O Brasil no buraco é o Brasil do buraco

infraest

Fiz uma viagem de automóvel ao Sul  em 2003, ano da posse de Lula, que recebeu o país de Fernando Henrique Cardoso numa situação de penúria e cortes de investimentos semelhante à de hoje. Quando entrávamos em alguma estrada vicinal, de terra, a brincadeira era dizer que “pegamos a BR” de tão mal conservadas estavam as estradas federais.

Prepare-se para viver algo semelhante nos próximos anos, depois das sensíveis melhorias que experimentamos em um década.

Juliana Elias, do UOL, publica hoje um conjunto de dados que reflete os investimentos em infraestrutura no país nos últimos dez anos e o resultado, claro, é como uma “lombada” de estrada… Subiu e desceu vertiginosamente, como mostra o gráfico.

Os números não se referem, claro, apenas a reparos, duplicações e abertura de rodovias. Incluem saneamento, energia e ferrovias, essencialmente. E apontam que, em 2016, ficaram em lastimáveis R$ 99 bilhões.

“É também pouco mais da metade da receita alcançada em 2012, quando os gastos com infraestrutura atingiram seu pico. Em 2012, as obras de infraestrutura realizadas no país, segundo a Paic, somaram R$ 180,5 bilhões. Desde então, este valor veio caindo ano a ano até chegar à mínima de 2016, número mais recente do IBGE”, narra Juliana.

Não foi só a recessão econômica: atingidas pela Lava jato, empreiteiras paralisaram obras e o resultado foi um aumento de 17% no desemprego da construção civil. Quem manteve o posto de trabalho perdeu 5% dos salários já modestos.

Não imagine que 2017 seja diferente disso, porque não houve dinheiro, senão para o setor elétrico. Os desembolsos do BNDES para as áreas de saneamento, logística e mobilidade urbana caíram 23% e as contratações de crédito, que representam obras em futuro próximo, despencaram 44%.

Pior ainda porque, para aliviar os problemas de caixa da União, o BNDES devolveu os recursos que tinha disponíveis para emprestar. Não ache que o fato de boa parte da malha rodoviária ter sido privatizada vá ser a saída: obra pesada, mesmo nelas, só com financiamento público, embora a conservação possa ser feita com os pedágios escorchantes que cobram.

 

No próximo buraco em que cair numa rodovia federal, lembre-se de Henrique Meirelles, do teto de gastos e do discurso neoliberal.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

17 respostas

  1. O Brasil é hoje um país condenado: ao atraso, ao autoritarismo, à falta de democracia e de justiça, enfim condenado ao terceiro mundo ou pior. Ficará uma pergunta para as próximas gerações, como uma ferida que não fechará: como foi possível que grande parte de uma nação tenha voluntariamente optado pelo lixo ?

    1. é mesmo dificil de entender. talvez a lavagem cerebral conntinua da midia canalha em conjunto com as psi ops do Império sejam a explicação.

    2. Difícil explicar este povo, Antonio. Aqui o pobre é de direita, é massacrado pelos poderosos e se submete. A chamada servidão voluntária (Etienne de la Boétie). Infelizmente, sempre digo que há dois continentes perdidos neste mundo: África e América do Sul. Há 50 anos ouço o mesmo: o Brasil é o País do Futuro. Lamentável.

  2. Quantos neoliberais são necessários para trocar uma lâmpada?

    Resposta: Nenhum. A lâmpada se troca sozinha quando queima.

  3. Teto de gastos públicos foi uma furada. Estamos todos, principalmente os mais pobres, ferrados. O golpe atropelou todo mundo.

  4. Olha a Argentina aí gente! O governo Macri acaba de firmar acordo com o FMI no valor de 50 bilhões de dólares e o fundo já exigiu a queda da inflação para o patamar de 9%, Como todos já viram esse filme para alcançar esse patamar arrocho no povo para a alegria dos rentistas e o pior é o efeito Orloff no Brasil.

  5. :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra??S??il e postando:

    milicu bom é milicu morto.

    .:.
    ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ?
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) ! ! ! ! Lul(inh)a Paz e Amor (mas sem contemporizações indevidas. ou seja: SEM VASELINA) 2018 neles/as (que já PERDERAM, tomaram DE QUATRO nas 4 mais recentes eleições presidenciais no BraSil) ! ! ! ! !
    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ?
    ????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????
    :: ????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????
    ::

  6. E ainda assim,quase a totalidade dos cidadãos brasileiros,inclua-se nisso,até crianças de três anos,são todos admiradores dos BÓSTA-ONARO ,que surgem no Brasil,de tempos em tempos,para aplacar as frustrações dos CLASSE MÉDIA,leia-se PEQUENOS BURGUESES,que adoram ricos e devotam aos pobres,seus ódios,por não conseguirem mais,em suas vidas,do que AGARRAR-SE AS GENITÁLIAS DOS MILIONÁRIOS,os BURGUESES,e como estão mais escassos,devido à CONCENTRAÇÃO ACELERADA DAS RENDAS E RIQUEZAS,faltam vagas ,devido,segundo essa lógica, causadas pelos pobres.Exemplo mais significativo,aquela senhora,numa dos muitas passeatas dos ” NANICOS BURGUESES “,com a significativa faixa,onde se lias; PORQUE NÃO MATARAM TODOS de 64 em diante ? Lembram todos ? Aquela é a BANDEIRA DE LUTA DOS ANÕES BURGUESES.

  7. Está claro que pra reagir a esses políticos corruptos, retrógrados, entreguistas e impatriotas precisamos de um povo mais politizado; mas, em primeiro lugar, de uma justiça honesta, menos venal e menos impatriótica, que torça para o Brasil. E é aí que a porca torce o rabo: com esse judiciário mambembe que temos, repleto de Gilmar Mendes, de Cármen Lúcia, de Sérgio Moro, Daltan Dallagnol, etc., etc., etc., podemos tirar o cavalo da chuva … esta zona de meretrício vai continuar eternamente zona de meretrício!!!

  8. Mas fica dificil corrigir o curso do pais, quando a classe media esta’ pensando desta forma abaixo:

    “COMO INVESTIR EM INFRAESTRUTURA EM PLENA AÇÃO DA LAVA JATO ? QUAL EMPRESA DE PORTE
    TERIA CONDIÇÕES MORAIS E ÉTICAS PARA DISPUTAR ALGUMA OBRA DE RELEVÂNCIA ? TODOS
    ESTE DISPARATE SE DEVE AO PROJETO NEFASTO DESTA ESQUERDA RIDÍCULA CAPITANEADA
    PELO PIOR PARTIDO QUE JÁ SURGIU EM NOSSO PAÍS NÃO TIRANDO A RESPONSABILIDADE OS
    OUTROS QUE SEMPRE ROUBARAM MAS NÃO CHEGANDO A DESESTABILIZAR O DESENVOLVIMENTO
    DO BRASIL. TEMOS QUE COMEÇAR DO ZERO COM EMPRESAS QUE NÃO VISEM SÓ LUCROS MAS
    TAMBÉM O DESENVOLVIMENTO DO POVO E DO BRASIL.”

    “NÃO TIRANDO A RESPONSABILIDADE OS OUTROS QUE SEMPRE ROUBARAM MAS NÃO CHEGANDO A
    DESESTABILIZAR O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL” … esta parte, quase me fez descomer o café da manha. Que tipo de desenvolvimento havia, antes de Lula presidir este pais? Porrrrra….

  9. Acrescento ao tema dos investimentos privados. Uma concessão de rodovia para ser viabilizada precisa ter no menos 10.000 veículos por dia passando no pedágio. Rodovias deste porte, somente na região sudeste. E o restante do país?

  10. É tão simples e cômodo para os paneleiros transferir a conta da crise para o PT diante da tragédia anunciada que todos já alertavam, mas o programa de governo e as políticas econômicas que estão sendo impostas e só seriam alçadas ao poder por vias tortas, indiretas, não democráticas e por atalhos, são os mesmos que eles sempre defenderam de forma imediatista como solução, defendiam até ontem e historicamente são defendidas pelo PSDB e pelo mercado, mesmo que atropelassem a democracia, já que jamais seriam aprovadas nas urnas pela soberania popular. Fica mais digno assumir a irresponsabilidade e inconsequência dos seus atos.

  11. Ontem estive com um conhecido topografo . Ele descreveu: em 2014 ganhava um salario de R$ 6500,00 mensais. Agora esta fazendo seleção para trabalhar na mesma empresa por um salario de R$3500,00 mensais. Não ha nada mais a dizer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.