#NotHim, #EleNão: Mourão levou Bolsonaro ao “The New York Times”

O General Hamílton Mourão pode se orgulhar.

Ele deu o coice que faltava para Jair Bolsonaro alçar-se ao status de cavalgadura internacional, quando chamou as mulheres  que criam filhos sós de “fabricantes de desajustados”.

Reavivou todas as fornalhas acesas por Bolsonaro e o elevou a fenômeno de grosseria no The New York Times, em texto da correspondente Sasha Darlington.

Uma campanha de mídia social chamada # EleNão – ou #NotHim – é o exemplo mais recente de como as mulheres no Brasil estão se mobilizando contra um político que chamou publicamente as mulheres de ignorantes , feias demais para estuprar ou indignas do mesmo salário que os homens . Em um discurso, Bolsonaro, pai de quatro filhos e uma filha, disse que ter uma criança do sexo feminino é um “momento de fraqueza”.

Sábado, por todo o país – e nas áreas de classe média e alta que ainda lhe são celeiros de votos – as  ruas vão se encher de mulheres sob a bandeira do “EleNão”.

E quanto mais os “minions” se mobilizam para reagir, mais pioram as coisas.

Protagonizaram, no Recife, o espetáculo dantesco do “têm mais pelos  que cadelas” para as mulheres “de esquerda” (tradução, as que não gritam pelo “Mito”). No Rio, ajustaram sua minúscula manifestação em Copacabana para receber uma tropa de centenas de ex-paraquedistas e policiais  numa corrida de “calça e coturno, com a parte superior do corpo exposta”, como determinavam seus organizadores.

Só mesmo o torso nu e a pele morena os diferenciavam dos camisas pardas de Hitler.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

33 respostas

  1. Se há overdose, caros Fernando Brito e leitores, é de uso das técnicas de guerra híbrida total. Esse uso nada sutil da guerra híbrida é para tornar palatável o Emmanuel Macron tupiniquim e para distrair a atenção dos brasileiros para o que realmente importa:

    1º) – Desmonte e entrega (aos estrangeiros)das SPEs de que a Eletrobrás é acionista importante (49%) ou mesmo controladora, marcados para esta quinta-feira, 27 de setembro de 2018;
    2º) – Entrega de mais campos produtivos (ou com bilhões de barris em reservas provada) do Pré-Sal, já marcada para antes das eleições;
    3º) – Terceirização ampla, geral e irrestrita no serviço público, já estabelecida por decreto do golpista e quadrilheiro Michel Temer;
    4º) – Desnacionalização/privatização dos aqüíferos brasileiros (Guarani e subterrâneo da Amazônia, de MG, etc.) em favor de empresas como Nestlé Coca-Cola e outras estadunidenses e européias.
    5º) – Desnacionalização/privatização de grande parte da Eletronuclear, com abertura de licitação internacional para a conclusão da usina de Angra III.
    6º) – Articulação entre as quadrilhas hoje no Congresso Nacional para desmontar a previdência pública, tão logo passem as eleições e antes do término da atual legislatura.

    Há muito mais desnacionalizações, privatizações, desmontes entreguismos em curso. E nós ficamos aqui, discutindo “pesquisas eleitorais” encomendadas e manipuladas por veículos do PIF/PPV ou suposta divergência editorial entre veículos do mesmo grupo de comunicação (no caso Globo).

    1. Pois é, mas os correspondentes brasileiros dessa guerra foram muito incompetentes na construção do “Macron” nacional e estão perdendo o pênalti sem goleiro que o Deep State americano preparou pra eles.

      1. Concordo, mas, infelizmente, constatar isso não nos alivia em nada. A direita pode não ter emplacado o seu Macron, mas este pode vir da própria “esquerda” – assim como o original francês.

    2. Tudo depende de retomar as garantias dos parlamentares e da presidência da república, reformar o STF e tomar de volta o poder de fato no país. Com o judiciário certo, todas as roubalheiras e contratos firmados pelos golpistas nos últimos dois anos podem ser revistos pela administração por serem danosos ao interesse público, com a responsabilização, civil e criminal de todos os envolvidos, sejam brasileiros ou não.

  2. O coice internacional do General Mourão na candidatura do “capitão do Ustra”, ricocheteou na redação do The New York Times, o maior jornal do mundo.

    Agora além do #EleNão nas Terras Brasilis, Angela Davis e sua tropa de choque se engajaram no #NotHim no Feudo do Atraso de Trump.

    As Guerreiras do Mundo, sem perderem a ternura jamais, transformaram o capitão e seu general em Recrutas Zero Internaciuonais.
    #RespeitaAsMinasRecrutasDaDemocracia

  3. Os caras têm peitos moles q ficam balançando… Esses soldados tbm são FAKES ou eles têm peitos moles assim mesmo? Poucas vezes na vida vi algo tão grotesco. Vômito puro.

  4. como assim
    corrida de “calça e coturno, com a parte superior do corpo exposta”

    que espetáculo não?
    é pra mostrar que são machos?
    ou são garotos de programa…

    1. Acho que Boçal Nato entre quatro paredes pede para ser amarrado na cama e torturado por um michê fantasiado de Brilhante Ustra.

      1. OLHA
        NÃO DUVIDO
        esse cara só pensa naquilo, impressionante isso
        ele tem problemas sérios com a própria sexualidade – isso é fato

    2. Não chegou a ver? Também não perdeu nada!!! Mais parecia um bando macacos ( com respeito ao primata), mas o que eles deviriam cantar era a “macho men” do Vilage People… Patéticos.

  5. ponharam reparo na foto do NYT?
    só os zomi na foto
    tudo macho, muito cheiro de macho – eles adoram….

  6. Caro Fernando, não foi apenas o NYT, mas vários cantores e celebridades pop americanos estão se manifestando!
    Alguns exemplos: Ellen Page, Dan Reynolds (vocalista da banda Imagine Dragons), Black Eyed Peas, Dua Lipa, Nicole Scherzinger. São icones da cultura pop que pegam de cheio uma parcela da juventude brasileira.

  7. O vídeo dessa marcha paramilitar em Copacabana beira o assustador. Só faltaram os caveirões. Mas “parte superior do corpo exposta” é uma autocensura à estética Alexandre Frota: “tudo de fora, rebolando, marche!”. Dizem que Sérgio Moro não compareceu para não ser obrigado a tirar o uniforme “camicia nera” mussoliniano, que lhe cai tão bem. O vídeo de O Gladiador perde. HADDAD & MANÚ 13 13 13 13 13 13

  8. A minha grande felicidade e ver a caras dos canalhas da globosta! Esses golpistas cafajestes ! O gigante Lula preso ! Perseguido por esses(as) canalhas da globosta, desde o afastamento da Dilma ! Era tido dia escutar os imbecis da globosta news falar agora ficou difícil para o PT, tá difícil para o Lula! O PT acabou ! Esses canalhas ainda vão ter o troco ! E ver o povão Brasileiro voltar ser feliz outra vez ! Haddad vai ser o nosso presidente Lula no planalto ! E nossa vice Manuela ajudando na governabilidade ! Espero que os nojentos do congresso não venha com pautas bomba feito o escroto e bandido Cunha

  9. Talvez as gerações do futuro descubram que era necessário que isto tudo ocorresse, para trazer à tona a podridão que esteve camuflada por 500 anos.
    Que ela se esgote numa derrota acachapante nas urnas, e num governo que tenha coragem para enterrar o lixo autoritário, elitista e fascista que ainda sobrevive no Brasil.

    1. Curioso é que a mesma turma que a vida toda chamou Lula de “analfabeto” agora vai votar na cavalgadura sem pestanejar e sem sequer perceber essa contradição…?????????????????????????????????

      1. A questão, é que não há uma ideologia movendo essa “massa” que vota num cara como o Bolsonaro ou outros da direita. É simplesmente um recalque plantado na cabeça dessas pessoas, então basta haver um não-PT, e é nele que votam. Mas, a maioria não entende, política é mais do que um diploma, é inteligência (que diplomas não comprovam por si só), vontade de fazer alguma coisa, e lógico (essa é a parte ruim) articular pra te deixarem fazer.

  10. Essa fixação por torso masculino nu Freud explica.

    Em tempo, vejam a comparação entre Boçal Nato e Trump:

    1) Trump teve um caso com uma atriz pornô;

    2) O grande amigo de longa data de Boçal Nato – o ator pornô Alexandre Frota – foi visitá-lo no hospital. Qual é a dos dois? :)

  11. Se ele não, chuchu menos ainda. É preciso cautela para que essa campanha não seja pró-tucano.

  12. Podem chorar. Gringos não votam. A maioria da população vai eleger #ELESIM em primeiro turno. Fim das boquinhas. COMUNISMO e NOVA ORDEM MUNDIAL AQUI NÃO. O desespero chega a ser INTERNACIONAL. E tem mais, os eleitores de BOLSONARO sabem que isso é FAKE NEWS, e que depois dos ataques teve ainda mais gente que nem ia votar nele e agora faz questão. Essas mulheres FINGEM-SE de lacradoras mas só querem continuar com suas putarias e privilégios com dinheiro público CHOLA MAIS. Está chegando a hora do CHORORÔ. TRUMP 2 WINS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.