Delação atinge periferia tucana na Globo. Mas só agora?

A Globo deu hoje 11 minutos em seu jornal SPTV para uma matéria sobre corrupção no Metrô paulista durante os governos tucanos de São Paulo

Seria simples jornalismo, não fosse o fato de que o mesmo conteúdo havia sido publicado 20 dias atrás pela Folha.

E o esquema de corrupção era conhecido desde 2018 – inclusive com a denúncia criminal contra o ex-diretor Sérgio Corrêa Brasil, que fazia os arranjos para beneficiar políticos da base de José Serra, quando era diretor do Metrô e Geraldo Alckmin, quando passou a e assessor de PPP (parcerias público-privadas) na Secretaria de Planejamento,

Depois de condenado, Sérgio firmou um acordo de delação, que provocou uma denúncia criminal contra outras 14 pessoas.

As garras tucanas no dinheiro do Metrô, todos sabem, é assunto antigo. Agora anda, mas só chega a pessoal de segundo escalão.

No jornalismo promocional, a gente sabe, é bom ter um pé atrás com estas “novidades antigas”.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email