Moro e a moral dos moralistas

moromoral1

No final da noite de ontem, escrevi que “não há quem desacate mais a Justiça que o Judiciário” e que nada a degradou publicamente, nos últimos tempos do  que o auxílio-moradia–duplex do casal Bretas&Bretas.

O sentimento estava no ar, e baixou ao papel da Folha de S.Paulo hoje, com a reportagem Moro tem imóvel em Curitiba, mas recebe auxílio-moradia de R$ 4.378, livre de impostos.

Dizer que é legal, embora não seja moral – argumento de 11 entre 10 juízes e adeptos da ferocidade judicial – não soluciona o problema de um Judiciário que, faz tempo, trocou a análise legal pelo julgamento moral, a forma que encontrou para execrar seus adversários.

Ou não foi assim que fez a exibição de pedalinhos, barquinhos de lata, pretensões a comprar um apartamento e tudo o mais que usou para criar na população a ideia de que Lula teria se locupletado com a política?

Se quisermos ficar no campo da chacota, tantas vezes utilizado contra o ex-presidente, poderíamos dizer que Moro recebeu, desde  setembro de 2014, o suficiente para comprar uma flotilha de 60 pedalinhos.

O assunto, porém, é sério demais para ser tratado com a estupidez reinante.

Embora não seja pouco – e, pior, seja escandaloso diante do quadro de pobreza de um país onde representa mais do que o ganho de quatro trabalhadores de salário mínimo, que têm de morar, vestir, comer e em tudo “se virarem” com  R$ 954 – o que está em jogo é a régua com que o Judiciário passou a medir os homens públicos, claro que apenas quando politicamente lhe interessava fazê-lo.

Aceitar, por exemplo, que o recebimento indevido – e se pode dizer que seja devido um auxílio-moradia a quem mora no que é seu? – de dinheiro público é o responsável pelos sofrimentos do povo, que até mata pessoas por falta de saúde ou de saneamento, não é a mesma conta que se pode fazer com o bilhão que já custou aos cofres da Nação o “pixuleco” pago ao distinto clube de suas excelências?

Repito desde que me entendo por gente e o faço outra vez: ao se defrontar com um moralista, segure sua carteira.

Quem alardeia a moralidade dificilmente a pratica.

 

contrib1

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

60 respostas

  1. Notou que fi só perderem a serventia na condenação de Lula os arautos da moralidade Bretas, Moro começaram a apanhar?
    Só eles não sabiam disso.

    1. Arnestinha Pederasta

      Não gostou da pesquisa?
      Aprova o “auxílio sem-vergonha ?
      Você é mesmo um enorme monte de BOSTA !
      O troca-troca continua.
      Vão dar muito cu esse final de semana ?
      Quem chupa quem ?
      Vê se escreve algo com nexo.
      Não aguenta fumo na bundinha, vagabunda pederasta ?
      Não aguenta cachaça, toma leite, cadelinha.
      Sua candidata tomou no CU?
      A Bolsonara se fodeu ? Aceite boneca fela da puta !
      Seu herói, o Moro foi desmoralizado ?
      Fodam-se você e ele !
      Xibunguinha !
      Vadia !

    2. Os próximos serão do TRF4? depois de julgar os embargos veremos. Será que o pig está com medo da guilhotina e escolhendo os sacrificáveis?

  2. Essas ‘otoridades’ estão ganhando diárias, passagens e outros penduricalhos para viajar pelo país para fazer palestras com ganhos pessoais enquanto deveriam estar trabalhando no trabalho para o qual já são pagas pelo Estado. VERGONHA!

  3. Desde 2014 são 54 pagamentos com 13 salário) o que resulta em 232.034,00 um trabalhador que trabalhe com carteira assinada e receba 13 salário, ganhando o piso ( salário mínimo) deverá trabalhar aproximadamente 19 anos para auferir o que os Moros e os juizes do TRF 4 ganham de auxílio moradia ( apenas nestes 4 anos), um político que que luta por melhores condições de vida ao seu povo tem que ser condenado por pessoas com padrão moral dessas estirpe.

  4. “Quem alardeia a moralidade dificilmente a pratica”.
    Perfeito Brito. E eu diria mais: NUNCA A PRATICA. Quem tem moral não precisa gritar aos quatro cantos do mundo. Quer um exemplo? Políticos que enchiam a boca para acusar o PT de tudo estão envolvidos em casos de corrupção. Minha experiência de vida me fez aprender que o quero quero sempre canta longe do ninho. É uma espécie de cortina de fumaça para esconder seus ovos. Da mesma maneira corruptos acusam e fazem discursos inflamados para tirarem o foco de si mesmo. Essa cantoria já é velha conhecida.

  5. Este é um dos onze princípios da propaganda de Goebbels. Qualquer semelhança com o que a direita político-juridíco-midiática anda fazendo neste país não é mera coincidência:
    “Princípio da transposição. Atribuir ao adversário os próprios erros ou defeitos”

    1. Mas este negócio do bolsa-moradia… quer dizer, auxílio moradia dos caras da justissa é genial. Eles alugam o imóvel para o estado, nós é que pagamos o aluguel e eles, os próprios juízes, continuam morando no imóvel. Se for certa a estatística que divulgaram, 92% dos trabalhadores brazieiros tem salários inferiores ao bolsa moradia dos juízes.
      E as panelas seguem silenciosas…

  6. Eu li o absurdo acima citado na reportagem da FDP… ops FSP…Senti uma ojeriza tremenda aos comentários do povo defendendo o Moro…Né pergunto estou tendo pesadelos?Ingeri algum chá de cogumelo???A população sendo lesada…E defendendo o infrator…Realmente o povo não odeia a corrupção odeia o PT….

    1. Já pensou que engraçado: o cliente bate tua carteira e depois paga pelo serviço prestado com o teu dinheiro. Já até sei a qual partido você e a genitora irão se filiar: ao P(h)odemos.

    1. … ‘Nois’ já sabíamos que o juizeco de piso ‘mor(T)o’ é [mais] um moralista sem moral alguma!
      Mas, ele está tranquilão:
      o futuro o espera nos EUA!
      “Boa-viagem”, energúnemo!

      ***

      … Será que o *PiMG está começando a enxotar o ‘mor(T)o’?
      Sim, o PiMG irá anular a Operação ‘Farsa a Jato’ no STFede!
      O “day after” anunciado após a prisão do honrado e inocente presidente Lula após a condenação na segunda instância da espelunca do Projac núcleo TRF-4!
      A Operação ‘Farsa a Jato’ tem mais furos do que uma peneira de garimpeiro!
      *PiMG: Partido da imprensa Mafiiosa &$ Golpista

  7. 100 anos, mudam os personagens, mas o enredo e as tramas da Bruzundanga não mudam nada: os mesmos financistas, a mesma nobreza doutoral. os mesmos mandachuvas de sempre, os mesmos expedientes, a mesma resignação de que sofre o efeito de toda essa minoria de sempre. Viva Lima, Lima vive.

  8. Arnestinha Pederasta

    Não gostou da pesquisa?
    Aprova o “auxílio sem-vergonha ?
    Você é mesmo um enorme monte de BOSTA !
    O troca-troca continua.
    Vão dar muito cu esse final de semana ?
    Quem chupa quem ?
    Vê se escreve algo com nexo.
    Não aguenta fumo na bundinha, vagabunda pederasta ?
    Não aguenta cachaça, toma leite, cadelinha.
    Sua candidata tomou no CU?
    A Bolsonara se fodeu ? Aceite boneca fela da puta !
    Seu herói, o Moro foi desmoralizado ?
    Fodam-se você e ele !
    Xibunguinha !
    Cadelinha

  9. Arnestinha Pederasta Passiva

    Não gostou da pesquisa?
    Aprova o “auxílio sem-vergonha ?
    Você é mesmo um enorme monte de BOSTA !
    O troca-troca continua.
    Vão dar muito cu esse final de semana ?
    Quem chupa quem ?
    Vê se escreve algo com nexo.
    Não aguenta fumo na bundinha, vagabunda pederasta ?
    Não aguenta cachaça, toma leite, cadelinha.
    Sua candidata tomou no CU?
    A Bolsonara se fodeu ? Aceite boneca fela da puta !
    Seu herói, o Moro foi desmoralizado ?
    Fodam-se você e ele !
    Xibunguinha !
    Vadia !

  10. ATENÇÃO PARCELA DO BEM DA NAÇÃO BRASILEIRA

    A Operação jurídico-midiático-financista ‘Farsa a Jato – o pré-sal é dos gringos’ será anulada pelo STFede no “day after” à prisão do honrado, inocente e eterno presidente Lula em segunda instância.
    A ‘Farsa a Jato’ nazigolpista tem mais furos do que uma peneira de garimpeiro!
    E ‘vaza’ merdas por todos os múltiplos oríficios!
    Segue um exemplo trivial.
    “Pois é, Excelência, eu declarei isso porque eu ia declarar qualquer coisa que ele [o Yousseff] me *falasse; qualquer coisa que ele me falasse eu ia declarar. Minha finalidade única era sair de lá [da prisão], eu não estava aguentando aquilo. Aquilo, aquilo… Na minha concepção (…) Sim, foi o Yousseff que me orientou o que dizer no depoimento. Ele [o Yousseff] desceu para lá [para a carceragem], eu estava com ele, eu desci com ele, eu desci na cela com ele, eu falei ‘pro’ senhor [o juízo] ainda agora. Eu desci com ele [Yousseff]! Eu fiquei numa cela ao lado da dele [a cela do Yousseff]! Nós conversávamos! E ele me passou: ‘oh, em tão lugar foi isso, então aquele hotel era de fulano’…”
    Por policial federal Jayme Alves de Oliveira Filho o ‘Careca’
    *delação combinada entre Alberto Yousseff e o agente da Polícia Federal Jayme Alves de Oliveira Filho o ‘Careca’, que não é o DEMoTucano ‘José (S)erra das alcunhas do Petrolão da Odebrecht!
    https://www.youtube.com/watch?v=z3ndjskFeJk

    1. Dileto(a) leitor(a), observe a partir do 08:50 do vídeo abaixo, o depoente narra como se dá a pressão do encarcerado para delatar até a mãe do sujeito!
      Ah esta PORCA-tarefa do ‘miniSTÉRIO’ PRIVADA fura-teto lesa-pátria!
      Se um agente da Polícia Federal não suportou as masmorras da PORCA-tarefa, imagine os demais oprimidos/achacados…
      O Palocci que o diga “pacto de sangue”!
      Imagine o leviano, covarde e irresponsável Léo Pinheiro!
      Imagine…
      Ah esta ‘Guantánamo da Província Agrícola do Paraná’!
      A propósito, quantas malas de dinheiro o ‘Careca’ levou para o DEMoTucano ‘Mineirinho’?
      E para o mimiSHELL?
      E para o [eduardo] CUnha?
      Ah, já sei:
      “esta ‘TransCareca’ não vem ao caso!”

      NOTA ACAUTELATÓRIA EM TEMPOS NAZIGOLPISTAS/ENTREGUISTAS:
      depois de prenderem o honrado, inocente e eterno presidente Lula, esta porcaria de Operação ‘Farsa a Jato – o pré-sal é dos gringos’ será anulada mais rapidamente do que a Satiagraha, a Castelo de Areia…
      E o nosso nariz de palhaço padrão Itu?
      Refestelado num leito de UTI de um Hospital qualquer enquanto houver SUS!

      O vídeo
      ALVÍSSARAS!
      Surgiu um ‘Careca’ que poderá salvar o inocente presidente Lula, vítima do fascismo jurídico do ‘braZ$&l’!
      Entenda
      A defesa do ‘Careca’ – Jayme Alves de Oliveira Filho, agente de Polícia Federal – deverá ingressará com alguma medida cautelar…
      Bingo!
      Aí, aí… A senhora Cármen Lúcia declarará para o mundo:
      “O caso envolvendo o eminente (sic) ‘Careca’ Jayme Alves de Oliveira Filho impõe que o STF julgue a constitucionalidade da prisão após condenação em segunda instância. Esta pauta específica ‘AGINGATARÁ’ esta suprema corte!”
      https://www.youtube.com/watch?v=J9E7-KUTY7Q

      1. Ajuste
        Dileto(a) leitor(a), observe a partir do 08:50 do vídeo abaixo, o depoente narra como se dá a pressão sobre o encarcerado para delatar até a mãe do sujeito!
        Ah esta PORCA-tarefa do ‘miniSTÉRIO’ PRIVADA fura-teto lesa-pátria!

  11. Pixuleco de Moro e Bretas não é auxílio-moradia, é corrupção mesmo, diz deputado

    Do deputado Wadih Damous, deputado federal (PT-RJ) e ex-presidente da OAB-RJ, sobre o auxílio-moradia embolsado por Bretas, Moro e extensa companhia judiciária:

    Postado em 2 de fevereiro de 2018

    “O auxílio moradia não é ‘auxílio’ coisa nenhuma, é salário disfarçado e mostra que a corrupção não é exclusividade do mundo político, mas atinge o Judiciário em todas as suas esferas inclusive os ‘campeões’ do combate à corrupção que deveriam devolver ao erário os ganhos ilícitos.”

    (…)

    FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.diariodocentrodomundo.com.br/essencial/pixuleco-de-moro-e-bretas-nao-e-auxilio-moradia-e-corrupcao-mesmo-diz-deputado/

    1. Depois de Honduras, o golpe jurídico vagabundíssimo foi no Brasil!
      Depois do futuro breve golpe militar na Venezuela, os militares irão intervir no…

      $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

      Secretário dos EUA sugere golpe militar na Venezuela

      O secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, sugeriu nesta quinta-feira (1º) a possibilidade de um golpe militar na Venezuela, ao lançar a estratégia do governo de Donald Trump para a região; ele afirmou que o “mais fácil” seria se o ditador Nicolás Maduro deixasse o poder e previu que haverá uma “mudança” na Venezuela; “Na história da Venezuela e dos países sul-americanos, às vezes os militares são o agente da mudança quando as coisas estão tão ruins e a liderança não serve ao povo”, discursou

      02/02/2018

      (…)

      FONTE [LÍMPIDA!]: https://www.brasil247.com/pt/247/mundo/340067/Secret%C3%A1rio-de-Estado-dos-EUA-ataca-a-China-e-defende-golpe-militar-na-Venezuela.htm

  12. tic tac tic tac
    ainda não conhecemos o candidato dos golpistas, só os aspones, os stags
    tic tac tic tac
    o nosso já sabemos: vivo ou morto, preso ou solto, candidato ou não, será um petista ou aquele que o PT indicar
    tic tac tic tac
    vai bater desespero na ala golpista no final da apuração
    tic tac tic tac

  13. Nossa, quanta dor de cotovelo. Quanto recalque do autor deste artigo e dos demais comentaristas. Muitos aqui não sabem a odisseia que é passar em um concurso da magistratura. São anos de estudo, leituras incansáveis, estudo, disciplina e etc. Isso sem falar no trabalho, que é árduo e possui uma altíssima carga de responsabilidade. É árduo porque o brasileiro não sabe resolver os seus problemas sem a intervenção do judiciário. As demandas crescem exponencialmente. A responsabilidade decorre do fato de que o juiz não pode se dar ao luxo de cometer erros: são vidas que passam por suas mãos. É um cargo cármico. Agora vem vocês, desqualificados que esperam uma gorda teta do estado para trabalhar, para, então, criticar essa merreca de 4.000 por mês de auxílio moradia?!? Francamente! Mas nós não somos egoístas. Venham para a magistratura! Façam concurso! Existem muitas vagas ainda. Venham experimentar a impagável sensação de vencer pelo mérito, pelo estudo! Venham para a magistratura!

    1. Ok, aproveita e pergunte ao seu colega Moro qual foi a piada tão engraçada que ele contou para Aécio, já que ambos estavam rindo muito.

    2. Bruno, como você é um advogado muito bem sucedido – parabéns – deve conhecer o Código de Ética da Magistratura, no seu capítulo V:
      CAPÍTULO V, com grifos meus:

      INTEGRIDADE PESSOAL E PROFISSIONAL

      Art. 15. A integridade de conduta do magistrado fora do âmbito estrito da atividade jurisdicional contribui para uma fundada confiança dos cidadãos na judicatura.

      Art. 16. O magistrado deve comportar-se na vida privada de modo a dignificar a função, cônscio de que o exercício da atividade jurisdicional impõe restrições e exigências pessoais distintas das acometidas aos cidadãos em geral.

      Art. 17.É dever do magistrado recusar benefícios ou vantagens de ente público, de empresa privada ou de pessoa física que possam comprometer sua independência funcional.

      Art. 18. Ao magistrado é vedado usar para fins privados, sem autorização, os bens públicos ou os meios disponibilizados para o exercício de suas funções.

      Art. 19. Cumpre ao magistrado adotar as medidas necessárias para evitar que possa surgir qualquer dúvida razoável sobre a legitimidade de suas receitas e de sua situação econômico-patrimonial.

      Estudar, passar em concurso é um mérito. Mas o mérito não gera – ou não deveria gerar – privilégio nem vantagem que nenhum servidor tem, o de receber auxílio-moradia sem que isso se justifique pelo efetivo exercício da função fora do seu local de moradia ou possuindo imóvel próprio. A propósito, veja, por analogia, o decreto 3.255/99, assinado por Marco Maciel http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/D3255.htm, onde se lê:
      Art. 3o Não fará jus ao benefício do ressarcimento o dirigente que for proprietário, promitente comprador, cessionário ou promitente cessionário de imóvel residencial na cidade para onde se tenha transferido, incluída a hipótese de lote edificado sem averbação de construção.

      Parágrafo único. Igualmente não fará jus ao benefício o dirigente cujo cônjuge ou companheiro ou companheira, amparados por lei, encontrem-se na situação descrita no caput deste artigo.

    3. .Ola Bruno! Sei de onde você copiou isto na internet e colou no Tijolaço. Fique frio, aqui se pode delatar expontaneamente, não existem : “pau de arara” e nem “choques elétricos”.Quanto mais tortura psicológica. Sinta-se à vontade.O nosso regime é democrático e dentro do verdadeiro estado de direitos previsto na constituição federal de

    4. ‘Desqualificado e que espera uma gorda teta do estado para trabalhar’, só se for tu, além de comentar aqui, sou empresário, sem relação de negócio com o setor público e ‘mamado’ pelo mesmo, para ajudar a paga-los e sei muito bem como vive e pensa a grande maioria dos ‘qualificados’, quase sempre sem outra experiência profissional e de vida, que passam em concursos na base da ‘meia decoreba e meio esforço’ e nada aprendem para o imediato, pois faltam-lhes experiência, pouco trabalham, folgam praticamente três meses por ano, fora indas e vindas por aí, em seminários, simpósios, etc., e pior, dando-se agora a pretensão de quererem ser a consciência política do Brasil, professores de ética, da moral e dos bons costumes (justo eles) e decidirem em quem o povo pode ou não votar.
      Tenham a santa paciência, o judiciário brasileiro é onde abriga-se a nata herdeira da classe dominante e vige a embolorada e imperial maçonaria, sendo nada mais anacrônico que essa manjada autoproteção de pretensas divindades e colaboradora para que permanecêssemos até hoje como Colônia (com um ou outro ligeiro hiato rumo a soberania, imediatamente sufocados), regida pela extemporânea dicotomia, Patrimonialismo de Estado e Desigualdade.
      Educadamente, peço-lhe que vá pentear macacos, antes que a epidemia de febre amarela, corolária da atuação na saúde desses que te representam, dizime-os e junto, parte do povo.

    1. Guilherme quem sabe que o juiz moralista não arrematará o triplex no leilão de carta marcada?É só combinar com leiloeiro.Ele está fazendo mais questão daquele imóvel do que o LULA que não quis comprar.

      1. Pode ser. Com o contracheque do Moro, qualquer banco abre um crédito imobiliário para comprar dois iguais.

  14. Os moralistas sem moral da farsa-jato já cumpriram seu papel : derrubar Dilma / tornar lula inelegível . Agora levarão o devido pé na bunda e saberão que o poder econômico/midiático que lhes financiou e deu cobertura não tem amigos, só interesses. Serão devidamente descartados igual papel higiênico usado, para impedir que num arroubo de justiça queiram condenar alguém do andar de cima….. Na descida, encontrarão todos aqueles que pisotearam quando subiram….

  15. Arnescio deve ser neto do “saudoso” Afanasio Jazadji, só pode ser. O mbl/rl e o vem pra rua são o ccc e a udn rediviva, só que com uma cara mais tonta. É o feitiço do tempo.

  16. O argumento que é imoral e engorda juízes e fato . Nos mortais a curto prazo , sem saúde , segurança , etc. Até não nos importamos de pagar a conta sendo devida ou não , mas o que importa mesmo é que , eles não estão fazendo o seu trabalho como deveria ser . Imparciais juízes de verdade , são atores travestidos de juízes e juízes travestidos de atores , aonde a imparcialidade não existe . Quando se busca o equilíbrio e não acha é preciso uma nova ordem .
    Nunca me importei em pagar mais por qualquer serviço , desde que seja bem feito .

  17. Depois que o lawfare contra Lula passou pra Segunda Instância, Moro não tem mais utilidade e começa a ser jogado aos leões

  18. Com a palavra: 1º o controle interno do poder judiciário, que tem recursos para constatar os pagamentos indevidos, mesmos que fiquem a cargo de cada magistrado.E em 2º, o papel do Tribunal de Contas da União, o famigerado, TCU. Isso vem ocorrendo desde de 2014 e os auditores do TCU estão comendo mosca ou omitindo-se a respeito da ilegalidade, em certos casos, dessas remunerações? Esses órgãos de controle, na sua maioria, ficam a desejar.
    Há nessa matéria uma questão a ser ressaltada: O Juiz em questão ou outros na mesma situação, estão cometendo delito administrativo? Vejamos o que determina a resolução aprovada no CNJ.
    RESOLUÇÃO N°

    O PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA (CNJ), no uso de suas atribuições legais e constitucionais;

    CONSIDERANDO a notificação deste Colegiado para cumprimento de decisão proferida em 2 de setembro de 2014 na Medida Cautelar da Ação Originária 1.773-DF, em trâmite no Supremo Tribunal Federal;

    CONSIDERANDO o caráter nacional do Poder Judiciário, a unicidade da magistratura e a necessidade de se estabelecer parâmetros seguros ao cumprimento da aludida decisão;

    CONSIDERANDO que a Lei Orgânica da Magistratura (Lei Complementar 35, de 14 de março de 1979) prevê o direito à “ajuda de custo, para moradia, nas localidades em que não houver residência oficial à disposição do magistrado” (art. 65, II);

    CONSIDERANDO que a referida ajuda de custo vem sendo paga por diversos tribunais em patamares díspares, acarretando injustificável tratamento diferenciado entre magistrados;

    CONSIDERANDO o conteúdo da Resolução 13, de 21 de março de 2006, do Conselho Nacional de Justiça, que exclui da incidência do teto remuneratório constitucional a ajuda de custo para moradia, entre outras verbas (art. 8º, I, “b”);

    CONSIDERANDO o julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade 3.783-RO, que reconheceu o caráter indenizatório da ajuda de custo para moradia, desde que não haja residência oficial, e, ainda, o decidido pelo Supremo Tribunal Federal na Medida Cautelar da ADI 3854-1 e na ADI 3.367;

    CONSIDERANDO a deliberação do Plenário do CNJ no Pedido de Providências 0004500-56.2011.2.00.0000 e o que consta no Pedido de Providências 0001110-78.2011.2.00.0000;

    CONSIDERANDO o disposto no Processo de Comissão 0006164-25.2011.2.00.0000, reunido ao Processo de Comissão 0005452-35.2011.2.00.0000;

    CONSIDERANDO a decisão do Plenário do Conselho Nacional de Justiça, na 196ª Sessão Ordinária, realizada em 7 de outubro de 2014.

    RESOLVE:

    Art. 1º A ajuda de custo para moradia no âmbito do Poder Judiciário, prevista no art. 65, II, da Lei Complementar 35, de 14 de março de 1979, de caráter indenizatório, é devida a todos os membros da magistratura nacional.

    Art. 2º O valor da ajuda de custo para moradia não poderá exceder o fixado para os Ministros do Supremo Tribunal Federal.

    Parágrafo único. O valor devido a título de ajuda de custo para moradia não será inferior àquele pago aos membros do Ministério Público.

    Art. 3º O magistrado não terá direito ao pagamento da ajuda de custo para moradia quando:

    I – houver residência oficial colocada à sua disposição, ainda que não a utilize;
    II – inativo;
    III – licenciado sem percepção de subsídio;
    IV – perceber, ou pessoa com quem resida, vantagem da mesma natureza de qualquer órgão da administração pública, salvo se o cônjuge ou companheiro(a) mantiver residência em outra localidade.

    Art. 4º A ajuda de custo para moradia deverá ser requerida pelo magistrado, que deverá:

    I – indicar a localidade de sua residência;
    II – declarar não incorrer em quaisquer das vedações previstas no art. 3º desta Resolução;
    III – comprometer a comunicar à fonte pagadora da ajuda de custo para moradia o surgimento de quaisquer dessas vedações.

    Art. 5º As despesas para o implemento da ajuda de custo para moradia correrão por conta do orçamento de cada Tribunal ou Conselho, gerando a presente Resolução efeitos financeiros a partir de 15 de setembro de 2014.

    Art. 6º A percepção da ajuda de custo para moradia dar-se-á sem prejuízo de outras vantagens cabíveis previstas em lei ou regulamento.

    Art. 7º Ficam revogadas as disposições regulamentares em contrário.

    Art. 8º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

    Ministro Ricardo Lewandowski
    Chamo atenção para às disposições contidas no artigo 4º e seus Incisos.A questão não é a de receber ou não, e sim de cumprir fielmente com o prescrito no artigo 4º.

    1. Azenha, confira no site do STF que a Ministra Cármen Lúcia omitiu a informação de que existe sim um pedido de pauta para o plenário julgar a questão do comprimento antecipado de pena após a condenação em 2ª instância. O Ministro Marco Aurélio em despacho do dia 04/12/2017 na ADC 44 fez esse requerimento.
      A Ministra Cármen Lúcia se não incluir em pauta é por vontade política e não por inexistência de ação sobre o tema.

      http://www.stf.jus.br/portal/processo/verProcessoAndamento.asp?incidente=4986729

      Comentário proferido por Ruy
      em
      ‘Criminalistas gaúchos pedem ao ministro Marco Aurélio liminar que impediria prisão antecipada de Lula’
      01/02/2018 – 22h23

  19. Bela tentativa de tergiversar, desornesto. No outro post vc tentou a mesma tática. Tudo pra não admitir que seus Batmans, os Bretas e Moros e (como se chama aquele outro picareta da Zelotes mesmo? Aparecêncio), são na verdade um bando de santinhos do pau oco, mais sujos que pau de galinheiro, e manterão suas benesses e benefícios de boa-vida, mesmo depois de usarem de suas atribuições jurídicas para manipular a opinião pública e praticar um golpe político.

    Como é que falava um de vocês? Aceita, que dói menos?

      1. Na tétrica & horrenda fotografia acima

        ***

        TRF4 – Desembargador Gebran fala sobre a Lava Jato em fórum no Reino Unido
        21 de junho de 2016

        O desembargador federal João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), foi um dos participantes do Brazil Forum UK 2016, que reuniu nomes expressivos de diversas áreas de atuação do Brasil para debater os fatores da crise atual no país e as soluções possíveis. O encontro promovido pela London School of Economics (LSE) aconteceu na sexta-feira e no sábado (17 e 18/6), em Londres e em Oxford (UK).
        (…)
        Gebran Neto foi um dos palestrantes, juntamente com nomes como o ex-ministro das Relações Exteriores Celso Amorim, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luis Roberto Barroso e o ex-Advogado-geral da União Luis Inácio Adams. Participaram também o deputado federal Alessandro Molon (RJ), jornalistas correspondentes internacionais no Brasil, o diretor da Folha de S.Paulo Otavio Frias Filho, o economista Pérsio Arida e o filósofo Luiz Felipe Ponde, entre outros debatedores.
        Lava Jato na pauta do encontro internacional
        O magistrado relator dos recursos da Operação Lava Jato no TRF4 falou na manhã de sábado (18/6), na Universidade de Oxford, no painel: As regras da lei e dos institutos legais no Brasil- como as instituições e seus representantes podem lutar contra a corrupção no país?
        Gebran Neto dividiu o painel com os procuradores da República do Ministério Público Federal (MPF) Deltan Dallagnol e Paulo Roberto Galvão de Carvalho, e a advogada Esther Mirian Flesch.
        (…)
        Gebran também chamou a atenção sobre o olhar diferenciado a respeito da prova, avaliando que em crimes sofisticados como os da Operação Lava Jato, os indícios e as provas indiretas não podem ser considerados de menor importância. “O Judiciário está dando respostas positivas para a sociedade, mudando paradigmas. A crise é uma janela de oportunidades”, afirmou.

        FONTE: http://www.diarioinduscom.com/trf4-desembargador-gebran-fala-sobre-lava-jato-em-forum-no-reino-unido/

          1. … ‘miniSTÉRIO’ PRIVADA &$ Poder ‘Judi$$$iário’ ‘braZ$&leiro’ infestados de arrivistas, mercenários colonizados… E a serviço da destruição do Brasil!
            E do entreguismo vulgar!

            RESCALDO:
            quando a esquerda voltar ao poder, estabeleciemento de cotas para todos os concursos públicos federais, estaduais e municipais!
            Do contrário, nunca sairemos deste estágio pré-medieval o qual a “meritocracia” da imunda, sórdida e xucra casa grande nativa nos impõe!…

          2. … ‘miniSTÉRIO’ PRIVADA &$ Poder ‘Judi$$$iário’ ‘braZ$&leiros’ infestados de arrivistas, mercenários colonizados… E a serviço da destruição do Brasil!
            E do entreguismo vulgar!
            Com o STFede e tudo dentro!
            “O cheiro dos cavalos ao do povo!”

  20. BOMBA ATÔMICA?
    NÃO!
    MAIS MÍSSIL no ‘mor(T)o’!

    $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

    ZARATTINI DIZ QUE MORO SUBFATUROU COMPRA DE IMÓVEL E PEDE INVESTIGAÇÃO

    Começa a pegar fogo o polêmico auxílio-moradia recebido pelo juiz Sergio Moro, mesmo ele tendo imóvel próprio em Curitiba (PR); o deputado federal Carlos Zarattini (SP) pediu ao procurador Deltan Dallagnol que investigue a compra de um imóvel pelo magistrado; de acordo com o parlamentar, Moro declarou abaixo seu apartamento do valor de mercado, pois um imóvel de 256 metros quadrados é muito mais caro do que R$ 170 mil; “Moro comprou um ap de 256m2 pelo preço de um Minha Casa Minha Vida faixa 2. Vamos investigar Dallagnol???”, questionou

    2 DE FEVEREIRO DE 2018 ÀS 12:37

    (…)

    FONTE [LÍMPIDA!]: https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/340126/Zarattini-diz-que-Moro-subfaturou-compra-de-im%C3%B3vel-e-pede-investiga%C3%A7%C3%A3o.htm

  21. Já na semana passada, quando vieram à tina as capivaras e esqueletos de Marcelo Bretas eu comentei neste Tijolaço que era questão de poucos dias para que o PIG/PPV começasse a demolir o torquemada das araucárias, contra quem há muito mais do que soubemos até agora desse sucedâneo carioca. Eis que, antes da semana terminar, a mesma FSP lança o primeiro tiro de médio calibre contra o evangélico togado da 13ª VJF curitibana, ídolo nº 1 da maltas e matilhas manipuladas e cegadas pelo ódio nazifascista, líder a ORCRIM Fraude a Jato, agente das agência e departamentos de espionagem e investigação dos EEU, que o têm no bolso, assim como Eduardo Cunha.

    A resposta cínica do torquemada das araucárias a essa excrescência, a essa corrupção, que é o recebimento de auxílio-moradia, mesmo possuindo imóvel na cidade em que atua, Curitiba, mostra a canalhice e a falta de argumentos diante de fatos e provas indesmentíveis. É claro que a FSP e demais integrantes da ORCRIM midiática – liderada pela Globo – sabiam dessas capivaras e esqueletos que os moralistas imorais da Fraude a Jato guardam em frágeis armários. Mas esses veículos do PIG/PPV aguardaram os lavajateiros terminarem o serviço imundo -inabilitarem o Ex-Presidente Lula para a disputa da eleição presidencial- para só então demolir os heróis de pés-de-barro, esses criminosos enquistados e encastelados no sistema judiciário, cujo exemplo mais acintoso e desavergonhado é essa ORCRIM lavajateira. Carlinhos cu-de-frango, dartagnan propranolol, roberson preçobom, igor Romário, maurício grillo, érika marena e outros criminosos lavajateiros serão demolidos assim como já foi o moro e o sub-moro.

    O que aconteceu com Joaquim barbosa parece não ter servido de alerta para os demais moralistas imorais e criminosos enquistados encastelados nas ORCRIMS judiciárias.

  22. Os Moros, Bretas & cia devem continuar apanhando todo dia nos Blogues Progressistas. Correto! Mas não podemos nos contentar com as carniças descartadas pelo Pig. Eles são o “Paulo Afrodescendente” do judiciário. Que cobrem a fatura dos seus patrões! (Globo e CIA dos USA…) por deixarem “líderes” feridos pelo caminho….Devemos tirar os esqueletos dos armários dos ministros dos tribunais superiores (minúsculo mesmo!…) tse e stf, que é onde vai se homologar o novo capítulo do GOLPE. Moro, TRF4 e STJ já fizeram o serviço sujo contratado. Agora temos que adiantar os passos e começar, já, a desmoraliza-los!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.