A camiseta sobre “falar neste tom” serve para o general Mourão

O general Hamílton Mourão, depois de uns dias calado, voltou a fazer declarações que, não vivêssemos quase de exceção e uma abulia quase total na política, seriam suficientes para colocar o Congresso em polvorosa.

“A Constituição engessa o país”, disse ele em entrevista ao Valor, , deixando claro que se pretende acabar com as vinculações que tornam obrigatória a aplicação de recursos em setores socialmente essenciais, como Saúde e Educação:

“Essa desvinculação teria que ser feita por emenda constitucional, porque a Constituição diz que tanto vai pra saúde, outro tanto para a educação. A Constituição foi feita na saída do que foi o período militar, quando várias corporações estavam batalhando um naco. Então se colocou coisa demais na Constituição. A Constituição da forma como está engessa  o país”.

O objetivo seria fazer o “desmanche do Estado”, como se este fosse uma lata velha inservível e nefasta:

Temos muito para fazer, na realidade, pra desfazer. Um desmanche, se fizer um desmanche. Eu já fiz essa comparação, eu gosto de cavalo, gosto de montar, já disse que Brasil é um cavalo olímpico capaz de saltar 1m80, mas tá todo amarrado, só salta 0,70 cm [sic]. O Paulo Guedes falou, tem que tirar as bolas de ferro do pé dos industriais.

Mas quem irá fazer este descarne da Carta Magna? O parlamento?

“Você tem ali – como em qualquer grupo social – tem 30% que são realmente esclarecidos, tem 40% que é a ‘meiuca’ que vai pra onde sopra o vento, e mais 30% que não sabe nem onde é a “curva do A”.

Nas contas de Mourão, a legalidade deste “desengessamento”, promovido pelo “vento” sobre um Congresso onde 70% não tem opinião própria  e diz que será julgado por outro colegiado de néscios, o Supremo Tribunal Federal, onde:

” [Vamos] Sentar um dia com os 11 ministros e expor para eles a situação do país. Acho que eles não conhecem. Sou favorável a que o presidente vá lá um dia e explique que se os senhores aprovam medidas dessa natureza, vamos cada vez mais nos encalacrar. Levaria o ministro da economia a tiracolo.”

Não se sabe se iriam também “um cabo e um soldado”, não é verdade?

Mourão avança sobre o “Posto Ipiranga” e diz que o novo governo não vai “começar na base de impactos e pacotes”, o que não quer dizer absolutamente nada, até porque em 60 anos de vida nunca vi “pacotes” com aviso prévio e está na cara que Bolsonaro precisa, senão deles, pelo menos de impactos. Ou estes ficarão por conta apenas de Sérgio Moro e seus delegados de polícia?

O general do Jaburu não demonstra nenhum pudor em avançar na pretensão de ter uma autoridade que não possui, constitucionalmente, e diz até que montou o seu “ministério” próprio: um “dream team” de oito assessores anônimos pronto para “trabalhar em qualquer assunto temático”.

“Eu montei uma equipe multidisciplinar capaz de oferecer soluções caso seja necessário”.

O Acordo [Climático] de Paris, por exemplo, seria uma destas necessidades e certamente o general daria ordens expressas para que a temperatura não ultrapasse a linha demarcada, usando de seus conhecimentos meteorológicos, isso que o providencial Olavo de Carvalho não resolver tudo com seus saberes astrológicos.

Não se sabe se, a quatro dias da posse e murcho de Fabrício, o ex-capitão-presidente reagirá ao arreganho do general-vice.

Mas bem que se podia aproveitar com Mourão os dizeres da camiseta que a primeira-dama Michelle usou com a pessoa errada: “Se começar falando neste tom, nós vamos ter problemas”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

24 respostas

  1. O golpe militar tá armadíssimo. Tudo já vem planejado desde Washington. Tim-tim por tim-tim. O coiso não dura 90 dias no governo. Será sacrificado pela “pátria”. Constituição outorgada, Congresso e TST fechados por um cabo e um soldado, intervenção nos estados, bombardeios de áreas pobres da periferia, cassação de registro de partidos de esquerda, toque de recolher, prisões políticas, morte, proibição de reuniões…

    Tem gente que não sabe o que isso. Eu já vivi a metralhadora na cara. Escapei vivo porque era muito jovem e irresponsável. Estou velho e cansado. Não tenho mais coragem pra enfrentar isso de novo. Não vou lutar. Vou embora.

    1. Tenho pensado dia e noite nisto que você disse. Eu também era jovem, hoje beirando os 70, se tiver que correr de um soldadinho armado, certamente terei um infarto fulminante antes dos 100 metros. Melhor ir embora.

  2. O Brasil continua sofrendo efeitos desconexos da maldição do pangaré, lançada pelo general Figueiredo. O general era aquele do cheiro de cavalo melhor do que cheiro de povo . Mourão piorou tudo porque embora também adore analogias equestres na política, é ainda mais ignorante do que o general anterior.

  3. Nisso que dá o erro de dar poder aos idiotas.
    Mas ,o fato tem um lado positivo ,OS QUE FIZERAM O GOLPE ACONTECER A MANDO DO TIO SAM FINALMENTE PERDERAM AS MÁSCARAS.

  4. SEM CENSURA BRITO.
    SE AS LEIS NÃO SÃO RESPEITADAS,SE A CONSTITUIÇÃO É AMEAÇADA POR UMA FARDA IMUNDA,SE O JUDICIÁRIO BORRA AS CALÇAS DIANTE DE AMEAÇAS E FICAMOS ESPERANDO A ONU QUE TODOS CAGAM ANDANDO SOBRE SUAS “ADVERTÊNCIAS” VAMOS ESPERAR O QUE?
    LULA PRESO É NOSSO PROBLEMA A RESOLVER NÃO É PROBLEMA DA ONU DA RÚSSIA DA CHINA OU DO CARALHO A QUATRO.RÚSSIA CHINA OU QUALQUER OUTRA NAÇÃO VAI FICAR “PIANINHO” ENQUANTO PUDEREM SUGAR NOSSAS RIQUEZAS. PUTIN SÓ ESTÁ NA VENEZUELA PELO ÓLEO OU LÁ NÃO ESTARIA,ASSIM COMO ESTÁ NA SÍRIA PARA CONTER AS ZONAS DE INFLUÊNCIA EUROPEIAS E NORTE AMERICANAS,EVO SÓ VEM A POSSE DO PSICOPATA POR SER CHEFE DE ESTADO E SÓ FOI CONVIDADO PORQUE SEM O GÁS DA BOLÍVIA SERIA O CAOS NO ABASTECIMENTO ENERGÉTICO DO BRASIL.LULA É PROBLEMA DA MILITÂNCIA E DOS LEGALISTAS E SERÃO MULHERES E HOMENS DE CORAGEM QUE IRÃO RESOLVER ISSO E NÃO LIDERANÇAS QUE SE OMITEM POR APEGO AO CARGO PARLAMENTAR OU LIDERANÇAS QUE CONVOCAM MAS NÃO COMPARECEM COMO OS GENERAIS DE ESTRELAS DE LATA QUE A GUERRA PROMOVEM MAS JAMAIS ADENTRAM O CAMPO DE LUTA E OCUPA UM LUGAR NA TRINCHEIRA. DE COVARDES E OPORTUNISTAS O INFERNO ESTÁ COM LOTAÇÃO ESGOTADA.

    1. Esses lacaios que participam da encenação, além do futuro assassinado, Adélio Bispo, assim que baixar a poeira, são somente agentes federais ou há ali também membros das forças armadas, dos serviços de informações? É impressionante a desenvoltura dos sujeitos e a tranquilidade com que desempenham a missão, isto mesmo, missão, não “missão”. Com certeza, a despeito de agora já terem provavelmente mudado características, essas caras podem ser encontradas em fichários de servidores. É bom que sejam bem guardadas, pois, não há bem que sempre dure nem há mal que nunca acabe.

        1. um sarrabulho de fake news e melhores intenções… os poleiro dos nazistas em plantas e modelos de armar!

  5. Se o desmanche incluir acabar com as forças armadas e fazer General viver com um salário mínimo…de.hoje…realmente a CF engessa

  6. Um país, cujos sucessivos governos, por mais de 21 anos, cuidaram de se livrar da cultura, da Ciência e da Tecnologia, incomodados com os cérebros mais pensantes, muitas das vezes antes mesmo de mandá-los pra fora primeiro os fizeram vítimas de torturas de toda ordem, ou ameaças de morte, pode ser considerado um país que viveu com amnésia todo esse período. No lugar da inteligência, do mérito, ficaram indicados, ou indicados dos indicados, sob a batuta de um ensino de burro, encabrestado.
    Quando mal e mal nossa sociedade parecia respirar novos ares, com expectativas incríveis de elevar nossa Nação a vôos altos, estamos à deriva, usando máscaras na aeronave porque sentimos que o chão está perto. Estamos numa aeronave sem piloto, gritando por socorro.

  7. Será preciso um golpe de estado bem definido e bem assumido pelos golpistas, uma revolução total e completa, para que se promulguem outra constituição, à revelia do desejo do povo e onde seu interesse não se represente. Com esta democracia meia-boca conseguida à custa de muita fraude e milhões de torpedos mentirosos, não vai dar.

  8. Ohhh general, que comparação mais ignóbil ainda mais se tratando de um amante da equitação.
    Para saltar 1,80 depende-se muito mais do CAVALEIRO do que do CAVALO.
    Não adianta ter um puro sangue inglês com um PANGARÉ no lombo, no comando.
    E entre tantos pangarés nesse governo está difícil achar um PURO SANGUE PPO (puro por origem) que “comande” o BRASIL que somente precisa de liberdade para determinar seu desígnios.
    Tome com uma sugestão somente, que esse POVO tão sofrido não merece esporas ou relhos para lhe liderar.

  9. Impressionante a falta de medo do ridículo.
    “Vou explicar aos senhores a verdade sobre o país”, diz o grande “economista / sociólogo / administrador / analista geopolítico / mestre em relações internacionais” mourão… Até porque, com seu extenso currículo de sucessos na administração publica, como não respeitar o que ele fala???

    Lula Livre!

  10. Próprio para esta época, o poema a seguir está sendo CENSURADO pela CBJE, que não o publica (“on-line”), por razões obscuras, numa das seletivas de poemas de dezembro deste 2018 para livro a vir a lume em março de 2019 :

    Elles (Ou Mal lutar é lutar mal)

    Dedicado ao eleiTORADO brasileño, no pós-eleições de 2018…

    Nunca se viu povo tão idiota
    militando contra a própria sorte!…
    Mesmo toda paciência se esgota
    quando os “fracos” idolatram o “forte”.

    E ainda esperam alguma cota!…
    Coitados!! Que o tempo não lhes corte
    a memória em meio à tal rota
    da vida indo ainda mais para a morte…

    ………………………………………………………………………………………………………………………. Cláudio Carvalho Fernandes
    ………………………………………………………………………………………………………………………. (Poeta (anarcoexistencialista))

  11. São mesmo tempos difíceis. O mundo como o conhecemos não será mais o mesmo depois da passagem dessa gente pelo governo (eu me pergunto todo dia quanto isso vai durar…). Muito do q pretendem mudar não poderá ser revertido no futuro. Dois setores q parece q serão muito lucrativos um é o óbvio da segurança e o outro dos seguros. Me disseram q por exemplo a tendência é q os cartórios acabem. Ou seja, na hora de comprar imóvel, vc fará como nos EUA, e fará um seguro pois não haverá um cartório para te fornecer o histórico do registro do imóvel e te dizer com certeza quem é de fato o dono.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.