Os tomates da ditadura

Basta que o distinto leitor e a cara leitora imaginem o que seria uma manifestação de petistas que dependurasse um retrato de Luiz Edson Fachin ou Luis Roberto Barroso em um poste e convidasse os transeuntes a nestes atirarem tomates podres.

O fato estaria, neste momento, a escandalizar o país. Editoriais furiosos, repercussões dramáticas na televisão, manifestações de juízes, promotores, militares e quem mais houvesse contra o “ataque às instituições”, acusações de uma agitação pró-autoritária e o governo, no mínimo, sendo cobrado a condenar esta barbárie e a responsabilizar criminalmente os autores da “tomatada”, vermelha, por sinal.

No entanto, entre os tomateiros de ontem, 11 em cada 19 eram “moristas” e “bolsonaristas”, categorias às quais hoje não faz muito sentido separar, e ainda estou à procura de reações indignadas.

Ao contrário, o que aparece na Folha é mais um procurador lavajateiro a cobrar que o Senado ponha “freios” ao Supremo Tribunal Federal, não se esclarecendo se isso seria ter comportamento semelhante ao dos “tomateiros” da Paulista.

Não que sejam novidade estas pressões, elas vêm de longe: alguns hão de se recordar com a chantagem – grosseira e mal-sucedida – sobre o decano do STF, Celso de Mello, no julgamento dos embargos de declaração do denominado “Mensalão”.

Mas ainda cabiam no papel torto da mídia, enquanto agora partem para a agressão de rua, nem sempre com tomates em retratos. Ou alguém duvida que essa gente está a um passo de ir além das pancadas que deu no carro do presidente do STF, outro dia? Ou o famoso tuíte do general Villas Boas não se assemelhou a uns tapas na lataria do próprio Supremo?

Pouco adiantará, porém, ir responsabilizar os arremessadores de tomate, muitos deles siderados pelo ambiente de ódio que se havia formado, expressando o que se passa nas redes moro-bolsonaristas.

É preciso fechar o caminho desta turba e isso exige enfrentar Moro e a corrente totalitária que se formou no MP e no Judiciário e o projeto de desmanche do país, em curso pelas mãos de Paulo Guedes, ao qual a onda autoritária se associa.

Só não vê quem não quer que os arremessadores de tomate são a face visível e caricata de algo nada divertido: a quebra definitiva do regime democrático que, há mais de três décadas, este país reconstruiu.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

30 respostas

  1. Excelente o editorial da Cartacapital, de Mino Carta, que apoia não de forma incondicional, as declarações de Lula de que agora vai partir para o confronto. Claro, não há mais o que fazer. A acreditar nas intenções de Lula (eu não acredito, mas…) diante da demonstração efetiva delas tem todo o meu apoio. Mino, muito sabiamente, alerta para a caudalesca turba de petistas (conhecemos bem a eles por aqui) que acompanha Lula sempre tocando corneta e batendo bumbo, felizes da vida na sua irrequieta ignorância, mas que na hora de pegar em armas desaparece. Merece leitura e reflexão.

    1. Exato. E essa turba foge ao menor sinal de confronto, muito antes de qualquer conversa sobre “pegar em armas”. Sou eleitora do PT desde sua fundação, acompanho e participei de quase todas as manifestações contra o impeachment de Dilma e a prisão de Lula, mas esse clima de “bumbo e corneta” acabou me cansando. Chega um momento em que fica óbvia a inutilidade de acenar bandeirinhas, assinar manifestos e cantar refrões sem passar à ação concreta, por mínima que seja.

  2. O cérebro desta gente é feito de tomates podres que saem pelas mãos. Devem ter horror a cor do tomate. Delírio paranóico, raiva desmedida é a tônica. Estão prontinhos para um Estado totalitário.

    1. Por falar em estado totalitário, o governo golpista da Bolívia está se preparando para desencadear o maior banho de sangue que jamais aconteceu em terras sulamericanas. Será sangue indígena, que para eles é um sangue corrompido pelo pecado de não ser branco. Se as nações ditas civilizadas não se manifestarem, serão cúmplices do terrível massacre. A Europa permanece calada. Tenderá a admitir a barbárie mais uma vez em sua atormentada vida?

      1. Parece que não vai dar tempo de realizarem o massacre. Parte das Forças Armadas aderiu ao movimento popular indígena, os vídeos mostram dez carros de combate marchando pelas estradas ao lado do povo e sob a bandeira indígena, o general que forçou o Evo a renunciar pediu baixa e fugiu para os Estados Unidos, e o Mesa, todo desfeito em simpatia, faz de conta que o golpe era só de brincadeirinha e chama os evistas para conversar em torno “da pacificação do país”. Só que agora as apostas estão subindo, e o povo exige julgamento exemplar dos assassinos, a começar pelo da autoproclamada presidente. Ela terá sorte se conseguir fugir o mais rápido que possa.

  3. Basta lembrar o assalto aos cofres públicos por um ministro que pagou uma tapioca por R$ 9,00, salvo engano meu. Em qualquer empresa, um diretor tem autonomia para gastar muito mais com fundos da companhia. Mas, no caso, era um ministro do PCdoB no governo do PT.

    1. Fazem a fotografia da Presidenta Dilma de alvo…(bangue, bangue!) e a mídia aplaudiu…

    2. A tapioca que o ministro dos esportes Orlando Silva comeu no Alto da Sé, em Olinda, custou R$ 8,00, ari.

  4. A oportunidade destronar o Marreco eles terão em breve, há farto registro probatório que o juizeco agiu como acusador nos processos do Lula. Basta ter coragem, seguir a Lei e anular os processos.

  5. 11 em cada 19 eram “moristas” e “bolsonaristas”, os outros 8 nem sabiam o que estavam fazendo e nem porque estavam lá.

  6. A elite podre está a beira de um colapso mental, ontem eles deram provas de um bando de pessoas desequilibradas , ricos mal educados , mostrando toda sua ira , a maior palhaça foi a marcha diante da estátua da havan ! Nada parecido, de uma grotesca idiotice destilando só ódio, bem , isso eles aprenderam direitinho nas suas universidades, alto nível de falta tudo , a educação dessa imundice elite podre ! Tudo lamentável ! Vi entrevista de senhoras, já bastante passada na idade , bem vestida mais zero de educação !

  7. A solução que essa elite podre quer fazer na bala os problemas do Brasil continente ! Vai ser um caos ! Tudo por medo do gigante Lula ! Eles se borram de encher as botas de bosta !

  8. E a maravilhosa reforma tributária ??? Aumento do imposto agregado do consumo!? Redução do IR de pessoa jurídica!?
    Reforma só é boa para quem exporta matéria prima! Ninguém mais vai investir seu capital no mercado interno! Quem tem $$$ vai pro mercado financeiro, porque não para impostos agregados e vai pagar menos IR no fim! O estadão está certo! vamos virar uma nova China na qual o povo não tem dinheiro para comprar NADA.

  9. Padrão KKK sendo implantado.
    Linchar sempre foi a atitude de intimidação dos reacionários.
    O que dói é que fazem com a camisa da seleção, e vai ser difícil recuperar este símbolo.
    Como pode haver tanta mediocridade?

  10. Ganham no tapetão, na mão grande, do golpe , usando dos meios mais escrotos possível e ainda querem o que mais : Grotescos, toscos e insensatos.

  11. Realmente a burrice é infinita.
    Será que este pessoal não tem vergonha na cara não?
    E os estúpidos em continência marchando em frente uma estátua da liberdade em uma das lojas de um dos maiores sonegadores do páIs, o véio da havan. Que inclusive já foi condenado a 13 anos de prisão.
    Sonegador é ladrão!!!!
    É este pessoal aí que quer mudar o Brasil?

  12. A cara daquele que lança o tomate, do lado uma senhora, expressões de lacaios da oligarquia paulista. Quando o cônjuge peida, diz– o bem, no final é igual de quando começamos–.

  13. Meia dúzia de ignorantes crassos que se acham ligados a um mito vazio. Acreditam que seu ideal de servilidade bolsonariana é tão forte que eles podem tocar fogo no mundo e nada lhes acontecerá. Seu mito é considerado por eles como sendo a máxima autoridade da vasta Terra Plana, e protetor perpétuo das piores grosserias. Se algum deles entrasse em cana, choraria como uma criança injustiçada.

  14. O “deslocamento e descentramento do sujeito moderno” em vias de implementação é uma “fratura narcísica” insuportável em sociedades cuja institucionalidade “equilibra antagonismos” oriundos da infinda escravidão. “Senhor e escravo” no mesmo banco do avião, se der “medo” não vão “segurar pela primeira vez a sua [respectiva] mão”. (HALL; FREUD; FREYRE; BELCHIOR)

  15. Sr.Fernando.Claro esta,que simples internauta,não lhe pode cobrar nada.Contudo,quero arrazoar o seguinte.Isso,é fruto do EMBUSTE HISTÓRICO,que uns espertalhões do passado,denominaram “DEMOCRACIA”,essa abstração doutrinaria,que durante todo o seu percurso na história,somente concedeu AOS RICOS,os direitos que afirmam,ser de toda a sociedade.Enquanto perdurarem tais AXIOMAS,o povo ficara de mero observador ,confundindo,por DOUTRINAÇÃO DE CIMA PRA BAIXO,direitos e deveres.Quanto ao DIREITO DEMOCRÁTICO,desde seu nascimento,resultou unicamente,no DIREITO À PROPRIEDADE PRIVADA .Então,cabe,ao meu juízo,a todos aqueles que tem acesso ao povo,instigar ,o PRINCIPIO À REBELDIA contra esse EMBUSTE,que serviu somente,aos RICOS.Esse exemplo,relatado pelo senhor,demonstra até onde chega,A DEMOCRACIA.No máximo,para os seus defensores,nos nossos dias,OS PEQUENO BURGUESES,lançar tomates.Contra tudo que invoque,DIREITOS DO POVO.Cabe contudo,tentar instigar as vítimas da DEMOCRACIA,num outro caminho,que lhes proporcione IGUALDADE,LIBERDADE E HUMANIDADE.Que foi uma INVENÇÃO DOS INSURRETOS DA COMUNA DE PARIS,e que foi ROUBADA PELA IDEOLOGIA PEQUENO BURGUESA,fieis serviçais dos ricos de atualmente.

  16. GOLPISTAS brincando de atirar tomates. Para quem não tem o que fazer, deve ser um prato cheio.

  17. E o Tofoli já arreganhou! Desistiu dos relatórios da COAF, aonde os Lava a Bunda do Moro espionaram meio mundo para chantagear.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *