Em novos diálogos, delação da OAS tinha nome e preço: Lula

Das mensagens obtidas pelo The Intercept e publicadas hoje pela Folha:

“Acho que tem que prender o Leo Pinheiro. Eles falam pouco.”

A frase do procurador da República Januário Paludo, um dos  mais destacados da chamada Força Tarefa da Operação Lava Jato, resume o espírito que marcou mais de um ano de “negociações” entre a Procuradoria Geral da República: só haveria benefícios para “o empreiteiro com mais prova contra si” – José ademário, aliás Leo Pinheiro, da OAS – se este ” entregasse” o ex-presidente Lula.

Para isso, valia usar a prisão do executivo, até que ele concordasse em fornecer alguma acusação contra o petista:

“Januário Paludo – 12:21:54 – Acho que tem que prender o Leo Pinheiro. Eles falam pouco. Quer dizer, acho que tem que deixar o TRF prender.”

Depois de meses, a OAS apresenta – curiosamente, através da revista Veja – o que está disposta a dizer: que haveria uma “conta” clandestina em favor de Lula,  versão mantida até o final como justificativa da suposta vinculação do triplex do Guarujá com os contratos da Petrobras – algo que jamais fora mencionado nas conversas entre a OAS e os procuradores :

Anna Carolina (Garcia) – 19:52:11 – Tinha isso de conta clandestina de Lula? 19:52:19-  Esses Advs não valem nada

Jerusa(Viecili) – 19:53:02 –  Não que eu lembre

Ronaldo ( Queiroz)- 20:45:40 – Também não lembro. Creio que não há.

Sérgio Bruno ( Cabral Fernandes) –  21:01:10 – Sobre o Lula eles não queriam trazer nem o apt. Guaruja. Diziam q não tinha crime. Nunca falaram de conta.

A “plantação” de suspeitas através de vazamentos era, para alguns procuradores,  “uma estratégia dos advogados para despertar interesse pela proposta e torná-la irrecusável para o Ministério Público”. Outra – que saiu pela culatra – teria sido o pagamento de propina, na forma de obras de impermeabilização em sua casa, do ministro José Carlos Dias Toffoli.

E como não havia materialidade alguma no que os advogados de Léo Pinheiro traziam aos procuradores, durante mais de um ano as conversas não renderam acordo formal mas, afinal, com a alegação das reformas e de um suposto pedido de destruição de provas, a promessa de um, assim mesmo com muita prudência, para não evidenciar a barganha obtida com ele:

Deltan (Dallagnol)-17:10:32 -Caros, acordo do OAS, é um ponto pensar no timing do acordo com o Léo Pinheiro. Não pode parecer um prêmio pela condenação do Lula.

A única “prova” contra Lula, o depoimento do empreiteiro – que agora se vê como foi extraído – desmoronou estrepitosamente.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

33 respostas

    1. Ainda sou mais “lobos solitários”. Sabe como é, existem muitos Delcídios e Paloccis infiltrados por aí – que caguetariam todo mundo por duas mariolas.

  1. BRITO, os blogs progressistas já publicavam, naquela época, a mudança da delação do Léo Pinheiro, que só foi aceita pela Liga da Justiça após ele acusar o Lula. Tudo isso que o The Intercept está revelando nós já sabíamos. Ou melhor, qualquer um com inteligência mediana sabe que foi tudo armação.

    1. Eis ai a grande diferença.
      A grande mídia participava da armação e o que a mídia progressista publicava chegava a poucos (em termos proporcionais à população total).
      Agora, além de vir acompanhada das provas, as informações estão chegando através de um renomado e premiado jornalista americano, que não comprometeria sua reputação falando bobagens.
      Com isso, à grande mídia restaram duas opções:
      – assumir a verdade e cooperar com a divulgação, inclusive em parceria com o Intercept;
      – ou fazer como a Globo, tentar incriminar o jornalista e desconsiderar as revelações, com o imenso risco de acabar comprometendo de vez sua reputação no jornalismo.
      Mas como a Globo já sabe que já caiu mesmo em descrédito e não tem mais nada a perder, foi para o tudo ou nada. Já os demais veículos de comunicação ainda podem rever sua postura e voltar a praticar jornalismo sério.

      1. Curioso que, nesse último vazamento na Folha, eles atacaram a Veja: “NUNCA HOUVE CONTA”. Será FANTÁSTICO quando, em uníssono, vazarem as participações dO Globo.

    2. Até o site humorístico Porta dos Fundos tirou sarro quanto ao direcionamento das delações: Bastava o réu dizer o nome que eles queriam ouvir- isso há mais de dois anos.

    3. Até o site humorístico Porta dos Fundos tirou sarro quanto ao direcionamento das delações: Bastava o réu dizer o nome que eles queriam ouvir- isso há mais de dois anos.

    4. Sabíamos tudo mas o manto de imparcialidade do Moro vestido pela mídia impedia que os outros vissem o que víamos. Será que agora verão?

  2. Dois crimes:
    – delação forçada por tortura psicológica, tão grave quanto tortura física;
    – lawfare contra Lula, praticado pela lavajato.

      1. Agora entendi porque nossas FFAA detestam tanto o sindicalismo.

        É que elas são pelegas. Agem como o pelego entre os interesses norte-americanos e os interesses do povo brasileiro.

  3. Se não reunir logo os trezentos, meu amigo, nem provando que Sérgio Moro matou testemunhas adiantará alguma coisa para libertar o Lula. Crime neste país é ser honesto, como prova os arroubos do General Helenão. Coca no helicóptero e no avião pode. Ameaçar matar laranjas, pode. Só não pode ser honesto!

  4. Quantos crimes usando a toga serão necessários para levar esse juiz criminoso para a cadeia? Muitos, é verdade, pois não os cometeu sozinho, tem mais juiz corrupto por aí, claro não dormem mais aguardando a próxima publicação, esse é o preço. Punição de dentro para fora, a pior. Divina.

  5. Que horror! Tudo que a defesa do ex-presidente Lula alegou vem se comprovando com os diálogos vazados da LJ. Esses meliantes devem ter “aprendido” direito assistindo Law and Order e outros pastelões americanos. Tudo isso regado a dinheiro público, nosso dinheiro, que paga o salário dessa gente desqualificada, que mantém esse câncer, corroendo o sistema judiciário.

  6. A CASA DE CABOCLO DESABOU! #CadeiaParaMoro #AnulaçãoDasEleições2018 #GreveGeralPorTempoIndeterminado

    BOMBA ATÔMICA. Sempre soubemos que não havia nenhuma prova contra Lula. Agora sabemos que não havia nem sequer qualquer convicção. Os próprios membros da Lava Jato NÃO ACREDITAVAM QUE LULA FOSSE CULPADO.

  7. O povo da Folha é tão mau caráter, que colocaram um monte de fotos das partes comuns do edifício, de modo a sugerir que as fotos são do interior do apartamento. Nenhuma foto do apartamento…

  8. O Brasil não precisa mais de ELEIÇÕES, PLEBISCITOS ou REFERENDOS. O Brasil precisa de BALA, muita BALA de FUZIL.
    Começando por São Paulo pela INAUGURAÇÃO de uma GIGANTESCA GUILHOTINA modelito LUÍS XVI, a obra mais esperada do PAÍS, instalada na Av Paulista defronte a FIESP, escorrendo dia-e-noite uma massa púrpura que fluirá fartamente pelas ladeiras da Paulista indo alagar a Baixada do Glicério, daí inundando o Parque Dom Pedro escoando pelo Tamanduateí até desaguar no Tietê tingindo-o e transbordando pelas Marginais num Mar de Sangue, até que o Tietê mude de nome para Rio Tinto.

    Daí em diante o Brasil será uma Nação !
    *por aí.

  9. Eu costumo clicar no link da Folha para avaliar a manchete porque o resto em geral fica trancado atrás de paywall. Essa matéria está liberada, será uma condição do Intercept?

  10. Januário Paludo é o pai intelectual dos intrépidos de Curitiba. Um dos grupos de mensagem se chama “filhos do Januário “. Isso tudo é que nem bosta: quanto mais mexe, mais fede. Os mais inteligentes já se recolheram ao silêncio, espero que tenham boas reflexões sobre a m. que fizeram.

  11. Acho que vão aguardar Moro ir para STF ! Que já foi uma negociata com essa coisa aí Bozo & Filhos ! USA por trás de tudo isso eles com os lesa pátria do Brasil quebrou o país

  12. PITACO DO BORÔ; TÁ NA HORA DE ROLAR UMA DELAÇÃO PREMIADA DE UM PROCURADOR ESPERTO QUE SABE QUE A CASA VAI CAIR E ESTA É A UNICA MANEIRA DE SE SAFAR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *