Fiori: “A direita e os seus juízes transformaram Lula num mito”

fiorilula

No excelente site Tutameia, de Rodolfo e Eleonora de Lucena,durante 10 anos diretora-executiva da Folha, publica-se uma entrevista cuja leitura é indispensável.

O cientista politico José Luiz Fiori, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, analisa com extrema lucidez, totalmente fora do “pragmatismo” do “perde-ganha eleitoral” a situação de Lula, da esquerda e a do pais:

 O ex-presidente Lula já não é mais apenas uma candidatura. Ele é uma causa e é a grande causa que unirá daqui para frente as forças progressistas do Brasil e da América do Sul. Não adianta pensar, no momento, em candidaturas “alternativas” que não vão ganhar ou simplesmente não vão governar nesse quadro que aí está.  Ou se muda esse quadro e se junta um conjunto de forças poderosas, ou não haverá governo progressista viável de nenhum tipo, seja quem for o indivíduo ou candidato. A menos que as forças progressistas queiram repetir a candidatura simbólica do dr. Ulysses Guimarães em 1974.

É bom que as pessoas entendam que essa crise aberta pelo golpe de Estado e essa divisão da sociedade brasileira –promovida ativamente pela imprensa conservadora– devem continuar ainda por muito tempo e exigirão uma enorme paciência estratégica. Não adianta achar que vai se virar a mesa na próxima meia hora.

Ainda assim, Fiori crê que a camada político-judicial que ocupa a ribalta da política do Brasil vai perder importância, talvez porque em lugar dela venham ou a força repressiva ou a representação direta do capital financeiro. Ou ambas.

TUTAMÉIA — Qual será o futuro político das pessoas que o julgaram e encarceraram?

JOSÉ LUÍS FIORI — O mais provável é que venham a ter o mesmo destino de todos os “savonarolas” que já existiram através da história. Apesar de que, no caso brasileiro, essas pessoas não têm o menor fôlego pessoal e intelectual para se transformarem em lideranças carismáticas. São figuras menores, já cumpriram o papel que lhes foi encomendado e devem voltar para o anonimato de onde vieram.

TUTAMÉIA — E qual o impacto mais geral sobre a sociedade brasileira?

JOSÉ LUÍS FIORI — Essa grande encenação –e, sobretudo, esse final patrocinado pelo STF –consolidou uma divisão e uma polarização da sociedade brasileira que que deverá durar por muitos e muitos anos. Vai ser muito difícil de reverter isso. Também vai ser muito difícil sair desse buraco imediato, porque o Estado, as autoridades públicas e a sociedade brasileira aparecem divididos de cima abaixo. Os golpistas estão completamente divididos. O Congresso está quase rachado e desmoralizado. O STF está partido ao meio, perdeu a sua aura de neutralidade e sua credibilidade foi rebaixada por suas brigas internas e por suas sessões infindáveis, marcadas pelo exibicionismo dos seus juízes com seu palavreado gongórico e quase sempre inócuo.

É também importantíssima a conexão que Fiori faz entre a rápida corrosão da aliança golpista e as mudanças no cenário mundoa provocadas a partir da eleição de Donald Trump. Ele suspeita que essa inesperada mudança no centro do mundo tenha influenciado  “na perda completa de rumo dos seus líderes tucanos, incluindo a desmontagem moral do seu candidato presidencial”.

Qualquer resumo que faça aqui, porém, será pobre perto do conjunto de argumentos que a entrevista levanta. Vale muito, inestimavelmente, cada minuto de sua leitura, aqui.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

19 respostas

  1. O TRIPLEX É NOSSO

    “MTST e a Povo Sem Medo acabam de ocupar o triplex do Guarujá, atribuído a Lula por Moro. Se é do Lula, o povo poderá ficar. Se não é, por que então ele está preso?”, questionou o líder do MTST e presidenciável do PSOL, Guilherme Boulos.

    Excelente iniciativa!!!! Será que vai aparecer um dono? Se é do Lula mesmo, então, tudo bem, né juizeco curitibano sem nome na história?! Nunca usufruiu do imóvel que é atribuído a ele. Já que esta preso e não pode usufruir e fazem questão de atribuir a ele, logo, Lulão pode emprestar pra quem quiser enquanto esse processo não se esgotar.

  2. Maravilha, leitura obrigatória. Eu modestamente também sempre achei que a cisão do país não tem mais volta. Principalmente porque ela é apenas o afloramento do que sempre esteve aí. Ela se revelou porque os mais humildes “passaram a existir” com Lula. Antes eles eram “nada”, não incomodavam, não tinham voz, poder nenhum, apenas diziam “sim senhor”. Quando Lula lhes deu alguma coisa, não muita coisa, aí a farsa acabou e a verdade ficou nua.

    1. É isso mesmo. Lula é a suprema razão da existência de todos eles. Ser fanático por Lula é normal, mas ser fanático por atacar o Lula é doença..

    2. A elite rentista do país (que planejou o golpe), criou na classe média a ilusão de que eles também pertenciam a elite. Como bem explicou o professor Fiori, quando a recessão inevitável se aprofundar, serão descartados para o empobrecimento e a insignificancia junto com o resto do povão. Isso já começa a acontecer, e talvez explique a frustração e o ódio expresso por essas pessoas. O projeto neoliberal (um sintoma da globalização do sistema capitalista) acabou em 2008/2009 (só foi mantido artificialmente respirando com a ajuda dos Estados nacionais). Agora esse oxigênio acabou. Nos EUA, na China, na Rússia, na Europa,. o nacionalismo e o protecionismo retornam com força total. Cada país vai defender a ferro e a fogo seu território, seu mercado consumidor e cuidar da própria vida. A direita brasileira chegou no cinema no final do filme. Vai pagar um preço por isso…..

  3. Quanto a “uma divisão e uma polarização da sociedade brasileira que que deverá durar por muitos e muitos anos”, não aceito coxinhas vindo me falar em paz e união pelo País, depois que eles promoveram o GOLPE e, não satisfeitos, perseguiram o LULA.

    Não esqueceremos! Fascistas FDP!!!

    1. Esta geração está dividida até a morte, não me reconcilio também, a não ser que nos peçam desculpas. Espera-se que nossos filhos ou netos consigam se reconciliar, mas para isso acontecer o país precisa voltar a ser democrático e progressista. LULA2018

  4. É exatamente assim que penso. Não adianta uma candidatura alternativa, pelas razões que Fiori bem aponta. A nós cabe resistir. E resistir é eleger Lula na cadeira. Será um forma de desobediência civil muito significativa.

  5. SOMOS TODOS LULA

    “Embaixo desse ser humano há mais do que carne. Atrás desse ser humano há uma ideia. E ideias são à prova de balas”

  6. SE PEDIREM A REINTEGRAÇÃO DE POSSE NA CERTA APARECERÁ QUEM É O VERDADEIRO DONO PROPRIETÁRIO DO IMÓVEL COM CERTEZA! SERÁ QUE VÃO SE ARRISCAR A PEDIR A REINTEGRAÇÃO DE POSSE!

    1. Somente o proprietário pode pedir a reintegração de posse. E aí, fudeu para o juizeco e os 3 patetas do MP-PR + TRF4

  7. RESPOSTA A QUEM JULGA A DECISÃO DO LULA

    Resposta a quem julga os outros, a quem julga e critica a decisão do Lula de se entregar no dia 07 de abril, a tem arrogância para o chamar de covarde. Se Lula decidisse pela via mais radical, pela via da emoção dos manifestantes e não pela razão e por sua intuição.

    Estaria preso da mesma forma, porém com vítimas físicas. Quem estaria a perder a vida? Quem não tem filhos, quem não tem nada a perder? E quem tem pode ser chamado de covarde, se o final seria o mesmo (LULA PRESO)?

    Ou vocês acham mesmo que a PF não entraria?! A PM fascista de São Paulo estava pronta para agir de forma criminosa. Estaria você disposto a ver seu filho sangrando?

  8. “essas pessoas não têm o menor fôlego pessoal e intelectual para se transformarem em lideranças carismáticas. São figuras menores, já cumpriram o papel que lhes foi encomendado e devem voltar para o anonimato de onde vieram.”

    Moro, Dallagnol, desaparecerão, são descartáveis, como já foram Demóstenes, et caverna.

    Bye bye. A História não lhes reservará espaço nos livros…

  9. Getúlio passou a história depois da morte.lula passa a história em vida! Mártir.mito. A direita e seus sequazes quiseram ver a crer! TAI O RESULTADO!!!! Lula uma ideia!

  10. Quanto ao sr.Fiori,até li,mas quanto aos dois antigos servidores da FOLHA,não mudarão nada,visto terem ,como escravos dos donos da FOLHA,e carregarão para sempre,suas CRETINICES.JORNALISMO,dá nisso,pois somente o JORNALISMO edita e não diz donde tirou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.