Onde estava Queiroz, o dos R$ 7 mi? Em área de milicianos, diz Jardim

Lauro Jardim, em O Globo, vai dando pistas de até onde podem chegar as ligações do ex-assessor e amigo dos Bolsonaro Fabrício Queiroz.

Agora, ele revela em sua coluna que, logo após aparecer o escândalo de sua movimentação financeira de R$ 1,2 milhão em 2016 – agora complementada por outros R$ 5,8 milhões em 2014 e 2015 – onde o ex-PM estava escondido, desde que deixou sua casa modestíssima na Taquara, Zona Oeste do Rio.:

Queiroz se abrigou numa casa na favela de Rio das Pedras, também na Zona Oeste. É a segunda maior favela da cidade e dominada da primeira à última rua pela milícia mais antiga do Rio de Janeiro.

Dominada quer dizer dominada mesmo, pois a milícia local controla tudo, desde o comércio até as calçadas, loteadas e vendidas como estacionamento e pontos de comércio informal. Até edifícios em áreas públicas, com apartamentos vendidos a prestação, segundo reportagens, os milicianos mandam construir.

Se controlam tudo, porque não controlariam quem entra e quem sai da localidade?

Daqui a pouco aparece gente dizendo que não tem provas, mas tem convicções.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

20 respostas

  1. se eu fosse queiroz era pra lá mesmo que eu ia me mandar
    ficar entre os meus compadres é tudo de bom nessas horas

  2. Dá vontade de rir…essa gente é tosca demais! É o subsolo do baixo clero que chegou ao poder. Vão virar farofa nas mãos do Renan e do Maia…mal posso esperar por fevereiro.

  3. o Estado paralelo chegou à Presidência da República, nas mãos de militares que juraram defender a CF…P.Q.P e tudo por dinheiro!!!! P.Q.P de novo.

    1. e pensar que ainda tem esquerdista procurando (e não achando ,óbvio) o seu milico nacionalista.

    2. Métodos, arbítrios e violência de narcoestado…a “diferença” é que esses milicianos não negociam drogas…ah, tá!

  4. TODAS AS PISTAS DA FAMÍGLIA BOLSONARO LEVAM AS MILÍCIAS.A TROPA DE JEGUES TEM UMA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA DE ESTIMAÇÃO.

  5. Sobre a notícia do Correio Brasiliense “Ex-atleta diz ter repassado R$ 100 mil a Flávio Bolsonaro por imóvel’. Pergunta que não quer calar: se foi isso mesmo e o negócio era limpo porque Flávio não falou isso logo de cara e não deu o nome do ex-atleta com quem fez o negócio? Por que omitiu isso, inclusive em entrevistas na TV? Que tal investigarmos o tal ex-atleta? Afinal, segundo lição do Moro devemos seguir a trilha do dinheiro. Além do mais, as movimentações do Queiroz continuam sem explicação assim como a ascenção meteórica do patrimônio de Flávio no mesmo período. O depósito para a primeira dama também continua mal explicado.

  6. Era o líder do PT apenas e a CUT repercutindo, logo Nassif com a mesma visão, agora jornalista da globo tbm fala em milicia… Milicia + RJ = ?… Já pensou se vem um impeachment tingido pelo sangue de Marielle???
    Acho q vários ateus se converteriam…

    #LulaLivre

  7. é milico, miliciano, traficante, biblianos etc e tudo demais, em excesso…. acho q tamu pior q a itália com aquelas máfias todas

  8. Bozos e milicianos juntinhos, com juras eternas de “amor” e “fidelidade”? Qual a novidade? Quais são mesmo os autores ou mandantes do assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista que a conduzia? Os aparatos das polícias fluminenses (militar e civil), do MP e do PJ, com auxílio do Exército, que desde fevereiro passado tomou para si o governo do estado do RJ, não têm competência para descobrir que matou e quem mandou matar a vereadora? Falta competência ou os motivos são outros, inconfessáveis, impublicáveis? Portanto, a casa “humilde” e sem acabamento em que o super-assessor dos Bozos disse morar é estrategicamente situada numa região dominada pela “patota” com que ele sempre se relacionou. É claro que os integrantes do aparato repressor do Estado Brasileiro, comandados por vira-latas e entreguistas, sabem onde a “coruja dorme” e sabem que grande parte dos brasileiros mais atentos, observadores e alfabetizados polìticamente, já decifrou o falso enigma. A hora dos golpistas há de chegar.

  9. Pois é. 7 milhões… Já não parece ser rachadinha de político medíocre do baixo clero.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.