Bolsonaro “toca reunir” aos fanáticos, sugere a Folha

Reportagem de Talita Fernandes, na Folha, aprofunda aquilo que mais cedo se disse aqui: o surto de agressividade de Jair Bolsonaro nas redes sociais pode ter relação com uma espécie de “tocar reunir” da parcela fanatizada que o apoiava inicialmente, na qual se detectou – não me perguntem com quais instrumentos – alguma deterioração depous de 65 dias de governo.

(…)a primeira identificação de dissidentes se deu em fevereiro, no processo de fritura pública do ex-ministro Gustavo Bebianno, demitido por Bolsonaro após ter sido chamado por ele pelo Twitter de mentiroso.
O monitoramento das redes mostrou que apoiadores viram no processo de desgaste do ex-ministro, que foi um dos principais aliados do presidente na campanha, um sinal de deslealdade de Bolsonaro.
Após a Folha revelar um esquema de candidaturas de laranjas, Bebianno passou quase uma semana pendurado no cargo após ter sido chamado publicamente de mentiroso pelo presidente.

Quem, por dever de ofício, acompanha diariamente o que se passa no campo da direita, não deixou de parceber que núcleos do fanatismo, como aquele site a que sempre me refiro como O Bolsonarista tiveram várias vezes de fechar a área de comentários por conta da verdadeira autofagia que ali se estabeleceu. E outra vez com a baixaria em torno da morte do neto de Lula e, de novo, ontem, com o vídeo escatológico.

Bolsonaro já não reúne “apoio externo”aos seus grupos. Para a mídia, tornou-se repugnante assumir até a leve simpatia que se tinha sobre ele ser o viabilizador da refroma da Previdência e do desejado desmonte do que tínhamos do vestígios, ainda, de uma Estado de proteção social.

Até Merval Pereira diz que seu comportamento não é de “uma pessoa séria” e que foi uma reação de “vingança pessoal” contra as manifestações dos blocos carnavalescos contra ele. Convenhamos que um presidente de direita não ter o apoio nem de Merval é algo sério.

Não achem que Bolsonaro está agindo apenas por seu destempero pessoal.

Ele está remobilizando suas falanges e contando que o núcleo militar vá permitir que o faça impunemente.

Resta saber se, desta vez, funcionará o “não me deixem só” precoce.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

16 respostas

  1. ACABOU !!! Entretanto a chapa toda , deve ser cassada, pois tanto a Chapa Bolsonaro/Mourão, como o PSL, se elegeram em cima do nome “Bolsonaro”, em que pese, ainda, os financiamentos ilegais de campanha, por empresas (pessoas jurídicas), proibido pela Lei Eleitoral, como também as fake news, nas redes sociais, contra Fernando Haddad, bem como a ausência nos debates, do 2º turno, e o cancelamento das entrevistas, anteriormente programadas por parte das TVs. Para o PSL, partido que garantiu a candidatura da Chapa Bolsonaro/Mourão, sobrou ainda, o escândalo dos laranjas eleitos, por todo o Brasil. CASSAÇÃO JÁ DA CHAPA BOLSONARO/MOURÃO ! PSL NA CLANDESTINIDADE JÁ !

    1. Se “acabou” vier porque o Merval quer, é bom que não acabe agora. É muito pior do que acabar porque o povo quer, já que o Merval e o povo querem coisas diferentes. Vamos deixar como está, porque ainda falta purgar muita maldade, muita anti-brasilidade, muito aviltamento, muita infâmia, muita traição e muito ódio, até que se recupere minimamente a capacidade de raciocínio da população e a noção civilizada do diálogo democrático.

    2. Se “acabou” vier porque o Merval quer, é bom que não acabe agora. É muito pior do que acabar porque o povo quer, já que o Merval e o povo querem coisas diferentes. Vamos deixar como está, porque ainda falta purgar muita maldade, muita anti-brasilidade, muito aviltamento, muita infâmia, muita traição e muito ódio, até que se recupere minimamente a capacidade de raciocínio da população e a noção civilizada do diálogo democrático.

      1. Apoiado! Boçal Nato nunca ligou para questões como – por exemplo – emprego.

        Então o país já não tinha muito a perder quanto a isto.

        Por outro lado, que ele fique se divertindo muito pelo Twitter. Se o “mercado” está ficando impaciente com isso, é que as coisas estão indo pelo caminho…”certo”. O certo pelas linhas tortas, o pouco que resta de civilidade (previdência) sendo preservada de interesses em que Merval é porta-voz.

      2. Tão importante quanto a desmoralização deste governo é a desmoralização da vedete Sérgio Marreco de Maringá Moro.

  2. Sei a partir de muitas fontes que a Globo tem vídeos que provam que a ¨facada¨ foi fake, destinada a fazer uma cirurgia necessária naquele momento e que o mito não queria admitir e também para tirá -lo do debate eleitoral. Nao divulgou até. agora porque a ultima cirurgia do cancer que o bozo tem deu chabú e a globo achou inoportuno. Bom momento para botar no ar esta comédia de mau gosto.

  3. Isso tudo reforça a hipótese de que o Olavinho esteja no comando, bolando coisas tais como este vídeo, para administrar um grande fluxo de maldade no setor mais fanatizado do bolsonarismo. Se vivem de maldade e baixaria, é isso que os fortalece e os mantém unidos.

  4. O ex porém eterno senador Requião perguntou um dia desses: “Onde foi a facada?”, mostrando o Messias se barbeando, sem camisa, e no seu abdômen nenhum sinal da tal facada. Eu digo ao sr. Requião: “Senador, a facada foi em Juiz de Fora”.

  5. NA VERDADE, É PURO PÂNICO DE ALGUÉM QUE SE SABE SEM CONDIÇÕES ÉTICAS, CULTURAIS, HUMANÍSTICAS, TÉCNICAS, E POLÍTICAS DE GUIAR UM PAÍS DO TAMANHO DO BRAZIL!
    O MEDO LEVA O FASCISTA A PERDER O POUCO AUTO-CONTROLE QUE AINDA TINHA…
    SEUS FILHOS TEM AINDA MENOS TRAQUEJO PARA OS CARGOS QUE OCUPAM…
    BRAZIL INDO DIRETO PARA O CAOS!

  6. A turma do Mercado “só está esperando a Reforma da Previdencia”….Se não sair a contento, bye bye Bolsonaro. Vai daí, a correria do presidente para reunir sua tropa de choque (os apoiadores fanáticos). Ele sabe que está na corda bamba, e sabe também que o general Mourão (e o Moro em segunda instancia), desejam seu lugar…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *