A arminha do armador

Não vou me perder em considerações sociológicas sobre o fenômeno da expansão do neopentecostalismo no Brasil, porque se não se pode fechar os olhos sobre as fontes externas de sua semeadura igualmente não se pode ser cego para o que fez fértil a terra onde ele brotou: um povo abandonado, que perdeu suas identidades culturais e gregárias, sobre o quala ideologia da ambição – mola do capitalismo –  transformou o sucesso em ‘escolha de Deus” e, por isso, levou à deserção da ideia de igualdade, da fraternidade e, quanto à liberdade, de algo que é para si, mas não para os outros.

Não vejo, pessoalmente, nada de errado em um governante comparecer a uma festa ou celebração religiosa.

Mas “o desejo descontrolado e nocivo” – para usar a expressão da exortação de Paulo a Timóteo, na Bíblia  –  de servir-se disso é uma desnaturação completa, da ideia de respeito à religião, ainda mais quando isso se expressa em gestos de intolerância que, em última análise, pregam o extermínio do diferente.

“Arminha” com Jesus, como fez ontem Jair Bolsonaro na marcha evangélica,  é o fim da picada.

Mas ainda pior foi usar o palanque para defender a própria reeleição, antecipando um clima de eleição e querendo fazer crer que os evangélicos são seu “rebanho” cativo.

Mas também entre eles, inexoravelmente, a hipocrisia de quem se proclama cristão e prega a morte, de quem se proclama  “do bem” e vive apontando o “mal”, de quem põe a si e ao seu clã, mesmo acima de tudo e de todos, inclusive da lei, está produzindo efeitos.

Não descreiam a lucidez do povo, usar o nome de Jesus na camiseta não opera o milagre de transformar Bolsonaro em Deus.

Não é à toa que a “arminha” já está quase apontando para o próprio pé.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

23 respostas

  1. Como está a lava jato sob comando do novo juiz? Os crimes pararam de surgir, a Procuradoria de ajuizar ações ou a PF de investigar ou de vazar para a mídia?

  2. Fernando, bom dia!
    Excelente o comentário referente à prática da religião como meritocracia. Na verdade, é o crescimento do fundamentalismo evangélico com o único objetivo de idiotizar os que pagam e enriquecer os que recebem o dízimo.
    De tanto falarem em “encosto”, vejam o que conseguiram. Tenho a impressão que o Jesus deles está no antigo testamento e com o capeta no couro.

    1. O Neopentecostalismo é um cristianismo sionista, sua base ideológica e a mesma do Sionismo, ódio aos inimigos de “Israel”! exaltam a beligerância contra estes inimigos, se colocam como escolhidos e superiores aos demais e por isso são tao apegados ao Velho Testamento onde Deus é um general vingativo de um povo que passa por cima de todos em busca de sua terra santa onde brota o mel e Maná.
      Bem vou parar aqui, antes que seja patrulhado pelo politicamente correto

    2. Pior ainda é usar a bandeira de Israel como manto para se cobrir durante o evento. Eles estão querendo dividir e incitar uma guerra religiosa entre evangélicos e católicos.

  3. Assim como a invenção (ou descoberta) da roda, a história tem provado que a invenção de um “deus” foi uma das mais prodigiosas criações do homem, dito “civilizado”.
    Da roda, o homem jamais poderá se libertar ou dela se desfazer, por ser esta inerente à Natureza.
    Da segunda será liberto apenas quando compreender que a Natureza é o espaço do compartilhamento entre vidas e matérias.
    Assim, como relatam os escritos bíblicos, Jesus ameaçaria com seu chicote aqueles que transformassem a casa de seu Pai em um mercado de bugigangas e enganações.
    Cadê o CHICOTE, “homens de Deus”? Esquecem sempre daquilo que todo o santo dia leem?

    1. Sim, isso mesmo, seo Alt, a invenção de deus pelos homens foi prodigiosa. Deus não existe na natureza, no cosmo. A natureza é e caminha com as próprias pernas independente da loucura dos homens e de suas criações fantasiosas. Mas mais prodigioso ainda que a antropológica criação de deus foi a inversão do predicado (deus) pelo sujeito (homem, este sim o criador): deus passou a criador do homem graças às suas atribuições mágicas a ele conferidas pelos homens que precisam de um “pai” para dar sentido à vida deles (não à minha, está claro!).

      1. A religião é o ópio do povo. No Brasil a religião é uma mercadoria muito lucrativa usada principalmente pelas empresas que se denominam igrejas. Os evangélicos conseguem extrair muito mais “mais-valia” dos seus seguidores, dando bônus semanais para os proprietários gananciosos dessas empresas chamadas igrejas.

  4. quero que essa arminha esteja apontada pra própria cabeça dele – e rápido

    não adianta tirar Moro se esse traste continuar

    1. Rita, a sustentação política dele é o ex- super-juiz que massacrou a esquerda e “combateu” a corrupção política… Cai o rei de espadas, caem juntos o rei de ouros e o rei de paus, então, não fica nada!!! Abração.

  5. quero que essa arminha esteja apontada pra própria cabeça dele – e rápido

    não adianta tirar Moro se esse traste continuar

  6. A hipocrisia e o cinismo têm prazo de validade. Os ocupantes do poder vão passar e, pelo visto, rapidamente. Os estragos contudo vão demorar muito para serem consertados. Décadas. Espera-se que as próprias igrejas vejam a enrascada em que se meteram. Interessante o destaque que a globo deu ao evento Marcha para Jesus. Estão tentando usar de tudo para associar sua imagem ao bozo para tentar recuperar terreno; ilusão ou precaução contra o que vem contra as organizações com as divulgações do Intercept.

  7. ——Não descreiam a lucidez do povo, usar o nome de Jesus na camiseta não opera o milagre de transformar Bolsonaro em Deus.

    Não é à toa que a “arminha” já está quase apontando para o próprio pé.———

    A massa que apoiou esse delinquente e continúa a apoia-lo,não pode ser chamado de povo .É a lacra,o lastro que a humanidade que quer evoluir ( a minoría lamentávelmente) tem que carregar.Isso envolve religiosos ,evangélicos,católicos ,ateus ,gnósticos,etc,etc.

    Cultivo todo o respeito pela FÉ , uma emoção, e por isso intransferível ,pessoal,única ,mas que não garante absolutamente nada .Pior ainda ,envolve a negação do raciocínio ,se vc perguntar pelos fundamentos dela dificilmente ouvirá algo que se baseie na lógica,como explicar ?se tem ou não se tem.
    Ontem ,mais uma vez ,ficaram novamente explícitas ,as contradições da FÉ e da LÓGICA .Com certeza,a maior parte dos eleitores desse estrume ,acredita num líder pacifista e amoroso,entenda-se.
    E sobre a frase final , não haverá “milagre”, “intervenção divina” , que possa dar um pouco de lucidez ,onde habita a loucura.

  8. Impressiona ver, na foto, um bando de débeis mentais achando engraçada a postura do Débil Mental Mor…

  9. ESTA MARCHA PARA JESUS FOI COLOCADA COMOCO NTRAPONTO A IGREJA CATOLICA QUE CELEBRA A FESTA DA UNIDADE DA CARIDADE DE CORPUS CHRHISTIE,DESDE O ANO DE 1264 PELO PAPA URBANO IV OS CRENTES ADORAM DIZER NA MIDIA QUE HAVIA MAIS DE 2 MILHOES DE PESSOAS,EM SUA MAIORIA DE PESSOAS QUE SE DIZIAM CATOLICAS…..O CATOLICO PRATICANTE NAO MUDA DE LADO!LONGE DE COMPARAÇAO QUERO COMENTAR AS MILHARES DE PROCISSOES EUCARISTICAS QUE ACONTECERAM NAS CAPITAIS,GRANDES,MEDIAS,CIDADES,POVOADOS E COMUNIDADES COM MILHARES DE CATOLICOS DE FATO! OS BELISSIMOS TAPETES,ENFEITEIS!

  10. Ou o Brasil acaba com os neopetemcostais ou essas ‘saúvas’ modernas, acabam com o Brasil.
    (Antônio Poeta)

  11. Sou evangélica e fico perplexa, não com as atitudes de bolsonaro, q vem ao longo dos anos dizendo em entrevistas quem ele é , mas sim com pessoas q se declaram cristãs e apoiam ele.

  12. Não esquecendo o casal ao lado do ilustríssimo, exemplos da moral e ética pregadas pelo mesmo, presos uma década atrás nos EUA com milhares de dólares escondidos na bíblia.

  13. “A marca do cristão é a fraternidade; lá fora há muitos ateus que a cultivam: esses são muito mais cristãos do que muitos que estão aqui todo dia, ávidos pela hóstia.”
    Palavras do Padre João Luiz Miqueletti, durante a homilia da missa na igreja de Sant’Ana, 2005
    Brito, parabéns pela lucidez e pela grande alma!

  14. O mundo ta mudado, a hipocrisia dominou as religiões faz tempo, é ateu defendendo a vida e “””cristão””‘ pregando a morte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *