Como a direita faz de Lula o mártir do povão

Neste momento, nas capas dos sites de O Globo e da Folha, o nome de Lula aparece nove vezes. No Estadão, 15 vezes.

É a conspiração do silêncio mais barulhenta que se viu na Terra.

Todas ou quase todas as menções, claro, são negativas, como sempre são na grande mídia.

Mas, dizia minha finada avó, “falem mal, mas falem de mim” é uma das verdades mais antigas do negócio da propaganda.

As redações pseudo-intelectualizadas, têm a certeza de que, do trono de sua alta posição de “donos da verdade”, destroem qualquer um.

Aliás, é no que apostam, também, para desgastar Jair Bolsonaro e abrir caminho para Geraldo Alckmin.

Só que com Lula, que tem memória vivida e não apenas imagem construída, a resistência é outra.

Eles vivem de aplaudir o mérito e o sucesso.

O povo vive, entretanto, a angústia, muitas vezes íntima, da discriminação e do sofrimento.

Ou será que pensam que as pessoas vivem na pobreza, vendo os filhos caminharem para ser, de novo e para sempre, pobres estão felizes?

Não, não acham que seu filhos vão ser empresários, juízes, promotores, doutores, filhos prósperos da livre iniciativa.

Este mundo voltou a se fechar para eles.

As grades que foram sumindo para o povão – a viagem de avião, o filho na universidade, o carro usado comprado a prestação – estão reaparecendo e bem sólidas.

Tanto quanto as que colocam diante de Lula.

Não creiam que o povão, a massa de milhões de brasileiros sempre excluídos, esquecidos, traídos, renegados, amaldiçoados – embora nunca tenham feito mal a ninguém – pelo simples fato de existirem, se sintam muito diferentes de Lula.

A direita brasileira perde a batalha por corações e mentes do povão porque não é capaz de apontar aquilo que é decisivo também na comunicação: o benefício.

Ela trabalha, desde décadas, com valores imateriais: honestidade, mérito, leis…

Mas é incapaz, porque não tem nada a oferecer nisso, de representar emprego,  salário,  escola,  habitação,  assistência a idosos. Tudo, enfim, a que diz respeito à vida real.

No fundo, existe uma percepção inexpressa, quase sempre: a de que o que fazem a Lula deve-se àquilo que Lula fez por eles.

Sabem que é por isso que Lula está preso e maldito.

E passaram a ver nele um pedaço de si mesmos.

Mantendo-o preso, perseguindo-o, calando-o, levando-o ao pelourinho, talvez decretem a morte dos que se exibem como algozes festejados.

Sim, sempre haverá um aglomerado de idiotas a xingar, furiosos e um lote de “homens de bem” a explicar que aquilo é um exemplo para a comunidade.

Nos tempos em que uma ideia levava décadas para circular, podiam ter sucesso imediato e derrota apenas na História.

Agora, porém, o ritmo é mais veloz e, apesar de tudo, talvez outubro lhes revele o erro de sua estratégia.

Estas seriam, não fosse sua afoiteza, as eleições para a volta da direita ao poder.

Quis voltar antes da hora e, agora, morrem de medo do que virá como ressaca de sua maré de ódio.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

19 respostas

  1. Por isso que ficaram quietinhos durante o dia. Bicho papão já não assusta. Todos sabiamos da avidez e abjeção da direita, só não sabíamos que seria assim tão desesperadora. LULA vai até o fim … Mostrem suas caras perfidas que o povo brasileiro e o MUNDO está de olho. Tiro no pé pois agora é a hora de apertar os cintos. ????????

  2. É isto mesmo, Brito: “Estas seriam, não fosse sua afoiteza, as eleições para a volta da direita ao poder.
    Quis voltar antes da hora e, agora, morrem de medo do que virá como ressaca de sua maré de ódio.”
    Foi um prognóstico fácil já em 2016, mas eles acharam que fariam um “grande acordo nacional”. Fala sério! Pra golpear cada vez mais direitos?!

  3. Depoimento. Vindo trabalhar em Volta Redonda – como faço semanalmente – ´fui parado em uma blitz da PM, como sempre deveriam existir, e, depois de liberado, o sargento viu minha camiseta com o Lula. – Lula? – Hoje é o dia! – Dia de quê? – Do registro da candidatura. – Mas não tem lógica! – Claro, ele está preso injustamente. Depois de me liberar, eis senão quando o sargento solta um grito : Lula livre!
    Pode tef sido sacanagem, mas fiquei com o grito. LULA LIVRE! LULA PRESIDENTE!

  4. Mais uma vez o amor vencerá o ódio…
    A esperança irá vencer o medo….
    É 13 !!!! É LULA!!!! É 13 por LULA !!!!!

  5. Prezado sr. Brito, não gosto de jogar água no chope, mas pensamento crítico é sumamente necessário em momentos como o atual. Claro que não tenho nenhuma dúvida quanto à ilegalidade do processo e prisão de Lula, bem como adoraria vê-lo dar uma tunda na direita, via voto popular. Contudo, me incomoda o discurso pseudo-vitorioso frente a um golpe midiático-judiciário que, na frieza dos fatos, está vencendo em tudo o que propôs: afastou do governo uma legítima vencedora às custas de uma acusação fraca e infundada, emplacou uma matilha de salteadores no poder (a despeito de sabermos todos quem são e como agem), triturou o maior partido de viés social na maioria do País (resta Belo Horizonte, para onde se encontra apontada toda a artilharia), dando uma vitória fácil a neodireitistas toscos (vide SP), colocou seu maior líder popular em uma solitária sob acusação ainda mais frágil mantendo-o inelegível e incomunicável, está varrendo do cenário o Estado Social que apenas se rascunhara nos governos petistas, faz acontecer a maior ação de venda de ativos nacionais estratégicos (só não foi maior pela inépcia e ganância dos envolvidos) e chegará à eleição com possibilidade desenhar um cenário de pesadelo, a escolha entre neoliberalismo e extrema-direita. Enfim, venceram todas as batalhas até o momento, têm a caneta do Judiciário nacional nas mãos para mudar as regras quando estas lhes forem desagradáveis, e detém o poder de linchamento social que os grandes grupos de mídia dispõem. Enquanto isto, lê-se que o petismo, maior capital de votos da centro-esquerda, enfrenta confrontações externas (ah, as esquerdas nacionais…) e vê renascer conflitos internos, numa disputa intestina por domínio partidário (ah, as correntes do PT…). Pergunto-me se alguém realmente acha que com tal conjuntura a direita nacional daria a menor chance a alguém de modificar este estado de coisas. Lula já tem seu lugar na História e ninguém vai tirá-lo, mas daí a achar que isto pode mudar a condição atual do PT, sinceramente me parece irreal. Não quero dizer com isto que devamos deixar o campo e perder por W.O., apenas que não vejo como dadas as condições para uma reviravolta tão grande sem uma real “sacudida” nas estruturas sociais, o que não vislumbro possível. O que é que estou deixando de ver?

    1. Caro cirista: o PT é o partido que mais ganha filiados no Brasil. Não podemos dizer o mesmo do pdt, né?

      1. Caro Romualdo, sugiro mais cuidado ao emitir julgamentos sobre quem você desconhece. Só pra esclarecer, não sou e jamais fui cirista, psolista ou o que quer que seja. Aliás, qualquer um que conheça a trajetória dos Ferreira Gomes em Sobral-CE sabe do vício de origem do candidato, o autoritarismo. Quando questiono o discurso do PT, o faço do lugar de fala de quem votou neste partido desde 1989. E é justamente por isto que, a despeito de saber muito bem do crescimento do número de filiados (releia meu comentário sobre o maior partido de viés social do País), lembro que isto eleitoralmente nada quer dizer, pois não são apenas os filiados partidários que votam. Não estamos falando de eleições para o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. O que, aliás, é muito bom, pois a força eleitoral do PT não foi baseada nisto, e sim na população carente que se sentiu finalmente representada por um partido. Minha dúvida é em que base pode-se afirmar com tanta convicção um capital eleitoral que o partido, hoje, não parece ter mais. No PT, a mídia colou eficientemente os rótulos de “mentiroso” e “corrupto”, e vai usá-los à vontade na campanha. Não vamos confundir lulismo e petismo, o primeiro tornou-se muito, muito maior que o segundo. Mas nem isto foi suficiente para evitar a tragédia doriana na eleição para prefeito de SP; como poderá garantir que isto não se repetirá em âmbito nacional? Pior ainda, em quanto as questões internas do partido estão ajudando a tornar mais difícil uma mudança no panorama eleitoral? Ao que imagino, são questões que precisam ser refletidas antes, durante e após a campanha. A esquerda nacional precisa aprender a lidar com a mais adversa situação que já viveu (nas ditaduras, boa parte do Judiciário funcionava como anteparo diante do arbítrio; hoje, colabora com ele). E certamente não é rotular quem questiona que trará mais luz ao assunto. Na verdade, isto nos aproximaria exatamente daqueles que sempre combatemos. Saudações!

  6. :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra??S??il e postando:

    Poesia contra a distopia (Distopia = Ideia ou descrição de um país ou de uma sociedade imaginários (!??!!!????) em que tudo está organizado de uma forma opressiva, assustadora ou totalitária, por oposição à utopia. “Distopia”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/distopia [consultado em 13-10-2016].)

    Poema(s) acróstico(s) para o maior e melhor brasileiro de todos os tempos : Luiz Inácio LULA da Silva :

    L ouvemos quem bem merece o mais pleno louvor:
    U m homem simples, como as coisas boas da vida,
    Í ntimo camarada, nosso irmão e amigo de valor,
    Z elando sempre pelo bem da humanidade querida.

    I nimigo dos maus, amigo dos bons, trabalhador
    N ascido do povo que muito o ama e admira,
    Á rvore de bons frutos, os de melhor sabor,
    C onsciência plena de tudo que no mundo gira,
    I magem perfeita do homem de si senhor,
    O humano defensor de humana lira.

    L uz de nossa gente, lutador incansável,
    U m verdadeiro herói do povo brasileiro,
    L úcido e consciente do mais admirável
    A mor pelo ser humano e verdadeiro.

    D igno e sincero, fraterno e muito humano,
    A migo do povo, honesto e sempre lhano.

    S eja o meu/nosso canto para te louvar,
    I sso que a voz do povo já disse várias vezes:
    L ula, o BraSil vive mais feliz só por te amar,
    V itória da melhor sorte no número treze,
    A fazer do brasileiro a humanidade a se ampliar.
    ::
    Autor: Cláudio Carvalho Fernandes ( PoeTa anarcoexistencialista )
    .:.
    L uz do povo brasileiro,
    U m digno e fiel lutador,
    L astreando com real valor
    A honra do BraSil inteiro.
    .:.
    L ula livrou 36 milhões da pobreza,
    U m feito memorável, sem precedentes,
    L utando contra a mídia venal, teve a certeza
    A bsoluta de estar ao lado dos brasileiros conscientes.
    .:.
    L ivrando da miséria extrema 36 milhões de brasileiros,
    U m feito sem igual, que, por si só, já bastaria,
    L ula segue sendo no mundo um dos primeiros
    A fazer de seu povo a eterna rima rica de sua poesia.
    .:. ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? * * * * * * * * * * * * * ? ? ? ? * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) ! ! ! ! Lul(inh)a Paz e Amor (mas sem contemporizações indevidas, ou seja : SEM VASELINA) 2018 neles/as (que já PERDERAM, tomaram DE QUATRO nas 4 mais recentes eleições presidenciais no BraSil) ! ! ! ! !
    * * * * ? ? ? ? * * * * * * * * * * * * * ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????? ::

    ???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????? ::

  7. Pois essa CANALHA,criada pelo JORNALISMO PATRONAL,pois todos os outros JORNALISMOS,são também,além de POBRES,quase todos CLANDESTINOS,como o FOCO DA PROPAGANDA E NA PROPAGANDA,fala somente para parte da SOCIEDADE,os admiradores dos KIM E FROTA e assemelhados,redundam disso tudo,os BÓSTA-ONARO da vida de cada um.Claro esta que os RAIVOSOS PEQUENOS BURGUESES,pro não conseguirem se alçar até onde estão seus senhores,OS BURGUESES,se contentam a contra gosto,por isso suas fúrias eternas,em alcançar AS GENITÁLIAS DOS SEUS SENHORES,e responsabilizam o POVÃO,por não alçarem-se aos seus CÉUS PARTICULARES.

  8. Não. Essa eleição não seria fácil para os golpistas porque Lula voltaria e eles sabiam disso. Não tinham saída senão prender o grande Lula, mesmo que o transformassem em mártir.

    1. Muitos admirados mundo afora enquanto os canalhas que por inveja e como se dizia antigamente, “por despeito”, os perseguiram estão na lata do lixo da história. É esse o futuro dos “despeitados” atuais que perseguem o LULA. Nojo e muito, já temos deles

  9. Estava eu numa sala de espera de um consultório médico
    quando ouvi de sujeito tipo coxinha que conversava com outro: ” eu queria saber porque tanta gente
    inteligente, defende o Lula e diz que
    votará no Lula”.Desconhece ele que
    realmente quem tem cérebro vota no LULA.

    Quem não tem… vota inclusive
    no tal álvaro, o “botoxado” e
    corrupto mais sujo que pau de galinheiro
    que também desconhecendo o desejo do
    povão, disse que a candidatura do LULA é
    um insulto a esse povão.

    Insulto aos brasileiros que fazem uso do cérebro, é a
    candidatura desse golpista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.