O espalha-vírus do Alvorada

 

Torça o sr. Jair Bolsonaro para que o jovem gari com quem ele parou para conversar, sem máscara, nos jardins do Palácio do Alvorada não contraia o novo coronavírus. E se, por infelicidade, tiver, que não seja com sintomas graves. Porque, depois da foto em que o presidente, um dia depois de seu teste ter acusado que ele ainda está contaminado pelo vírus, se aproxima perigosamente e sem proteção do rapaz que juntava folhas no gramado do palácio, ele se torna o responsável por qualquer coisa que lhe venha acontecer.

Bolsonaro, é claro, poderia ter usado uma máscara ou mesmo um capacete que encobrisse boca e nariz. Mas é claro que o gesto de aparecer sem máscara foi deliberado, parte da mise-en-scéne de super-homem que ele faz questão de simular.

É mais uma imagem – feita pela agência Reuters = que vai correr o mundo, como mais um retrato deprimente de nosso país, governado por um palhaço irresponsável que, carregado do vírus, não hesita em correr o risco de transmiti-lo a pessoas indefesas.

E faz isso no mesmo dia em que um estudo – amplo, criterioso e de repercussão mundial, pela publicação no New England Journal of Medicine – mostra, pela enésima vez, que a sua idolatrada cloroquina no tem efeito algum na terapia da Covid-19.

Pede-se ao menos que ele contamine seus cúmplices, não um pobre sujeito humilde, que está ali a deixar limpo um palácio habitado por um ser imundo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

10 respostas

    1. Nenhum processo contra o bozo (ou qualquer outro) relativos às acões criminosas de governantes em rela?ão à pandemia terá curso e desfecho durante a pandemia. Isso virá depois, quando for passado a limpo o mundo pós pandemia e se definir um novo cenário internacional. E é bom que seja assim. O paralelo é o tribunal de Nuremberg, só possível após a barbaria ter sido derrotada.

  1. A maioria dos brasileiros desenvolveram Síndrome de Estocolmo.
    E nem duvido que o trabalhador do palácio esteja entre eles.

  2. Definitivamente não há mais nada que se possa fazer em relação à J.M. Bolsonaro…
    Neste momento a única coisa PRODUTIVA que as pessoas da oposição devem fazer é aplicar TODA A PRESSÃO DISPONÍVEL e tornar intolerável a vida do Deputado Rodrigo Maia que está sentado sobre 4 dezenas de pedidos de impeachment do louco e faz de conta que não é o momento e que ele não cometeu qualquer crime de responsabilidade. Ainda coloca em entrevistas que tudo será decidido POR ELE só para um incerto momento depois da pandemia.
    NESTE MOMENTO ATUAL a vida dele, Rodrigo Maia, está muito fácil…
    O foco total e o escrutínio absoluto da oposição DEVERIA estar direcionado à ele…
    24 horas por dia.

  3. E por que o infeliz também está sem máscara ?
    Deve ser gado do bozo
    Ontem passei perto de vários garis, no final da tarde. Um deles estava falando que na casa dele todo mundo está tomando “o remédio pra evitar a COVID”, que a mãe dele havia comprado pra todo mundo. Deu a entender pelo pouco que ouvi que se tratava da ivermectina. Gado também. Tá cheio de pobre miserável apoiando o bozo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *