Inflação retoma alta e IPCA-15 de junho vai a 0,83%

O IBGE divulgou a prévia da inflação (o IPCA-15) de junho e o resultado é o de uma retomada da elevação de preços que leva o indicado a 4,23% desde janeiro e a 8,13 em 12 meses.

É bom notar que a medição ainda não incorpora a elevação do preço da energia, com a elevação das bandeiras tarifárias – que, mês que vem, terão aumento ainda maior.

A repetição deste índice na medição final, o IPCA de junho, a inflação acumulada em um ano irá a 8,7% e, dependendo do que vier de reajuste na tarifa de luz, em julho estaremos rondando os 10% de perda de valor de compra da moeda.

A “recuperação econômica” concentrada no setor exportador e no mercado financeiro significa, literalmente, nada quando não se reflete no aumento da renda do trabalho e esta se corrói na elevação dos preços de consumo.

Pior, leva a uma dinâmica de custos e preços que passa a embutir a perspectiva da corrosão da moeda, uma máquina perversa que nós, brasileiros, conhecemos muito bem.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.