Bolsonaro veta perguntas e jornalista da Guaíba se demite ‘ao vivo’

O jornalista – e radialista, historiador, professor e autor – Juremir Machado da Silva, um dos mais importantes comentaristas políticos do Rio Grande do Sul, demitiu-se de seu emprego da Rádio Guaíba no ar, durante o programa do qual participava, por ter sido silenciado pelo âncora Rogério Mendelsky que aceitou, para entrevistar Jair Bolsonaro, que nenhum dos jornalistas da mesa lhe dirigisse perguntas.

Ao final da entrevista “mansa”, Juremir tomou a palavra e perguntou: “posso dizer que fui censurado? ”

Mendelski respondeu: “claro que não…foi uma exigência do Bolsonaro.  [É] Normal.

Juremir agradeceu aos ouvintes os dez anos de audiência e se despediu, saindo do estúdio.

Surpreendido, Mendelsky perguntou aos outros integrantes da mesa se aquilo era censura. Jurandir Soares disse que não. Voltaire Santos foi mais sincero: “preciso do meu emprego”.

Aí está, para quem quiser ver, a materialização do que disse domingo Jair Bolsonaro: ou aceita-se as regras dele ou vá embora”.

Juremir foi, mas levou junto a sua dignidade profissional e pessoal.

Mas haverá também muitos “Voltaires” que, ao contrário do filósofo francês que inspirou os pais a lhe darem este nome preverem calar o que pensavam, para fugir das consequências e conservar o emprego.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

55 respostas

    1. Será que o pha precisa tanto desse emprego, a ponto de puxar o saco do “valdir macedo” sem nenhum pudor?
      Parei….

  1. Níveis de Covardia de Bolsonaro:

    1-FOGE DOS DEBATES MAS VAI NAS ENTREVISTAS
    2-VAI NAS ENTREVISTAS MAS CENSURA ENTREVISTADORES

    Esse é o “valentão” da direita brasileira???

    O típico “machão de whatsapp”.

    Enquanto isso, estava Haddad dando “murro em ponta de faca” no Roda Viva… entre vários pseudo-jornalista que defendem o fascistóide do Bolsonaro.

    Os verdadeiros jornalistas perdem o emprego para dar lugar a algum panfleteiro do “liberalismo” e lambedor de botas em troca de verbas publicitárias.

  2. Em comentário que fiz sobre postagem publicada no portal Brasil247, afirmei que veículos do PIG/PPV estão agora preocupados, diante do incontrolável monstro que criaram; um leitor de lá tripudiou de mim, alegando que os donos desses veículos são picaretas e que não estão nem aí para a “tigrada” que mostra unhas e dentes, sedenta por sangue. Repliquei o missivista, dizendo que, embora os donos de grandes veículos de mídia sempre tivessem apoiado as ditaduras e golpes de Estado, vários jornalistas foram vítimas de perseguições, prisões, torturas e assassinatos; alguns desse profissionais trabalhavam em veículos que apoiaram o golpe de 19964 e a cruel ditadura que se seguiu. O resultado do golpismo e canalhice da chamada grande mídia (o PIG/PPV) já está sendo sentido pelos jornalistas que aceitaram fomentar as cadelas do sub-subnazifascismo tupiniquim. Não serão apenas os militantes de esquerda, integrantes de movimentos sociais, pobres, negros, homossexuais as vítimas da ditadura já instalada e que será intensificada a partir do próximo ano.

  3. Ai esta,um exemplo,do que muitos afirmam do “JORNALISMO”,que durante toda a sua existência,somente transmitiu,A VOZ DO DONO.Lembram todos,do CACHORRINHO ,frente a um gramofone,da PROPAGANDA DA ODEON?Lembram-se os mais velhos e os moços que se inspiraram neles?Pois é o SÍMBOLO DO JORNALISMO.Ouvir a voz do DONO.Nada mais.E são,os jornalistas,infortunadamente,OS DONOS DA PALAVRA E DOS CONCEITOS.O resultado ai está;O BÓSTA-ONARO.

  4. Brito, corrija o texto. O Juremir é da rádio Guaíba, e não da Gaúcha. Adivinha de quem é a rádio Guaíba? Pois é. Da Rede Record. E esse Mendelski é o maior antipetista do RS.

    1. Mendelski é um fascista empedernido e tosco, metido a ditar cátedra.
      Trabalhou por muitos anos na RBS e sua atuação foi tão asquerosa que mesmo a RBS teve que despedí-lo pois denegria além da conta (como dizem os mineiros) a imagem da emissora – era o principal “analista” político do grupo jornalistíco na época.

  5. A MÍDIA DO SUL SÓ REPLICA O LIXO QUE É A MÍDIA BRASILEIRA.
    HIPÓCRITAS AO PONTO TAL DE DEFENDER A LIBERDADE DE IMPRENSA ,MAS NENHUM MEDIO QUE EU CONHEÇA TEM UM JORNALISTA QUE DEFENDA O PONTO DE VISTA DA ESQUERDA.
    O JURANDIR,ASSUMIDO COMO UM ANARQUISTA,ERA UMA VOZ “ESTRANHA” NESSE MEDIO DE SABUJOS E BABAOVOS DOS PODEROSOS.
    NÃO EXISTE CHANCE DO PRÓXIMO GOVERNO —DEMOCRÁTICO—-E DEFENSOR DO POVO ,NÃO MEXER COM ESSE NINHO DE FDP QUE É A MÍDIA NESTE PAÍS.

  6. Só um reparo. Rádio Guaíba, agindo como rádio gaúcha, na qual um dia trabalhou o “âncora” que tem simpatias com bozo.

  7. Brito, a rádio que o Juremir trabalhava é a Rádio Guaíba, que agora é do grupo Record do Bispo.

  8. O correto é Rádio Guaíba. Era o último bastião de jornalismo. Já estamos em pleno uso do fascismo. Bravo Juremir

  9. Brito, apenas uma pequena correção. O Juremir trabalhava no Sistema Guaíba / Correio do Povo / Record e não da Gaúcha. Juremir é um dos poucos que se salvam nos ditos jornalistas aqui do Rio Grande do Sul.

  10. Eu aplaudo de pé o Juremir. Ele fez o que muitos de nós não podemos ou não temos coragem de fazer.

  11. Corrigindo: A rádio onde houve esse programa foi a Rádio Guaíba(pertencente ao bispo Edir(zimo) Macedo, apoiador do candidato a ditador.

  12. Só uma correção. O Juremir atua na Rádio Guaíba e no Correio do Povo, concorrente da ZH e da Gaúcha

  13. Correção: a rádio onde ocorreu a entrevista é a Rádio Guaíba, pertencente ao bispo Edir(zimo) Macedo, apoiador do candidato a ditador.

  14. Fernando, o Juremir não é da rádio Gaúcha, mas sim da rádio Guaíba, que é propriedade da Record.

  15. Só uma correção…Se já não o fizeram, querido Brito…Não é Rádio Gaúcha…É Rádio Guaíba …que é da Rede Recordo do Bi$po Ma$edo…Antes, 10 anos atrás, o grande Jurandir Machado já tinha se demitido da Rádio Gaúcha -RB$ – também por ser um LIVRE PENSADOR CENSURADO! E Rogério Mendelski é o típico vira-lata da casa grande ! Era assim na RB$, quando junto com o Lazier Martins e José Barrionuevo, formavam a tríade furiosa da RB$ ANTI-PT que conseguiram Derrubar o Grande e Revolucionário Governador OLÍVIO DUTRA !…É por aí o Fa$cismo da Mídia!…

  16. Lembrando que a Guaíba hoje pertence à Record. Na época da Caldas Jr. era mais democrática.

  17. Fernando, o Juremir não é da rádio Gaúcha, mas sim da rádio Guaíba, que é propriedade da Record.

  18. Edir Macedo e Bolsonaro… essa dupla é da pesada. Isso não é só afronta à liberdade, é afronta e desonra à dignidade humana.

  19. Brito, o Juremir continia na rádio Guaíba. Ele apresentou hoje seu programa “Esfera Pública” às 13:30 horas na rádio. Devem ter acertado que ele se “demitiu” só do programa do “sem noção” Mendelski.

  20. Infelizmente o PT perde uma chance única para falar do Golpe (quem participou do Golpe, como se deu o Golpe parlamentarista-midiático, além de falar que o Bozo seria continuismo desse Golpe). Falar do Golpe iria ruir o argumento de muitos eleitores do Bozo (principalmente os eleitores que eram Lulistas) de que o Bozo representaria “mudança”. Deveria ficar claro que as consequências do Golpe (Entreguismo, Elitismo, Perda de direitos, aumento da violência, etc) vai continuar. Era para ficar claro:

    1- Os dados sociais dos governos PT (comparar com FHC e depois o que ocorreu até 2014)

    2- Falar que apesar da vitória da Dilma, o PSDB se juntou com o PMDB e Centrão para não deixarem a Dilma governar,

    3- Falar como ocorreu o Golpe e quem participou ( e depois as consequências para ricos e para os pobres)

    4- Falar que o Bozo é continuismo ainda mais radical do desgoverno Temer que já conta como uma série de militares, mas que apenas se evidencia capitães do mato da elite que não querem melhorar a desigualdade (tanto de pobres e ricos, como desigualdades regionais).

    5 – Por fim deveria deixar claro quais seriam “Propostas Petistas” (tudo contrário ao que Temer fez e com algumas programas declarados como “petista” para não ser copiado), além de informar que a estrela branca do PT está na Bandeira do Brasil e representa o povo que tem estrela nos Estados.

    Deveria aproveitar essa chance única de falar diretamente sem o intermediação do PIG.

    Uma pena a falta de clareza na estratégia comunicacional que deveria sair desse medo x medo, para o amor (inclusive o coração com o número 13 dentro para deixar como marca do PT) x medo/ódio.

  21. Parabens caro jornalista Juremir Machado da Silva, o Sr pode estar desempregado agora ,porem sua biografia nunca tera uma mancha de falta de carater e coragem e isto e o que importa as pessoas que honram e preservam seu curriculum.
    Meus mais efusivos e sinceros cumprimentos e que o Sr consiga um emprego urgente em uma empresa que honre a nobre arte de se fazer jornalismo decente e moralmente aceitavel.
    Infeliz o povo que assiste uma midia como a que estamos vendo e lendo no Brasil atual. Isto me faz lembrar meus tempos de menino quando lia receita de bolo em jornais que meu pai assinava.

  22. Pois é. PHA crítica a Globo a mando Edir patrão e fica mudo quando se trata da Record. São nessas horas que o falta de caráter se desvela.

  23. Conheci,ouvindo o Jurandir em minhas estadias no sul.Foi ele que gerou aquele malestar entre a Marcia Tiburi e o aprndiz de ditador o asiático do mbl,mas fora isso ,ele sempre foi a voz que destoava das lacras sulistas.Esses dois que apoiaram a censura,são o que há de mais nojento numa região reacionária e fascista por natureza,o outro é um pobre coitado que mal tem um terno pra aparecer na tv.
    ESSE TIPO DE ATITUDE É A QUE NÃO DEVEMOS PERDER,PODERÃO VIR A TER O PODER ,MAS NUNCA SERÃO DONOS DA MINHA DIGNIDADE ,
    ISSO LEVAREI ATÉ O TÚMULO,OU ME LEVARÁ A ELE,…DIGNO.

  24. O BOZO é um covarde, que não pode ser confrontado pois não tem cultura, educação e muito menos respeito pela raça Humana da qual ele não faz parte.
    Lembrando que foi o mesmo Juremir Machado da Silva que trouxe o japonês, sere insignificante intelectualmente e moralmente do movimento dos picaretas “mbl” para o seu programa, sem notificar a entrevistada e Humanista Dr. Marcia Tiburi,
    Será que agora ele está com remorso, Haddad Presidente.

  25. Fala para ele criar um blog e se juntar aos blogueiros progressistas que nós o ajudaremos acessando e prestigiando em massa o blog dele. Mais é para ontem. Ninguém vai nos calar. O capitao pode meter medo até em ministros do STF, mas nós temos dignidade. Não somos covardes.

  26. Precisamos ter esse jornalista entre nós. Temos que fazer dele um símbolo contra a censura, eis que é o primeiro a reagir a censura antes mesmo da eleição de Bolsonaro . Espero que todos os blogueiros progressistas o procurem urgentemente e o ajudem a criar um blog se ele aceitar o desafio.

    1. Ele é “mais ou menos” de esquerda”, mas também é critico do PT. Acho que está mais para anarquista. Mas é coerente com suas posições.

  27. FB, mais um colega pra anunciar quando tiver o blog!
    Quem tem espinha ereta, não se dobra pra qualquer bosta!

  28. A melhor definição de “DITADOR” é aquele que determina ou dita a dor da tortura, da perseguição e até da morte dos opositores. Isto já começou e vai se agravar ainda mais. O pesadelo da ditadura inescrupulosa, covarde e vil está sendo ressuscitada pelas mãos do seu principal defensor, o amigão do Ustra, O Senhor Bolsonaro e o pior apoiado por milhões de brasileiros que não fazem a mínima idéia do que isto significa. Os mais velhos sabem do que eu estou falando. Perguntem a eles.

    1. Caro colega, cada vez mais as pessoas (digo de novo: PESSOAS) estão desacreditando dessa conversa de facada…

  29. juremir é um sujeito plurarista em q pese ser assumidamente de esquerda. Ele, ao q parece se demitiu apenas do programa do mendelsky mas continua nos outros programas e espaço de comentários creio eu. Caso saísse seria uma perda irreparável para a imprensa gaúcha e para a emissora que precisa ser plural até para sobreviver comercialmente (já q o lado conservador é ocupado por n outras) e tb para o próprio creio não teria outro espaço igual. Perde o conservador mendelsky q agora ficará com um programa morno e exclusivo para conservadores.

  30. Um golpe que devemos saber continua , aa fake news também. A entrevista dos golpistas o disseram com suas colocações hipócritas, levianas de joão-sem-braço.

  31. Bom dia.

    Aproximo-me suavemente do momento em que os filósofos e os imbecis têm o mesmo destino.

    Voltaire, o original.

    Essa história me lembra muito fato ocorrido em Itapipoca, meu torrão natal. Há muitos anos, o então prefeito foi a um programa de rádio, desses “coloco na cal e tu chutas“.
    Só que o entrevistador, mordido pela mosca azul, começou a fazer perguntas, digamos, pouco convenientes. Numa certa altura, o prefeito, furibundo, gritou:
    — “Epa. Essa aí nóis num combinemo não“.
    Panos rápidos, quentes e o programa segue, com novo entrevistador…

    Saudações “Vote #HaddadPresidente & #ManuVice, pela Civilização; #LulaLivre. Democracia, Justiça E Paz“,
    Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal, seja Livre. Use GNU-Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *