Datafolha: 58% não têm o que dizer de bom de Bolsonaro

A leitura correta dos dados da pesquisa Datafolha divulgada hoje, sobre o que fez Bolsonaro nos seus primeiros seis meses de poder – dizer “de governo” é uma ironia – deveria ser a seguinte: quase seis entre cada dez brasileiros (58%) ao serem perguntados sobre o que ele fez de bom, não tem uma coisa sequer a dizer.

São 39% que respondem com um sonoro “nada” e mais 19% que nada sabem citar.

Entre os que citam alguma coisa, o destaque é para a segurança: há sempre quem acredite que armar a população irá reduzi-la. Os 4% que acreditam que a corrupção acabou são menos, até, do que os que acham que a Terra é plana.

A pesquisa já tem dias e ainda não captou a última bobagem presidencial, ao se referir pejorativamente aos nordestinos.

E que, assinala o “Databrito” pegou em cheio: hoje a faxineira chegou aqui e a primeira coisa que disse, orgulhosa, foi que compartilhou o “passa-moleque” de Alcione no presidente.

É que nordestinos não são só os 30% dos brasileiros que vivem lá, mas os milhões que se espalham pelo Brasil. Segundo os dados do IBGE, no censo de 2010, eram 53 milhões de brasileiros vivendo no nordeste, mas um total de 62 milhões de nascidos lá os habitantes do Brasil.

Some os filhos da diáspora nordestina, igualmente chocados com o deboche de Bolsonaro e você verá o efeito explosivo do “paraíba” presidencial.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email