida como embarcou a mala com 39kg de pasta de cocaina em um avião de responsabilidade da Presidencia da República e também, que são os mandantes do assassinato de Marielle Franco.

    Golpistas desde sempre!

  9. O preço de não se punir os delinquentes.
    Os genocidas de farda de 64 ,morreram tranquilos ,em paz,e ainda sendo “homenageados” como o rato curió.
    ESTE VAGABUNDO GENOCIDA, GENERAL DE GUERRAS DE VIDEOGAME ,GENOCIDA DE CIDADÃOS HAITIANOS FICOU LIVRE,SEM PUNIÇÃO APÓS O MASSACRE DE CITÉ SOLEIL.
    E QUEM ESTAVA NO GOVERNO?????
    LULA E OS PTS.
    TUDO TEM UM PREÇO,TUDO TEM UMA CAUSA,TUDO O QUE FAZEMOS OU DEIXAMOS DE FAZER,TEM CONSEQUÊNCIA.
    POR QUÉ É TÃO DIFÍCIL ENTENDER ISSO??????

  10. Celso de Melo mostrou que é um jogador excelente. Ao pedir ao MP que se manifeste sobre uma possível apreensão do celular do Bolsonaro, ele antecipou todo o ódio dos bolsonaristas, que explodiu de maneira descontrolada. Toda a carga de reação dos extremistas do próprio governo, que estaria pronta para sair depois da publicação do vídeo, foi obrigada a sair antes disso, através da notinha do Heleno, e foi seguida imediatamente pela exibição do vídeo com toda a carga de indignação que trará ao país. É como se Melo tivesse assestado um golpe leve na cabeça do adversário, levando-o por reflexo a soltar um golpe perdido, que por sua vez deixou seu queixo descoberto para um certeiro cruzado de direita do ministro. Ou de esquerda, tanto faz. O adversário está tonto e só falta mesmo cair no segundo ou terceiro round.

    1. Gostaria de poder lhe dar razão, mas temo que o problema seja outro. Celso de Melo pode até trabalhar com tal premissa, mas seria um julgamento errôneo do contexto. O asno sempre pautou seu suporte em um tripé: o jurídico, o político e a força das armas. Os dois primeiros pés já o abandonaram, restou o único no qual ele pode apoiar-se, e provavelmente o fará, pois a adesão inconteste das corporações armadas deixa-o sem contrafação possível. Quem partiria para o enfrentamento contra os praças das três armas, as polícias militar e Civil, os agentes de segurança privada e os grupos menores de truculentos armados, como CACs e outros? O crime organizado (rs)?
      Como dizem os próprios militares, não se enfrenta bala com estilingue. Infelizmente, é verdade. Como Helenão já demonstrou, sobejamente, em Cité Soleil, no Haiti.

  11. O preço de não se punir os delinquentes.
    Os genocidas de farda de 64 ,morreram tranquilos ,em paz,e ainda sendo “homenageados” como o rato curió.
    ESTE VAGABUNDO GENOCIDA, GENERAL DE GUERRAS DE VIDEOGAME ,GENOCIDA DE CIDADÃOS HAITIANOS FICOU LIVRE,SEM PUNIÇÃO APÓS O MASSACRE DE CITÉ SOLEIL.
    E QUEM ESTAVA NO GOVERNO?????
    LULA E OS PTS.
    TUDO TEM UM PREÇO,TUDO TEM UMA CAUSA,TUDO O QUE FAZEMOS OU DEIXAMOS DE FAZER,TEM CONSEQUÊNCIA.
    POR QUÉ É TÃO DIFÍCIL ENTENDER ISSO??????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *