Ainda sem inflação e ‘rachadinha’, reprovação de Bolsonaro sobe, diz Ibope

Lauro Jardim, em O Globo, antecipa os números da pesquisa Ibope/CNI que será divulgada logo mais.

Os números estão aí em cima e seguem revelando a progressiva erosão da popularidade do governo Bolsonaro, embora não a ponto de desautorizar a interpretação que o próprio bolsonarismo confessa ter, nas palavras de Ônyx Lorenzoni, hoje no Estadão.

Não tem espaço para muro. Não tem espaço para centro, não. Quem achar que tem espaço para centro repetirá o Macri (Mauricio Macri, ex-presidente da Argentina, derrotado na eleição deste ano)

Lauro diz que a pesquisa foi feita entre 5 e 8 de dezembro e, portanto, não teria captado eventuais efeitos desta nova onda de escândalos das rachadinhas/milícias/chocolates.

A tendência é diferente do que foi registrado pelo Datafolha, uma relativa estabilidade dos índices de aprovação/reprovação.

Talvez o nível de agressividade e destempero de Bolsonaro esteja oferecendo um resultado mais atual de sua avaliação.

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

5 respostas

  1. 60% da população continuam torcendo e mentindo pelo seu algoz.
    Então eu me dou o direito de não me comover com as desgraças que sua ação e omissão lhes cause.

  2. Pois é ….ainda tem gente achando que o governo é bom…Como dizia minha avó, tem gente que só aprende apanhando MUITO e de preferencia todo dia. No sítio onde morava, eram chamados de “burros empacados”…..Fazer o quê??

  3. Esse regular do bando de chupins e de ignorantes é que sustenta essa canalha lá em Brasília. São os “améns” antolhados pelas igrejas caça niqueis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.