O fator Bolsonaro já fugiu do controle?

hudralerna

Onze entre dez análises políticas feitas com o viés do conservadorismo dizem que a candidatura Jair Bolsonaro tende a esvaziar-se na medida em que fique claro que Lula estaria fora da disputa eleitoral.

Como se acham todo-poderosos com o seu jogo de mídia, não conseguem compreender que o ódio que alimentaram, de olho na deposição de Dilma Rousseff e, depois, na eliminação política de Lula ganhou vida própria e que dificilmente obedecerá aos comandos do status quo da política e da economia.

Creem que, assim como desativaram personagens fictícios como Kim Kataguiri (MBL) e Rogério Chequer (Vem Pra Rua) – veja o que eles conseguem por na rua hoje, de coxinhas e constate  – podem fazer o mesmo com o tal “mito”, que só merecia este nome numa das acepções que lhe dá o Dicionároo Aurélio: “coisa só possível por hipótese; quimera”.

Infelizmente, não creio que as coisas se passem assim, por algumas razões.

A primeira é que Jair Bolsonaro, embora tivesse tudo para ser uma inexpressiva figura no meio militar – oficial de baixa patente e curta trajetória, passou a representar o pensamento mais conservador, corporativo e intervencionista dentro das Forças Armadas. Formou-se cadete em 1977, já fora do auge da ditadura e nunca se destacou em nada, a não ser na indisciplina, régua de ouro para medir o comportamento castrense, mas a defesa “sindical” dos militares e uma pauta moralista e extemporaneamente “anticomunista” o foram a outra das definições do Aurélio para mito: “personagem, fato ou particularidade que, não tendo sido real, simboliza não obstante uma generalidade que devemos admitir”.

A segunda é verificar que áreas eleitorais se abrem com a extirpação de Lula e quem pode crescer nelas. Recomendo, para quem tiver dúvidas, que olhe a votação de Marcelo Freixo – excelente na Zona Sul e Tijuca  – nas áreas de periferia e subúrbios do Rio de Janeiro, onde o eleitorado de Lula sempre foi grande.

A não ser se surgir Luciano Huck como paraquedista – especialização de Bolsonaro na tropa – os candidatos ora postos não parecem ter espaço por ali e o ex-capitão tomou o cuidado de bloquear a via evangélica de entrada neste eleitorado para Marina Silva.

O terceiro motivo é que o que eles apontam como razão para a expressão que Bolsonaro alcançou – o antilulismo – não só não se acaba com a ausência do ex-presidente na disputa formal, mas se acentua com a disputa informal a que se lançará, pessoalmente, tanto quanto lhe seja possível.

Contra Bolsonaro não adiantará levantar barreiras éticas ou as do “politicamente correto”. Ele é, justamente, a negação disto. É “mito”, o “macho”, o que “dá tiros”, o que aponta o caminho da paz a bala.

Um perfil que não podia ser “melhor” para um país que regrediu aos tempos do faroeste.

 

contrib1

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

23 respostas

  1. O pleito que se avizinha, reunirá, HUCK, BOLSONARO, MARINA, COLLOR, MANUELA, SERRA ALCKMIN OU DÓRIA ( QUEM O PSDB ESCOLHER ), além de Levy Fidélix, José Maria Emaiel e outros tantos, menos cotados ! Todos juntos, na tentativa de combater Lula ou, quem ele indicar, pulverizarão votos que poderiam ser concentrados em poucos candidatos ! Posso até reconhecer que é direito de qualquer um, candidatar-se a qualquer cargo, espinha dorsal aliás, da democracia. No entanto, com grande pesar vejo o baixo nível e, suas imundas vidas pregressas e vislumbro um hercúleo trabalho intelectual dos brasileiros, para a escolha do que acharem melhor no meio de tal plêiade de nulidades !

  2. Ai, ai, como eu já disse esses dias com mais palavras, se sai para a rua para mudar o status quo, não para confirmá-lo. Para a grande mudança que foi chutar o PT do poder os coxinhas saíram aos MILHÕES. Agora só para atender à vontade do Kim acho difícil que alguém saia mesmo. Quem tinha que sair agora são os mortadelas. Mas em suas minifestações a gente quase só vê os militantes profissionais de sempre. Povo mesmo só nas fantasias dos comentaristas que imaginam falar por alguém além de sua pequena minoria.

    Quanto ao Bolsonaro, pelo que se vê por aí eu também acho que ele vai crescer com a saída do Lula, pois é o mais “homem do povo” depois dele. Para quem votava no Molusco por isso, sobra ele.

    1. Muito homem entrando e saindo da sua casa pra debater as qualidades de bolsonaro com tua mãe na cama?

    2. Homem do povo!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Homem do povo?!!!!
      Você só pode ser muito burro para aparecer aqui com uma conversa destas. É exatamente o perfil dos seguidores de bolsonaro: a burrice.

    3. Arnestinha Pederasta

      Você só escreve MERDAS, é merdas sem nexo.
      Sua candidata, a Bolsonara, já tomou no CU, há muito tempo. Só você e as suas comparsas não perceberam. Vocês são um bando de idiotas comandadas por outra.
      Vão dar muito cu esse final de semana? A SURUBA tá organizada ? Sua mãe e sua mulherzinha vão participar?
      Cadelinha vadia!
      Xibunguinha !
      Libélula !

    4. Sou petista, lulista e todos os istas odiados pela classe me´dia de direita. mas sou obrigado a concordar com o Ernesto que, pelo nome deve ser filho de homem de esquerda.

  3. Não tenho o menor medo de boçalasno. Em campanha, o próprio collor vai deixá-lo para trás. A maioria dos coxinhas não quer se ver representada por um brucutu ignorante. A insistência que muita gente tem pelos tucanos é porque eles são pintados como pessoas equilibradas, estudadas e coisas assim.

    1. Por isso mesmo, os tucanos são perigosíssimos, veja meu post abaixo.

      Possuem um desprezo quase nazista pelo povo, mas são dissimulados. São Bolsonaros com punhos de renda.

  4. Te acompanho, entretanto, dificilmente posto algum comentário, mas desta vez não consegui evitar, espero sinceramente. que você não tenha razão. Seria “o fim da picada” . E, como sempre, culpa da mídia golpista que insuflou o povo contra o PT.

  5. Arnestinha Pederasta

    Você só escreve MERDAS, e merdas sem nexo.
    Sua candidata, a Bolsonara, já tomou no CU, há muito tempo. Só você e as suas comparsas não perceberam. Vocês são um bando de idiotas comandadas por outra. “Homem do povo”, me faça rir filha da puta !lkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Vão dar muito cu esse final de semana? A SURUBA tá organizada ? Sua mãe e sua mulherzinha vão participar?
    Cadelinha vadia!
    Xibunguinha !
    Libélula !

  6. Não é a candidatura Lula que essa esvazia Bolsonazi, é a boca dele, no primeiro debate as intenções de voto dele cai.

  7. Bolsonaro representa uma expressiva parcela da população pobre. Tanto nas favelas, quanto no nordeste, onde ele mais cresce, e ocupa o lugar de Lula. Se vai ser maioria, não se sabe. O status quo não se importa se ele vai ser presidente ou algum dos outros tradicionais, ou mesmo Huck. Eles não vão ser importunados, pelo menos não muito. O Brasil terminará de perder o respeito que tinha internacionalmente. Enfim, será uma catastrofe, e provavelmente ele nem chegará ao fim do mandato (observar o vice quem vai ser… muito importante).
    Nem mesmo Huck é garantia. O povo não identifica em Huck um personagem tão popular. Muito pelo contrário, ele é mais um playboy de rolex e amigo das elites de sempre. Então quem está descontente, vai querer votar em alguém radical, e o único radical disponível (sem Lula) é o bolsonaro. Nem com Lula eu acho que ele poderia ser parado. A chance maior é evitar que ele se candidate…

    1. Não podemos esquecer de tiririca etc. O voto de protesto não tem nada de racional. Alem do mais o descredito nas instituições é tremendo, se o sujeito acreditar que não tem mais nada a perder….Imaginemos segundo turno hulk x bolço, quem votaria no Lula mas sabe que não o deixaram ser candidato pode pensar, se é para ir contra a grobo, então bolçonaro passa a ser opção. Quem era adolf hitler antes de ser o fuhrer?

  8. Resumindo, acho que os trolis deste blog deram tiro no cara errado. Deveriam ter apoiado e torcido para Lula ser absolvido e ser candidato a Presidente. Só assim o Bolso até então vazio poderia emplacar os seus miseros e atuais dezoito por cento. Estes trolizinhos daqui são mesmo umas mulas.Chupe trouxinhas!

  9. Também acho que Bolsonaro não resiste a um debate sério. E é justamente por isso que ele migra, agora, para um partido tão sem expressão, que sequer tem o direito de participar dos debates na TV… Coincidência? Acho que não!

  10. Os tucanos são mais perigosos que Bolsonaro, tenho dito.

    Os tucanos tem comparsas no MP, no judiciário, na mídia e nos donos do capital.

    Os tucanos são tão protegidos pela mídia que pouca gente se lembra de que eles fazem parte do governo Temer.

    Por isso, são mais perigosos.

  11. Tudo indica que eles tinham largos planos para o Kim Kataguiri. O time de George Soros, que às vezes acerta e aposta na construção de uma grande liderança como Marina Silva, às vezes se engana e dá uma bola fora, ao apostar muito neste coisa alguma meio cômico, que é o Kataguiri.

  12. Os votos da esquerda vão para o Bolsonaro? Isso é a coisa mais imbecil que já li em toda a minha vida. É a prova definitiva de que esses coxinhas são mais burros do que parecem. A esquerda jamais votará na ultra-direita. Só imbecis não compreendem isso.

  13. Essa midia eh burra entao. Nao a toa o psdb tem perdido sistematicamente as eleicoes para presidente. Meus amigos q votam no bolsonaro, nao mudaram de ideia. Ngm vota no bolsonaro pq ele eh o anti-lula. Votam nele pq ele eh a esperança contra o esquerdismo devorador de criancinhas, do qual o psdb eh considerado um braço. Veja a reportagem da folha contra ele. Meus amigos bolsonaristas n viram nda demais. Se fosse de outro partido, teriam destruido

  14. Sempre discordei e continuo discordando da opinião de Fernando Brito acerca das reais chances de Jair Bolsonaro – com ou sem o Ex-Presidente Lula alijado da disputa eleitoral pela presidência da república. Por mais que Boçalnaro tente se vender como um neoliberal mercadista de 4 costados, a grosseria, a verborragia e o nazifascismo que ele encarna de forma inequívoca não podem ser aplacados por qualquer “banho de loja” ou de marketing que lhe dêem os verdadeiros donos do poder – , que são as oligarquias financeiras (daqui, mas sobretudo do exterior), oligarquias agrárias, oligarquias políticas, oligarquias empresariais (daqui e do estrangeiro), todas elas plutocratas, escravocratas, cleptocratas, privatistas e entreguistas – cujo alto comando fica nos EEUU.

    Há menos de três meses Boçalnaro foi aos EEUU e cometeu o crime de prestar continência à bandeira desse país. Ele não compareceu ao único evento oficial que tinha por lá, ao saber que seria sabatinado por acadêmicos não totalmente alinhados com sua verborragia grosseira e seu bronco nazifascismo. Boçalnaro é totalmente desqualificado para o exercício de qualquer cargo majoritário; ele não tem a mínima qualificação para ser presidente da república e não pertence à plutocracia que sempre deteve o poder real no Brasil. O PIG/PPV já começou a levantar as capivaras e esqueletos que a família Boçalnaro mantém nos armários frágeis. Em tempos de exército de robôs na internet, duvido que Boçalnaro tenha, de fato, milhões de seguidores que se mostram alheios às capivaras e esqueletos que venham a se tornar públicos.

    A direita golpista, oligárquica, plutocrata, escravocrata, cleptocrata, privatista e entreguista NÃO PRODUZIU NEM PRODUZIRÁ, até outubro, um candidato competitivo. é por isso que ela optou pelo “picolé-de-chuchu”, como antecipei em comentários postados aqui, há mais de um ano. Desde então afirmei também que Arthur Virgílio, se alijado das prévias tucanas, daria alfinetadas no “Santo”, da Odebrecht, no prefake de São Paulo, no Vampiro JS-Tarja Preta ou outro do tucanato paulista que impusesse candidatura sem debater como amazonense. Não deu outra. Sempre que pode, AV tira uma ‘casquinha’ nos ‘colegas de partido’. Boçalnaro tenta se vender e se mostrar palatável para o “mercado”; mas a turma da bufunfa NUNCA confiou e continua NÃO confiando nesse ex-militar ‘bunda-suja’. A tentativa de fabricar uma versão pós-moderna de Collor, hoje representada por Luciano Huck, também está dando certo. Bastaram quatro semanas de exposição do apresentador global como pré-candidato, para que as capivaras e esqueletos começassem a surgir. Assim queo amigão de Luciano Huck, senador Aécio Cunha, foi jogado na lama, o apresentador quis se livrar do amigo, apagando as fotos em que os dois apareciam lado alado, em cochichos e sorrisos cúmplices. São de conhecimento público também as fotos de Luciano Huck ao lado de Joesley Batista, num iate.

    Em tempos de internet, pouco ou nada adianta, a Globo e seu candidato tentarem apagar essas imagens, pois milhares de pessoas as gravou em seus computadores e em pouco minutos todas elas podem ser postas a circular na rede mundial de computadores. O grupo Globo, seus donos, controladores e colunistas patronais são odiados pela maioria dos brasileiros, que sabem dos crimes de corrupção, sonegação e evasão fiscal, além de sabotagem política, praticados por esse oligopólio midiático. Se o PIG/PPV mostrou força para derrubar um governo eleito, desde 2006 notamos que não é mais capaz de eleger um presidente da república.

    Ante o exposto, considero muito rela (e mesmo provável) que ocorra um terceiro golpe no golpe, com a adoção de um sistema semi-presidencialista, semi-parlamentarista ou parlamentarista, como propôs Gilmar Mendes. Este mesmo “ministro do stf” já está ‘mexendo os pauzinho’ para que uma fraude eleitoral – nos moldes da ocorrida recentemente em Honduras- seja capaz de levar à presidência da república um candidato da direita que não consiga este feito por meio de uma eleição limpa e democrática.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.