O Brasil, versão Lava jato, é imoral como nunca

temos

Olhar as capas dos jornais de hoje é ver o Brasil reduzido à imundície pelo golpe de Estado que o “moralismo” da Lava Jato,  que se tornou bandeira política para a ruptura do regime democrático.

O país que veta R$ 1 bilhão para o Fundo da Educação Básica mas paga quase dez vezes para especuladores que se servem da operação para escapar  de bolso cheio do mercado de risco das ações, que só deve ser da “liberdade” quando dá lucros.

O país que está às voltas com o drama da escassez de energia (mesmo com a chuvas fartas, estamos com os reservatórios do Sudeste e do Nordeste, 80% do total do país, em níveis abaixo dos de janeiro de 2017) corre para atropelar a venda da Eletrobras, o caminho que nos tirou do drama elétrico nos últimos 50 anos.

A Embraer, que se alimentou de dinheiro estatal ( R$ 86 bilhões, só 25% menos que a Petrobras, de empréstimos do BNDES) para ser a vigorosa empresa que é hoje, prestes a ser entregue à Boeing e, com ela, todo o conhecimento aeronáutico – inclusive o militar – que passará a empregar muitos engenheirios, nos EUA, claro, porque os latidos de cachorro pequinês do Governo brasileiro já viraram ronronar de gatinhos.

Roberto Jefferson, o inesquecível, derrama suas lágrimas ao assumir, através da filha, um Ministério.

Carlos Marun, que é o neojefferson da política, sacoleja suas enxúndias para anunciar que o candidato do Governo às eleições pode ser Alckmin, como pode ser Henrique Meirelles, como pode ser Rodrigo Maia, como pode ser Luciano Huck, como pode ser Michel Temer, até.

Como pode ser qualquer um que não seja Lula, porque até Jair Bolsonaro, o ex-nacionalista, não dá um pio contra nada do que se escreveu acima. Certo, os perigos porque passa o país são os casamentos gay, não é?

“É o que temos”, como disse Fernando Henrique Cardoso, que anda correndo para explicar que o candidato pode ser qualquer um, mas que ele apóia – ô! – Geraldo Alckmin, que Marun e temer podem apoiar também.

O panorama é devastador, mais que desanimador.

O resultado de três anos de histeria deixam um panorama de terra arrasada na vida pública brasileira e na vida de milhões de pessoas arrastada de volta á pobreza e à miséria.

E como o que têm a oferecer ao povo brasileiro é este desastre, precisam como nunca tirar-lhe o direito de escolher o que quer, pelo voto.

Porque o direito de escolher pode-se tirar, nas ditaduras tradicionais, pela proibição de eleições.

Ou, no autoritarismo que passamos a viver, onde o poder sem voto dos juízes passou a ser total e incontestável, impugnando o candidato que representa a negação deste Brasil calcinado pelo fogo da crise.

Ninguém com um mínimo de inteligência pode acreditar que disso possa sair um governo legítimo.

Mas isso não vem ao caso, desde que seja um governo dócil, que afinal conduza este teimoso país à destruição total.

 

contrib1

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

25 respostas

  1. Depois desta decisão catastrófica do Parente entreguista , qual deverá ser a decisão da justissa brazileira a enxurrada de ações que deverão promover os investidores brasileiros em ações da Petrobras? Interessante que todos os acionistas esquecem que este é, sempre foi e será, em qualquer lugar do mundo capitalista, um mercado de risco.

  2. A lava jato sempre foi imoral.
    Agora uma pergunta: como a petrobrás se defendeu em NY se os argumentos da acusação foram alimentados pelas próprias autoridades judiciais e midia do Brasil e eles e os atuais diretores desonestamente dizem que a petrobrás era uma organização criminosa, tanto que estão tentando destrui-la? tenho receio que 10 bilhões seja só o começo.
    Imoral e desastrosa ao extremo.

  3. “…é ver o Brasil reduzido à imundície pelo golpe de Estado que o “moralismo” da Lava Jato, que se tornou bandeira política para a ruptura do regime democrático…” Esta parte do texto resume bem o que se tornou o Brasil. Acho que chega né?! Já passou da hora do povo se levantar e dizer basta. Todos os poderes da república não representa os anseios do povo, transformaram o Brasil num puteiro e ainda tem mais esta palhaçada do judiciário no dia 24 onde um bando de juizecos comandados por um caipira ambicioso da zona agrícola de Curitiba que resolveu vender a alma (e o Brasil) aos ianques, querendo condenar um Líder nacionalista por causa de um triplex que não foi provado que é dele, e que fosse, o que é um triplex comparado ao que estão roubando do Brasil agora? O patrimônio dos outros ex presidentes é muito maior que o triplex e o sítio de Atibaia juntos. É muita pouca vergonha dessa gente. Está na hora de acabar com o sarau da elite do atraso!

  4. Fernando, tudo o que vem acontecendo do golpe para cá é terrível.
    Mas acho que o pior está por vir: a implantação do parlamentarismo ou do semipresidencialismo.
    Imagine o primeiro-ministro, que é quem de fato e de direito comanda o dia-a-dia do governo, sendo eleito por esse Congresso Nacional que temos.
    Seria a consolidação do golpe, torná-lo permanente.

  5. Os EUA traçaram uma estratégia golpista bem planeada. Cooptaram o “Judiciário” (SIC) e demais golpistas para colocar a esquerda na defensiva (Lula, etc.), enquanto saqueiam TODOS os nossos recursos. Estamos com um governo de ocupação! A esquerda precisa reconhecer isso.

    1. Exatamente isso. Em ensaio que escrevi no mês de outubro do ano passado, faço um resumo da trama golpista, situando-a no tempo e no espaço, mostrando que o alto comando fica nos EUA. Acessando https://jornalggn.com.br/noticia/a-logica-e-as-forcas-externas-que-comandam-o-golpe-de-2016-por-joao-de-paiva-andrade pode-se ler a íntegra do ensaio, que requer um pouco de fôlego e paciência; mas está tudo lá, para que os leitores de boa vontade formem opinião e tirem conclusões abalizadas.

      O que não estava no script dos golpistas é que esse golpe fosse decifrado, destrinchado, demolido do ponto de vista histórico, antropológico, sociológico, filosófico, econômico e geopolítico, antes mesmo de consumada a sua execução. Embora os golpistas tenham o domínio do aparato de Estado – inclusive o de força e repressão – moral, ética, histórica, sociológica, política e jurìdicamente o golpe e os golpistas foram, estão sendo e serão FRAGOROSAMENTE DERROTADOS.

      1. Acabei de ler seu ensaio. Gostei muito! Já pensou em transformá-lo em vídeos no youtube contando em capítulos? Seria muito importante, principalmente para os mais jovens tomarem conhecimento desses fatos históricos que mostram o que está por trás dos golpes no Brasil. Além de mostrar qual é a verdadeira motivação do judiciário golpista no julgamento do Lula. Até o dia 24 será preciso um grande esforço da nossa parte para chamar atenção do que está para acontecer em Porto Alegre.

  6. Falta os quase 150 milhões dos brasileiros mas pobres, os que ganham menos do mínimo até 4 sal mínimos, a tomarem as rédeas do Brasil e invadir as ruas, pois a elite midiática, dos banqueiros e a classe média, estão se lixando para nós os pobres como eu que ganha 2 sal mínimos.
    Participo de mobilizações contra esses governantes corruptos mas não vejo a maioria dos pobres, que na prática são os mas acharcados, se mobilizarem. vamos incentivar isso enquanto podemos pois o Brasil não é só Lula e PT.

  7. Não é o assunto da postagem, mas não posso deixar de mencionar e comentar. Por meio das notinhas plantadas no PIG/PPV, Eduardo Cunha segue com as chantagens aos integrantes das ORCRIMs judiciárias (que englobam polícia federal, ministério público federal e judiciário). E a blogosfera “progressista” segue cumprindo papel de estafeta desse gângster da política brasileira, reproduzindo as notinhas por ele plantadas em veículos do PIG/PPV.

    Vejam a notinha republicada pelo DCM, agora há pouco.

    [ Cunha tem medo de ser gravado na cadeia, assim como Joesley Batista

    Postado em 4 de janeiro de 2018 às 11:10 am
    A vida dos presos da Lava Jato na Papuda não anda fácil em Brasília. Depois de dar uma prévia de uma suposta delação que livrava a cara de Michel Temer, o ex-deputado Eduardo Cunha teme que suas conversas na cadeia estejam grampeadas pela PF.

    O motivo do temor: vazarem o que não for politicamente importante para ele. Gravações de Joesley Batista no processo de sua delação premiada colocaram ele na cadeia e ameaçaram Marcelo Miller e Rodrigo Janot.

    Cunha não quer correr os mesmos riscos. A informação é do jornalista Gabriel Mascarenhas na coluna Radar da revista Veja.

    Joesley batista e Eduardo Cunha têm muito em comum. A semelhança vai além do apreço por práticas heterodoxas de fazer negócios.

    Assim como o empresário, o ex-presidente da Câmara evita se aprofundar sobre determinados assuntos nas conversas com advogados que vão visitá-lo na cadeia.

    O ex-todo poderoso morre de medo de que o interfone que usa para falar com seus interlocutores esteja grampeado pela Polícia Federal. ]

    1. Minha maior bronca com a blogosfera é esta, não se desgrudam do PIG nem por um decreto. São raros o que fazem o contraponto, muitos representantes do PIG eu conheci nos blogs ditos de esquerda, dá para acreditar? A maioria não tem ideologia, usam a justificativa que precisam manter o blog aceitando publicar matérias pagas pelos golpistas, sem falar que temos que dividir espaço com trolls que procuram desqualificar nossos comentários. Tem horas que penso que alguns desses blogs estão a serviço do golpe de forma disfarçada. Tem blogs querendo nos convencer que o P(MDB) é um partido que vai tomar jeito, outro de forma sutil faz campanha para ACM Neto e Ciro Gomes, outro já puxa para o PSDB e por aí vai. Se não ficarmos atentos acabamos embarcando na conversa deles. Estamos carente de espaço para chamar de nosso.

  8. Fernando, acompanho o blog há anos, desde os tempos de Brizola Neto. Não sou de comentar, confesso. Mas por você ser o blogueiro que têm as visões mais parecidas com a minha, gostaria de fazer um desabafo: não consigo mais acreditar em eleições. Esses caras não fizeram o que fizeram para entregar a rapadura de graça. Nem falo de Lula, mas qualquer um não aliado.

  9. Nem bem tomaram o Brasil, e os abutres enterram os bicos no Irã. Não sei se é desespero, não sei se é a desfaçatez de quem não tem mais medo de nada, não sei se é a certeza absoluta de que não haverá qualquer reação significativa, o que sei é que o Império perdeu de vez os pruridos, os punhos de seda da diplomacia.
    A única certeza que tenho é de que, a continuar nesse galope, não viramos a próxima década sem uma guerra mundial…

  10. Acreditava que a resposta do povão (maioria) brasileiro viesse a ser dada, através das eleições 2018. E essas estão diíicieis de acontecerem.Outra alternativa não há, senão pela luta corporal Será pura ilusão acreditar que a saída para resgatar o Brasil deverá ser por meios democráticos e civilizados.Não adianta alimentar as feras, preparemos as armas. De quem temos medo…

  11. … Ainda sobre a imoralidade do lamaçal lavajateiro do rábula ‘psicoPATO’ ‘mor(T)o’ e os congêneres ” canalhas, canalhas, canalhas” procuradores de merda da PORCA-tarefa do ‘miniSTÉRIO’ PRIVADA fura-teto &$ lesa-pátria!
    … O infame traste luciano hick é mais um bandido sanguinário a serviço sórdido e genocida da máfia Global!
    ***
    Senador Roberto Requião: Petrobrás acharcada reagiremos com todas as nossas forças!
    https://www.youtube.com/watch?v=Hk0DzjjxSR0

  12. Fernando Brito, boa tarde!

    Gostaria de saber porque não vemos você (outros blogs progressistas também não) analisando as denúncias trazidas à cena política deste final de ano pelo Romulus Maya e Wellington Calazans, de que Eduardo Cunha estaria solto clandestinamente, chantageando Sérgio Moro e o restante da patota de Curitiba?

    Por que não aprofundam a análise política conjuntural a partir daí?

    Ou por outra, por que vocês continuam repercutindo o que traz o PIG?

  13. E os acionistas do Brasil que tem ações da Petrobras, se fu.deu de verde e amarelo. Procura o judiciário brasileiro e vê qual juiz que dará ganho de causa a um acionista brasileiro. Trouxa é trouxa mesmo e não tem jeito, não importa qtos diplomas tenha.
    Fora Dilma paneleiros tapados.

  14. Este é o país de passado e de história vergonhosa, da imoralidade entrincheirada nas elites sujas e burras. Este é o país do tresloucado, covarde e corrupto Aécio Neves, do ladråo Temer, do imundo e podre Jucá, do fura-tetos Moro,da chantagista e bandida Rede Globo e PIG e do inútil, subalterno, omisso, e corrupto sistema judiciário e policial, tudo dominado por homens sem caráter cujo destino é o lixo da história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *