Bolsonaro, o devastador

Deter Jair Bolsonaro tornou-se, também, uma questão de preservação ambiental.

É impressionante a velocidade com que ele vai derrubando um após outros os mecanismos de proteção da natureza que temos – ou tínhamos.

Só nesta semana, anunciou uma lei para permitir o garimpo em terras indígenas.

Em média, um grama de ouro – o alvo principal, mas não único – exige a remoção de uma tonelada de terra, o que dá ideia do potencial destruidor da atividade, sem contar os danos dos “canhões d’água” e no mercúrio jogado nos rios.

Evidente que não faz isso para amparar o garimpeiro pobre e enlameado.

Os interesses das grandes mineradoras na Amazônia, sobretudo as canadenses, não são novos nem são poucos.

E o poder econômico que têm para obter “autorização” indígena para operar é o suficiente para criar uma teia de corrupção em muitas das comunidades remanescentes.

Embora esta seja a situação mais grave, não é a única. O desmanche da fiscalização ambiental se dá por por toda a parte.

Hoje, a Folha traz a portaria do ICM Bio que libera a pesca “esportiva” em unidades de preservação. Movido pela miragem das “cancúns nacionais”, não é ao sujeito que senta na praia de caniço que isso visa ou que pega um barquinho, como Bolsonaro fez e pega uns peixinhos em área proibida.

É negócio, e com dinheiro suficiente para comprar apoio nas comunidades ribeirinhas ou caiçaras.

É assim que se implanta a mais nefasta corrupção, que não é a de indivíduos, mas a de coletividades.

É esta que devasta em grande escala, porque o dinheiro grosso – e não os pobres, como diz Paulo Guedes – é quem destrói a Terra.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

13 respostas

  1. Fora bolsonaro, fora todos os golpistas, fora todos os nazistas … 2022 não é a semana que vem …

  2. Sim, Bolsonaro acaba de assinar um decreto que permite a mineração e a exploração de minérios em territórios indígenas. E também de projetos de geração de energia elétrica (não se sabe com que intenções), e por isso o decreto se chama “Luz para todos os índios”, ou coisa assim. Ele discursou, e falou que os índios merecem isso que ele fez, porque são, ao contrário do que pensam os ambientalistas, “pessoas humanas exatamente como nós, que merecem ser tratadas exatamente como nós”. No fim, está claro que vão tomar tudo dos índios, inclusive suas vidas, já que “são gente como nós”, porém extremamente vulneráveis.

    Ele finge desconhecer as peculiaridades dos indígenas, zomba do que vão dizer os ambientalistas, vistos por ele como idiotas (ou otários?) que desconhecem os verdadeiros caminhos do progresso, e abre seus territórios para a invasão de cruéis gananciosos. O Parque do Xingu, que foi apresentado pelo ministro Gilberto Gil como candidato a patrimônio ambiental, histórico e cultural da humanidade pela Unesco, está obviamente ameaçado.

    1. Estes estupidos serao homenageados na entrega do Oscar a despeito de Kirk Douglas provavelmente seja lembrado domingo

    2. Estes estupidos serao homenageados na entrega do Oscar a despeito de Kirk Douglas provavelmente seja lembrado domingo

  3. Geopoliticamente falando, Bozo quer (via contrabando) facilitar o acesso do seu amiguinho Trump ao lastro em ouro, já que o papel pintado de verde está cada vez mais ameaçado. Muita gente já percebeu que o dólar não é mais tão confiável como reserva, pois tem sido largamente utilizado como artefato bélico, via embargos. Sem falar na emissão a bel prazer.

    China e Rússia têm cada vez mais acumulado reservas em ouro, em detrimento do dólar. E com isso, o metal torna-se cada vez mais escasso.

    Em tempo: aquelas tais reservas em ouro que os EUA dizem ter em Fort Knox são para valer ou são fake news?

    1. É verdade, as reservas minerais da Amazônia são incalculáveis. E bolsonaro ainda reforçou ontem ou antes de ontem:
      “Um discurso simplesmente FANTÁSTICO de Donald Trump. ‘Nosso trabalho é colocar os Estados Unidos em primeiro lugar.”

      1. Essa afirmaçao deveria ser suficiente p levar impeachment. Mas ele pode mandar matar Rodrigo Maia e nao sai

  4. Continuo sem entender porque até hoje ninguém deu entrada num pedido de impeachment contra esse animal miliciano troglodita antipresidente. O cara deita e rola, faz e acontece; e ninguém da “oposição”, ninguém da “esquerda” toma uma atitude concreta sequer? Nem que seja apenas para criar um fato novo, encher o saco, desgastá-lo, como fizeram com Trump. Sou burro, não consigo entender as coisas facilmente, alguém poderia me explicar por gentileza?

    1. Tbm não consigo entender… Fico enlouquecida de ver que todos caminham como zumbis. É estarrecedor!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.