Primeiro ‘pepino’ de Ciro: negar a ameaça de Braga Netto

Os murmúrios de Brasília foram postos “em letra de forma”, hoje, pela jornalista Mônica Bergamo:

Braga Netto fez as ameaças [de não haver eleições som o voto impresso] ao senador e futuro ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI).
Além de Ciro, uma nova testemunha pode ajudar a esclarecer o que ocorreu: o deputado Marcos Pereira (Republicanos-SP).
Pereira ouviu o relato sobre as afirmações do general contra as eleições do próprio Ciro Nogueira. Em seguida, os dois procuraram Arthur Lira para relatar o tom inusitado das colocações do militar.

Segredo de dois é raro; de três, raríssimo e de 4, impossível quando se trata de conversas no Congresso.

É inevitável a abordagem a Ciro pedindo a confirmação da ameaça e o mais provável é que ele se saia com a admissão de que houve a conversa sobre o tema eleitoral, mas não o desafio de não haverem eleições.

Negativa absoluta, havendo duas testemunhas que estão com ele no “estica e puxa” por cargos e vantagens, não é prudente para quem precisa que creiam no que diz.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *