Bolsonaro acusa Moro de chantagem: trocar a PF pelo STF

O cerne do falatório de Jair Bolsonaro, como destaquei nos comentários que fiz para o programa Bom para Todos, da TV (logo coloco aqui) foi a acusação que fez de que Sérgio Moro o teria chantageado ao dizer que aceitaria a substituição do diretor geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, depois que ele fosse indicado para o Supremo Tribunal Federal.

Foi a sua resposta às acusações, hoje cedo, feitas por Moro de que tinha tentado interferir nas estruturas, nas investigações e nos relatórios de inteligência da Polícia Federal.

Moro nega, é claro, mas o mais provável, em sendo quem são, é que ambos estejam dizendo a verdade.

Neste caso, importa menos analisar o que é a prática constante de um autoritário como Jair Bolsonaro do que o que significam as práticas de Sérgio Moro.

O retrato acabado, como disse Bolsonaro, de quem é inebriadamente é cultor de seu ego, como Moro é.

Moro já tinha confessado o crime de corrupção ao ter, demagogicamente, ter exigido uma “pensão” pelos riscos de assumir um cargo, diz ele, perigoso.

Se Bolsonaro diz a verdade, cometeu pela segunda vez o crime de corrupção, porque é pretender uma vantagem indevida para si, coisa que é capitulada no Código Penal, tal como foi a confessada “pensão ” que disse ter sido exigida para assumir o cargo de ministro.

As mensagens telefônicas que divulga, no melhor estilo “Intercept” para provar sua honestidade, têm, como ele reivindicou tempo atrás, de se mostrar sem recortes.

Existem elementos confessos de transgressões de Sérgio Moro, como existem as de Jair Bolsonaro, e isso não servem como álibis para um ou para outro.

Serão dias sem previsão , porque o governo está fraco ao ponto de ter de fazer uma “ordem unida” ao lado do presidente.

Mau disfarce para para quem está fraco.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

18 respostas

  1. Pois eu espero sinceramente que Bolsonaro ainda tenha força suficiente para DESTROÇAR Moro. Munição para isso tem aos montes, mas é um fogo que pode queimar muita gente, inclusive o próprio presidente. Mas o que NÃO pode acontecer é aquilo que começou hoje: a campanha da Globo por Moro 2022. Como vivemos num país que ficou MALUCO há alguns anos, eu não sinto vergonha de torcer para que as hostes bolsonáricas abram fogo com todas as suas baterias contra o anticristo de Curitiba. Quero ver podres de canalha transbordando nas redes.

    1. Penso igual…quem acompanhou o show de horrores promovido pelos lavajateiros nao pode se deixar seduzir pelas lamúrias do marreco de maringá…Loro & Bozo sao siameses, duas caras da mesma moeda . Fora Bozo, Fora Moro !
      Na descida, ambos encontraráo todos aqueles que pisotearam na subida !

    2. Isso vai acontecer…O Bob tava certo. A Globo não vai perder essa jogada de jeito nenhum…Como diria o filósofo Vico: a história é contada e não investigada.
      Veja só que as arestas do Bolsonistão mais rudimentar, i.e. Paula Marisa, Nando Moura, Caio Coppola ed altri ja defenestrou Moro. Moro terá que ser rápido e eficiente, algo que duvido, e o Bolsonistão está pela boa…

  2. Moro é o escorpião da fábula.

    Admitiu – num sincericídio – que no tempo do PT não havia interferência na PF.

    Moro esfaqueou pelas costas o republicanismo ingênuo do PT, e agora esfaqueou o Bozo.

  3. GUEDES não pede demissão pq é Incompetente ou é Incompetente por isso não é Demitido ??

  4. Até as míseras folhas de grama sabem que desde SEMPRE uma futura nomeação de Moro para o STF fazia parte do plano interno da montagem da quadril…digo do governo Bolsonaro.
    Deste modo, se pode viabilizar a nomeação de Moro para o Ministério da Justiça, o que implicava necessariamente na sua exoneração do cargo de Juiz Federal…

    Este é um bate boca inútil para disfarçar o que já é indisfarçável…

    A DESFAÇATEZ DE AMBOS…

  5. A fala do Bolsonaro hoje é uma peça importante e traz à tona passagens obscuras deste fantástico drama bolsonariano. Nela, há destaque especial para a facada, ou fakeada. Quando se sente em perigo, Bolsonaro volta a se refugiar na facada, como se voltasse a um útero acolhedor. Bolsonaro disse que “até implorou” para que a Federal desvendasse todo o caso da facada, e ela não o fez. Essa “indignação light” não deixa de passar a impressão de que o espetáculo da facada deveria ter sido muito maior do que foi, mas a Federal decidiu deixar de fora alguns atos, mesmo sob protesto da família. Deve ser por isso que se queixam de que a investigação não foi muito aprofundada, queixa essa que o Bolsonaro fez questão de ressaltar em sua fala de hoje. A estranhíssima filiação do Adélio ao PSOL em Brasília, por exemplo. Parece que queriam que esta “filiação” fosse levada a sério, para que pudessem com ela arrematar o show e implodir a esquerda brasileira. Na verdade, se a PF fosse atrás disso, a coisa poderia ficar muito feia para os Bolsonaros, e todo o circo poderia desabar.

  6. Boa noite Brito!

    Sempre afiado.

    Mas uma pergunta que não quer calar. Onde está o Valeixo? Por que a imprensa não procura ele e pede sua declaração sobre os fatos do dia?

    Ele realmente está cansado? Conversou com o presidente? Por que Moro faz tanta questão dele? Quais inquéritos são de interesse/afetam a família do presidente? E o Moro, após o The Intercept, pode ficar com um flanco aberto num mundo pós Valeixo?

    Abraços,

    Luis Medina

    P.S. Na Band/GLobo todos falaram, menos Lula, Ciro, Gleise.

    P.S.2 O Linderberg deveria fazer meme do Nando Moura (Canalhas, Canalhas….) Não tem preço!

  7. É preciso organizar um levante popular para derrubar o governo. A direção do PT não está fazendo isso, mas parte da base petista está voltando aos bairros operários.
    Não podemos esperar nada do centrão, de FHC, de Rodrigo Maia, muito menos do Mussolini de Maringá. A saída é aquela que Marx já preconizava: “a emancipação dos trabalhadores será obra dos próprios trabalhadores”.

  8. Dilma você me representa…Já troquei minha foto pela sua mas redes sociais. Mulher de caráter e digna!!!

  9. Minha sugestão para o ex-ministro, ex-“paladino da justiça”, é que arrume as malas, junte a família e vá para Miami o mais rápido possível. Miliciano não perdoa traição, logo poderá acontecer um “infarto fulminante”, igual ao do Bebianno…

  10. Se a Globo é a favor do impeachment do Bozo, eu sou contra. É até educativo que o Bozo conclua seu mandato. Afinal, a boiada precisa aprender a não se deixar levar pelas denúncias de corrupção contra quem convêm a Globo e escondera de seus aliados. A Globo tem que pagar o preço do golpismo.

  11. Moro foi capaz de arruinar a economia do país para prender Lula… Moro é nefasto, é perigoso e já mostrou que não têm nenhum escrúpulo.
    Sua saída do governo foi estratégica e como temos uma parcela da sociedade profundamente ignorante e sem a menor capacidade de reflexão é bem provável que esse verme seja eleito em 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.