No lugar de general, major PM reformado e ex-assessor do clã Bolsonaro

Dizem os bolsonaristas que o favorito apra ocupar o lugar do Ministro Floriano Peixoto – que deixa a Secretaria Geral da Presidência para ser, na prática, o interventor que vai facilitar a venda dos Correios –  é o senhor Jorge Antônio de Oliveira Francisco, o sorridente senhor da foto acima.

Floriano Peixoto, como se sabe, é general. Oliveira Francisco é PM reformado no posto de major, embora tenha passado os últimos 10 anos antes de sua reforma, em 2013, perambulando pelos corredores da Cãmara dos Deputados, como assessor parlamentar, comissionado do então deputado  Jair Bolsonaro e, até o ano passado, chefe de Gabinete de Eduardo Bolsonaro.

É, portanto, da “turma da cozinha” da família, o que parece ser hoje o trunfo curricular mais importante para alcançar o primeiro escalão no governo, como foi no caso do BNDES.

Se não é fato ainda, pelo menos é lobby, o que é revelador.

O governo Bolsonaro começa a ficar com cara de governo Temer: cada vez mais o sobrenome dos indicados para o ministério passa da ser o famous who.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email