CPI terá clima de guerra e ‘bancada da cara feia’ amanhã

Tudo indica que a sessão de amanhã da CPI da Covid vai caminhar para um clima de guerra, que pode levar para situações inimagináveis.

O deputado Luís Miranda mostra que está com a faca nos dentes ao oficiar à CPI pedindo a prisão de Onyx Lorenzoni e do Coronel Élcio Franco por terem-no ameaçado ontem em uma entrevista no Planalto, pelas denúncias de negociatas na compra da vacina Covaxin.

O senador Luiz Rancho Queimado Heinze promete “exibir a ficha” de Miranda.

O senador Humberto Costa pediu controle no acesso ao plenário, porque está informado que deputados bolsonaristas preparam-se para formar um paredão ameaçador, que já chamei de “bancada da cara feia”. Possivelmente sob o comando de Flávio Bolsonaro.

Por sorte, com a ordem de prisão do brucutu Daniel Silveira, reeditada hoje por Alexandre de Morais, haverá um ‘armário ‘ a menos na, literalmente, tropa de choque que vai tentar “melar” o depoimento do deputado que eles consideram “traidor”.

Espero não ter que me transformar em comentarista de MMA (no meu tempo, telecatch), pois vou acompanhar a sessão ao vivo, com a companhia do Leandro Fortes, no programa Bom para Todos, da TVT, no Youtube e no próprio blog, a partir das 14 horas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.