O “fantasma do comunismo” é, de novo, pretexto para ditadura

Na TV Afiada, ontem à noite, falo sobre o logo desfeito “mistério” das motivações do General Hamilton Mourão ao escrever o pré-histórico artigo de ontem no Estadão, lançando a velha acusação de “terroristas” aos manifestantes pró-democracia que começaram a surgir pelo país.

Horas depois do jornal chegar ás bancas, Bolsonaro seguiu nas provocações e na tentativa de inverter as iniciativas violentas que seus seguidores – com seu apoio evidente, desde sempre, do próprio ex-capitão – exigindo o fechamento do Congresso, do STF e a prisão de seus ministros.

Está claro feito água que Bolsonaro aposta na repressão e na transformação em conflitos de todos os atos democráticos que ameaçam espalhar-se no país e copia a ridícula – e frustrada – ação de Donald Trump de mandar o exército dispersar as manifestações antirracismo nos Estados Unidos.

Como tudo no governo Bolsonaro, exceto o ódio, não vai funcionar.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

10 respostas

    1. O bozomorovírus e os comparsas tentando se safarem surfando na era da pós-verdade!
      Canalhas, canalhas, canalhas!

  1. a juventude de hoje tem as suas deficiencias e pecados porem tende a ser menos bundona e alienada do q foi a juventude dos tempos da ditadura. E em caso de golpe creio q a reacao sera muito maior do q foi no passado (pelo menos tenho esperanca nisso)

  2. Por qué havería de ser diferente?????
    Quem alimenta isso históricamente?,(lembrar a tutela encima dos governos CENTRISTAS !! dos pts) , e mantém hoje?.
    Quem levou adiante o estupro da Democracía fornecendo-le comando,cobertura,logística e quando necessário até a ameaçou???
    Quem imagina todo esta desgraça estar acontencendo sem uma prioritária e fundamental participação deles ??
    Até quando continuaremos a olhar para o lado errado e achar que todo esta aberrante realidade é causada pelo boi-sonaro e não enxergar que ele é só consequência ?
    RESULTA ÓBVIO QUE ESTOU FALANDO DA QUADRILHA ENTREGUISTA,SABUJA,DO IMPÉRIO E QUE IRONICAMENTE LEVA O NOME DE FFAA BRASILEIRAS.
    ( se nem sequer neste site está visão e compartilhada maioríatariamente,a exceção de poucos,que diremos do resto da sociedade!! )
    Brasil não terá NUNCA ,posibilidade de avanço permanente se a questão militar não for resolvida.

  3. EIS UMA PROVA DO PORQUÉ DA ESCOLHA QUE ESSA QUADRILHA FEZ PELO FASCISTA.
    Isto passou batido na época ,envolvidos que estávamos no 2° turno das eleições.
    Foi lembrado novamente esta semana pelo Jeferson Miola no 247.
    Se isto tiver veracidade ,é possível entender então a postura dos “generais ” na “paciência” que tem com o “mito”,e também o berro do ariano mulão no Estadão.

    https://www.ambito.com/mundo/bolsonaro-un-lider-construido-pos-un-nuevo-proyecto-poder-militar-n4035789

    Se isto for verdade ,a LUTA será muito maior do que imaginávamos para voltarmos a ser UMA NAÇÃO.

  4. Os militares americanos estão contra a utilização das Forças Armadas na repressão interna. O exército lá existe para defender o país e não para defender quem ataca o povo. Isto a CIA não ensina aos nossos generais.

  5. Não há democracia no Brasil desde fins de 2014, quando os golpistas arreganharam os dentes e impediram Dilma Rousseff de governar sequer um dia do 2º mandato pra o qual foi eleita. A ex-presidente, assim como a juristocracia canalha que ajudou a empoderar – com destaque para José Eduardo Cardozo et caterva – têm muita culpa no cartório e devem explicações a todos os brasileiros. A ditadura covarde, que não se assume como tal, já vigora desde maio de 2017, quando MT foi grampeado no Planalto, com a conivência e participação de generais como sérgio westphalen etchegoyen (em minúscula porque minúsculo o caráter dessa corja fadada, golpista, vira-latas e entreguista). A ORCRIM Fraude a Jato, gestada e comandada do exterior, foi aprovada por essa camarilha de fardas. Bozo é o instrumento que esses bandidos de farda encontraram para ser o operador dessa nova ditadura porque foi cevado nos quartéis e esse canalha do EVB franqueou a AMAN e outros comandos militares para que ele insuflasse não só a baixa, mas também a média oficialidade, além das viúvas de Brilhante Ustra e outros torturadores, colegas do “cavalão”. As milícias, os paramilitares, a “tigrada” das PMs e do exército estão fechadas como o Boçalnato. Mesmo que quisessem, os generais golpistas, vira-latas e entreguistas teriam dificuldades de enxotar Bozo. Mas essa turma quer mesmo é mamar nas tetas do governo, endurecer e fechar o regime, ao lado do monstro que cevou por 30 anos. O que esses criminosos de guerra e de Estado querem agora é usar as táticas e estratégias de guerra híbrida, infiltrando P2 e S2 em manifestações contra o governo ilegítimo, para fechar o regime, impor uma ditadura aberta e muito pior que a de 1964, já que os generalecos de agora são vira-latas e entreguistas atá o último fio de cabelo do fiofó fedorento, ou das hemorróidas, para usar o mesmo linguajara desses vermes asquerosos, como mostrou o vídeo daquele 22 de abril

  6. O Mourão, quando falou que os antifascistas do Brasil eram parte de um movimento internacional, mostrou que está sintonizado com a extrema-direita trumpista americana.

    Por lá, quem luta contra o fascismo já foi classificado e colocado dentro de uma forminha “pop” de bolo que se chama “Antifas”. E este “Antifas” perdeu sua origem semântica (anti + fascismo) para significar isso mesmo que o Mourão falou: Terrorismo. Ser “antifas”, para o Estado trumpista, é ser terrorista. E ser antirracista vai pelo mesmo caminho.

    Então, lutar contra o fascismo não pode, porque é terrorismo. Não importa que isso seja uma confissão expressa de que o Estado é fascista. Nunca se viu uma normalização do Mal tão descarada como essa. Essa gente que assume tranquilamente a carapuça de fascista, e não falta mais nada para que o apelido de terrorista atinja qualquer um que se declarar a favor da democracia.

    1. Um adendo: Por “lá”, os militares recusaram as ordens de Trump para investirem contra a população americana. Disseram que entre Trump e a Constituição, preferiam ficar com esta última. E aqui?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.