Na TVT: caso da menina de SC não é sobre aborto, é sobre estupro

Hoje, na TVT, o programa Bom para Todos abordou a revogação da decisão da Suprema Corte dos EUA que, há 50 anos, tinha tornado legal o aborto naquele país. O escandaloso oportunismo de Jair Bolsonaro e seus seguidores, querendo fazer de dramas humanos matéria de sua promoção eleitoral, tratou do caso da pobre menina catatinense, de 10 anos, que engravidou – ao que tudo indica de outro menor – como panfleto nas redes sociais.

Parrticipei, tentando mostrar que o que está no centro deste caso não é a questão do aborto – que até no Brasil atrasado e ‘carola” dos anos 40, era reconhecido como direito às mulheres que fossem vitima de agressão sexual e, há mais de 30 anos, em qualquer caso em que envolva menores de 14 anos – mas a do estupro, que não pode ser aceito como “razão” para uma gravidez derivada de um crime e, no caso de uma criança, monstruosa.

Assista, abaixo, a minha participação.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.