O povo se move em silêncio

No hall de entrada do apartamento de Leonel Brizola, em Copacabana, uma grande pintura tomava conta da parede oposta à porta do velho elevador.

Era um presente ganho nas eleições de 1982, uma parede simples, de algum lugar pobre, onde seu nome estava pichado, mas o”Z” central, em tamanho maior, figurava-se como aquela que o pessoal mais velho, como eu, via como “a marca do Zorro”, o personagem de um velho seriado dos anos 50, onde um aparentemente “filhinho de papai”, Dom Diego de la Vega, disfarçava-se de roupas e máscara para enfrentar o domínio espanhol sobre o México.

Na cabeça da gurizada, o “bandido” Zorro (raposa, em castelhano) era, claro, o herói proibido.

Lula poderia ter sido outro político, apenas, decerto, que com uma imensa carga simbólica pelo que fez.

Talvez sequer sobrevivesse a uma nova disputa eleitoral, ou mesmo se interessasse por ela, aos 72 anos de uma vida consumida pela política.

Aos 67, quase 68, vi Leonel Brizola ser “apertado” pela mulher, Neusa, a viver mais a família, após a derrota de 1989. A vitória eleitoral de 1990, no Rio, marcaria, afinal, o início de seu ocaso.

A ânsia do golpismo, talvez mais que o medo de que ele ressurgisse, levaram aos acontecimentos que todos sabemos.

Os homens do poder – dinheiro e mídia – puseram-lhe uma matilha atrás, composta de empertigados “intocáveis” e chefiada por um juiz cuja mandíbula proeminente e as camisas pretas emprestavam-lhe um ar autoritário bem ao gosto de uma classe média imbecilizada.

Lula passou a ser o perseguido e, depois, proibido.

E saiu do terreno físico para o simbólico.

Passou a ser não apenas memória, mas esperança.

Os cinco meses de prisão, com a qual pretendiam sepultá-lo, fazem parte de sua ressurreição.

O silêncio e o desaparecimento a que o submeteram fazem sua voz e sua figura dominarem toda a política.

Lula adquiriu a força do mártir, da lenda.

Forçado à condição de fantasma, pela cela em que pensam que  o mantém incomunicável, assombra todos os dias e noites de seus algozes.

Impedem-no de falar que, por isso, Fernando Haddad é sua projeção nestas eleições, mas isso os apavora durante todos os dias e noites.

Quanto mais atacam Haddad “por ser de Lula”, mais o inflam justo “por ser de Lula”.

Deu-lhe instruções precisas: esqueça os outros, os “50 tons de Temer”.

– Só dois nomes, Fernando, o meu e o de Temer, porque Temer é a chaga do golpe que os une. 

O povo, que fincou pé nas pesquisas com seu líder, começa a fluir para o representante de seu líder.

Sem barulho, em silêncio.

E mais rápido do que imaginam os “sabidos” que acham que o povão é burro, ignorante, fraco.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

63 respostas

    1. É de uma genialidade que contagia. Lula está presente com sua alma, sua sobrenaturalidade, sua popularidade e carisma em cada momento dessa propaganda. UM GOLAÇO do PT.
      #HaddadeLula

  1. Ai esta,senhor Fernando Brito,a frase que simboliza o que estamos,de novo a viver.A CLASSE MÉDIA,IMBECILIZADA.São eles,os NANICOS BURGUESES,cujos dedos longos,por quase três séculos pendurados nas GENITÁLIAS DA CLASSE BURGUESA,fazem de tudo,para perpetuar no PODER,A CANALHA.Como zorijos,em castelhano,zurrilho em brasileiro,que não podendo comer nos banquetes dos ricos,pois la são somente aceitos,pela porta de serviços,ficam mirando os rebanhos,se achando os donos.

  2. Parabéns, mais uma vez, Fernando Brito. Principalmente por redimir o povo, sempre espezinhado, que sofre as consequências mais duras em primeiro lugar, que mais demora a se recuperar e sendo, muitas vezes, responsabilizado como inerte ou conivente. Não podemos esquecer que foi o povo que deu 4 vitórias seguidas a um projeto que ambiciona inclusão, justiça, equidade, soberania, enfrentando o conluio mídia anã/judiciário submisso/financiamento externo/interesses escusos.

  3. O povão não é burro, claro. Ao contrário, é bem mais inteligente do que esses que, durante todo o tempo, tentam manipulá-lo, induzi-lo a ter ódio pelos semelhantes, os pobres, os explorados, os excluídos. Quem esteve nas manifestações convocadas pelo PIG/PPV, pelas ONGs e think tanks do império, desde 2013 até meados de 2016, para derrubar o governo legítimo, não foi o povo, mas a classe média analfabeta política, escravocrata, vira-lata e entreguista. Com os sindicatos e centrais sindicais tomados pelo peleguismo e a direção nacional do PT seqüestrada pela ala quinta-coluna (PT jurídico-judicial) o povo não foi convocado para ir às ruas, mobilizado a lutar contra o golpe, contra os golpistas, contra o desmonte e contra o entreguismo. Apenas uma parcela mais politizada e com mais acesso à informação participou de atos contra o golpe, que chegaram a reunir em torno de 100 mil pessoas nas maiores cidades brasileiras.

    O povão, a massa, acompanhou e acompanha em silêncio a movimentação dos golpistas, a retirada de seus direitos, o desmonte e o entreguismo. É que esse povão não tem consigo o aparato de força e de repressão, as armas, sem as quais não pode fazer qualquer transformação social ou revolução. No arremedo de democracia que havia no Brasil – entre 1989 e 2016 – a única forma dada ao povo, de participar das decisões sobre o futuro do Brasil, foram as eleições. Agora nem mais essa oportunidade o povão tem, pois essa eleição, da qual alijaram o Ex-Presidente Lula, é uma farsa, uma fraude, que será usada para legitimar o golpe de Estado.

    Como sempre comento aqui; Eleições, PT ou Esquerda, sem Lula, são fraudes.

    1. Ok. Sabido, conseguiu o registro do Lula? Vai fazer o que? Entregar de bandeja para a direita (Bozo, Alkimin, Marina)? O remedinho está estragado ou é a “marvada”?

      1. Ah, sei. Sabidos são esses, como você, que mesmo diante de fatos que desmontam suas crenças, ainda insistem nas mesmas, cedendo aos vieses e disfunções cognitivas. Eu não estou dizendo o que você ou outros leitores e cidadãos devem fazer, em termos de votar neste ou naquele candidato. O que tenho mostrado é que, sem a participação do Ex-Presidente Lula como candidato, essa eleição é uma fraude. Os golpistas controlam TODO o processo; o vencedor dessa eleição fraudada será quem eles desejarem ou consentirem. Eu e muitos outros fizemos nossa parte. Mas o PT se acovardou e legitimou o golpe, retirando a candidatura do ex-Presidente Lula, mesmo com as decisões da ONU assegurando os direitos dele em disputar o pleito.

        O que precisamos fazer é nos mobilizar e ocupar as ruas, denunciando o golpe e nos recusando a participar de uma eleição fraudulenta. Isso deve ser feito de forma pacífica, pois os golpistas estão à procura de um pretexto, para fechar completamente o regime, talvez adiando as eleições.

        1. Ei João. Consigo entender seu ponto, e dele compartilho até certo ponto. Imagino que a resistência tenha um problemão nas mãos… Como organizar uma resistência e trocar informações, sem ter a estratégia pré-anulada… Vc, me parece, inteligente, deixa de lado o que é “dito ao vento”, presta atenção nas “ações”… E tudo fica claro. O confronto direto, ainda que saiamos vencedores, o que eu não acredito, teria seu preço em sangue… Vc pode até estar disposto a dar o seu, mas teria coragem de pedir a um humilde que de o dele?

      1. Menos, menos.

        O DE pode parecer “maluquice de teorias ultraconspiratórias”. Mas são essas “maluquices” que estragam a festa da narrativa do golpe – pois algo que alerta as pessoas sobre ser plausível ou não pode ser confirmado ou até mesmo “desmentido” (note as aspas) simplesmente porque a denúncia (que a princípio parecia louca e conspiratória) impediu sua consumação. Por isso gosto muito de ver o debate deles. São muito centrados na geopolítica.

        Por outro lado, deixo bem claro que discordo do voto nulo – não existe vácuo no poder. Voto 13, com Haddad. É um passo atrás (sem Lula) para seguirmos adiante.

      2. Menos, menos.

        O DE pode parecer “maluquice de teorias ultraconspiratórias”. Mas são essas “maluquices” que estragam a festa da narrativa do golpe – pois algo que alerta as pessoas sobre ser plausível ou não pode ser confirmado ou até mesmo “desmentido” (note as aspas) simplesmente porque a denúncia (que a princípio parecia louca e conspiratória) impediu sua consumação. Por isso gosto muito de ver o debate deles. São muito centrados na geopolítica.

        Por outro lado, deixo bem claro que discordo do voto nulo – não existe vácuo no poder. Voto 13, com Haddad. É um passo atrás (sem Lula) para seguirmos adiante.

      3. Menos, menos.

        O DE pode parecer “maluquice de teorias ultraconspiratórias”. Mas são essas “maluquices” que estragam a festa da narrativa do golpe – pois algo que alerta as pessoas sobre ser plausível ou não pode ser confirmado ou até mesmo “desmentido” (note as aspas) simplesmente porque a denúncia (que a princípio parecia louca e conspiratória) impediu sua consumação. Por isso gosto muito de ver o debate deles. São muito centrados na geopolítica.

        Por outro lado, deixo bem claro que discordo do voto nulo – não existe vácuo no poder. Voto 13, com Haddad. É um passo atrás (sem Lula) para seguirmos adiante.

    2. concordo que a eleição sem LULA é fraude. Entretanto, quem fez fraude foi o partido de TOGAs. Ontem,Celso de Melo do $TF chancelou isso ao negar o recurso do Lula. Esse negócio do “Lula ou ‘NADA'”, o ‘NADA” só beneficia Ciro, que, com isso, teria chance de chegar ao 2º turno!

      1. Adilton,

        Como militância preventiva, de ação não cansei de gritar nos atos de que participei: “É Lula ou nada”. Impugnada ilegalmente a candidatura do ex-Presidente Lula e depois da capitulação do PT, legitimando o golpe, mesmo com as decisões da ONU, garantindo a Lula o direito de se manter candidato, é seguro afirmar que essa eleição é uma fraude. A todos sugiro ir as ruas e protestar pacificamente.

        Se os mais de 40% que votariam em Lula se abstiverem, anularem o voto ou votarem em branco, o eventual eleito terá pouca legitimidade; mas isso pode levar o candidato nazifascista, agora tornado oficial pelos golpistas de coturno, à presidência da república. Enfim: o fato de eu afirmar que essa eleição é uma fraude não é sinônimo de que eu esteja pregando a abstenção, anulação do voto ou voto em branco; o que quero dizer é que devemos nos mobilizar, ocupar as ruas, denunciar e protestar.

        1. Cara, a gente não consegue mobilizar uma GREVE GERAL.
          Que nostalgismo revolucionário é esse ?
          Com SUPREMO, FORÇAS, MÍDIA, ELITE, classe me.. e tudo.
          A estratégia do PT foi arriscada e corretíssima.
          Aguarde as próximas pesquisas.
          A Vox Populi está aí para mostrar.

          1. Binho Kampfer,

            Mais do que um leitor e comentarista, sou alguém que participou de várias manifestações contra o golpe e que viajou, por duas vezes, mais de 1.100 km, de ônibus, com recursos próprios, para ir a Brasília, protestar contra os golpistas. No dia 15 de agosto de 2018 eu estava lá. O PT do RJ, pelo menos na capital, não mandou SEQUER UM ônibus (olha que haviam prometido pelo menos 5) para levar militantes até Brasília, por ocasião do registro da candidatura do Ex-Presidente Lula. Isso quer dizer o seguinte: a ala burocratiza, aburguesada e corrompida, que seqüestrou a direção nacional do partido (também conhecida como PT jurídico-judicial) é quinta-coluna. Essa ala traiu o Ex-Presidente Lula e o levou a se entregar aos seus algozes. O plano B é candidato imposto pelos golpistas, de dentro e de fora da máquina partidária.

            Veja você que, apesar desse boicote, mais 50 mil pessoas estiveram lá,naquele ato político e der desobediência civil, em frente ao TSE. Se o PT e seus parlamentares se empenhassem pela causa, seríamos não 50 mil, mas pelo menos 5 vezes mais, quiça 10 vezes mais. Já pensou o impacto que teria se 500 mil pessoas estivessem na capital federal, exigindo o registro da candidatura do EX-Presidente Lula?

            Note que essa patranha que foi a ilegal antecipação do dia 17 para o dia 11 de setembro como “prazo final” para a mudança na chapa, ou seja, esse ultimato para que Lula desistisse de concorrer, foi algo imposto pelos golpistas oficiais e pelos quinta-coluna. Não fosse isso, milhares de pessoas iríamos a Brasília neste dia 17, exigir do TSE a aprovação do registro da candidatura.

            Se os sindicatos e centrais, as lideranças, assim como o PT, estivessem mesmo empenhados, indo aonde o povo está, convocando para se mobilizarem, esteja certo de que multidões ocupariam as ruas, mais de uma vez por semana, quiçá diariamente.

            O PT, com plano B, imposto pelos golpe, pode até vencer a eleição. Mas o governo será fraco, sujeito a ser deposto, caso não continue a aplicar o projeto do golpe. Os exemplos da Grécia, França e do Equador estão aí, para não deixar dúvidas. O que aconteceu com o PS francês? Aqui deve ser ainda pior.

    3. Rui Costa Pimenta que, frequentemente faz brilhantes analises, tb esqueceu do livro Esquerdismo, Doença Infantil do Comunismo. Sugiro a vc dar uma olhada

      1. Costumo ler e ouvir o que escreve diz o Rui pimenta. Não estou pregando o voto nulo. Afirmo, sem hesitação, que uma eleição sem que Lula participe como candidato é uma fraude. Aí você me pergunta: “Então você sugere que eu anule o voto”. Não considero adequado nem recomendo isso, sobretudo por escrito, em comentário publicado na internet. Faço alertas, tentando conscientizar e mobilizar as pessoas. A decisão de votar, ou não , numa eleição “tutelada”, ou melhor, fraudada, é de cada um.

    4. Concordo com tuas críticas. Houve muito vacilo. O setor de “inteligência” (isso existe?) da presidência da república não detectou os fenômenos das redes sociais e suas fake news e mensagens de ódio. Sem falar na hesitação em usar as transmissões em cadeia das TVs para explicar ao povo o que estava se passando.

      Acrescento até que foram os smartphones a tecnologia que permitiu as porraloquices coxinhas (a nossa “primavera árabe”) em 2013 e após. Há muito tempo atrás li que o trem (uma tecnologia então nova) ajudou no séc. XIX a Alemanha a ter o território que possui hoje. Forças multinacionais pelo visto souberam aproveitar bem a nova tecnologia dos anos 2010.

      Os smartphones eram bem caros no começo, e só os coxinhas tinham condições de adquirir um. Os “featurephones” – celulares tradicionais – só foram suplantados em venda no SEGUNDO TRIMESTRE de 2013.

      Mas no momento em que vivemos atualmente, entendo que às vezes na vida temos que dar um passo atrás para seguirmos em frente. Lula já estava condenado antes mesmo da condução coercitiva. Ou era alguma chapa do PT nestas eleiçõs de 2018 ou NADA.

      Lamento muito que Lula não tenha pedido asilo político em alguma embaixada.

      Por outro lado, é bom ficarmos atentos – segundo denúncia do Duplo Expresso – uma das empresas de software das urnas pertence à família do Thomson Flores. O golpe ainda continua.

  4. Na mosca!
    O povo encontra, como a água, o caminho para fluir e ser o que é: Uma força da natureza!
    Haddad é Lula!

  5. Dona Marisa (há de ter pelo menos cogitado em fazer como Dona Neusa), que não sobreviveu aa exposição nojenta que o Jornal Nacional fez, também permanece chave para demonstrar o quão feia se tornou essa caçada.

  6. Em eleições honestas Haddad já está eleito. Seu grande adversário é o Partido do Judiciário que irá persegui-lo fora da lei como representante do que Jânio de Freitas chamou de “ultraminoria provinciana”, que, não por coincidência, tem sua sede em Curitiba.

    #HaddadÉLula

  7. Isso é um fato real e explica as 4 vitorias do PT, ” mesmo tudo junto com o supremo com tudo “…..mesmo com as farsas encenadas na midia, que perdeu credibilidade e audiencia.

  8. Na mesma batida – da burrice e arrogância – pode se dizer o mesmo da manchete d’O Globo e do JB aqui no Rio. Exaltando o número de recursos recusados de Lula e seus advogados e dizendo que, “só depois disto”, o PT “desistiu” (derrotado, segundo eles) e foi obrigado a lançar mão de Haddad na cabeça da chapa. Os idiotas não perceberam que dão destaque a estratégia de Lula de deixar bem claro que foi sacaneado em todos os processos que sofreu e sofre e que – POR ISTO – não restou outra alternativa a não ser indicar Haddad. Coincidência ou não, o timing foi tão bem feito que ontem as pessoas não esperavam mais a indicação do Haddad; elas pediam pelo Haddad (perfeitamente informadas do cronograma jurídico-eleitoral) e Lula – mais uma vez generoso com a população – Haddad nos deu.

  9. Vamos voltar a viver bem…se Deus quiser…
    vai enquadrar a Globo, o judiciario…
    voltar a ser um pais normal.

  10. Rapaz, que texto! muito bom. Ontem estava na frente da PF em Curitiba para o anúncio da candidatura LULA/HADDA. As pessoas não conseguiam segurar a emoção pelo seu Grande Líder, Luís Inácio Lula da Silva. Agora é LULA/HADDAD. 13 na urna.

  11. Gente o Povao se move mesmo em silêncio direto para as urnas!! Não é os comentários desses merdas jornalista da globosta , que vai dericionar os já 35% de votos que lula ja tem para outro, o Ciro , ou qualquer um pode estribuchar no chão que já era ! Haddad ja é o candidato ! Acabou ! Globosta ! Aqui no nordeste a Globosta nao manda ! Não é chiqueiro ! Para essas galinhas poedeiras de desgraças ! O calor vai ser grande! Sabemos do poder dessas empresa ! É capaz de tudo ! Inclusive já se fala no paloffiii 24 horas ! O haddHa já é alvo deles muito antes ! Agora virou queima roupa o tiro! Nós vamos votar em qualquer deniminacde que esses bosta disser com o Haddad vamos votar 13 ! Dane-se os esfaqueados da globosta, Ciro, Alckmim, Bostanaro o esfaqueado de Hollywood! Lula é Haddad, e o Haddad é Lula! É 13, 13, 13 o nordeste fechou acabou idiotas da globosta!

  12. Quem tem fome não é vocês da ricos da globosta ! É a massa, povão! Que quer votar no PT! O resto é essa agonia de vocês ! Esse Stress ! De falar poste! Presidente carcerario! É tanta merda na cabeça de vocês bosta de jornalistas! Que o povão no silêncio se encaminha para as urnas ! Vocês podem votar no esfaqueado! Não precisamos desses votos sao os de sempre !

  13. A máfia do poder judici$$$iário da imunda casa grande colonizada não permitirá que o presidente Lula sequer possa votar!
    Ditadura vagabunda de togas midiáticas sob o controle do genocida Tio Sam!
    Dileto(o) leitor(a), pasme, já o bandido DEMoTucano Eduardo Azeredo deixou a prisão nas vizinhanças de onde mora rumo a uma cirurgia na próstata!
    Já podemos advinhar o tempo de convalescença na mansão onde reside!

  14. O Paulo Henrique Amorim, aquele famoso jornalista da Globogolpista que saiu dela para entrar na Record, saiu do mato e entrou na capoeira, continua fazendo campanha contra Lula e Haddad e em prol do Ciro. Vai quebrar a cara!

    1. O foco dele é destruir a grobu e só.
      E como o Ciro usou um tom um pouco mais severo, ela vestiu a camisa dele.
      A resposta vai acontecer nas urnas.

    1. E aqui, Bolzonazi, apenas um canalha fascista tentando mostrar, superficialmente, aquilo que constitui a essência de sua índole tosca, raivosa, invejosa, egoísta, preconceituosa, ignorante, suja, safada.

  15. Tenho notado que sempre que cito aqueles que oprimem o povo palestino meus comentários são censurados ou demoram horas para serem liberados. Estamos todos sendo monitorados. Acho que seremos todos massacrados.

  16. Só uma pequena correção: o domínio espanhol era sobre a California (nerd é chato…); no restante, texto irretocável. Parabéns Fernando. Lula é Haddad.

  17. O Haddad já está com mais de 30% com certeza, eles é que estão escondendo da população, como fizeram com Brizola em 1982. Cade a pesquisa do vox? Ali veremos a realidade.

  18. Agora, o generalzinho fascista vice de Bolsonaro pede para participar de debates com os presidenciáveis, dada a impossibilidade do titular da chapa. Essa é boa! Quando o Haddad era vice do Lula, foi vetado de participar dos debates entre os candidatos. Vamos ver, agora, qual será a posição do TSE — se, mais uma vez, vai mostrar que a “lei” é uma quando se trata de petistas (e, acima de tudo, quando se trata do Lula) e é outra quando os implicados são outros. O tratamento será “diferenciado” para o general defensor da tortura e do assassinato?

  19. PITACO DO BORÔ: ACHO QUE DEVE SER UMA QUESTÃO DE HONRA O PARTIDO DOS TRABALHADORES LEVAR O JUDICIÁRIO E A NOSSA MÍDIA PODRE AOS TRIBUNAIS INTERNACIONAIS. E SE POSSIVEL, ARRANCAR~LHES ATÉ OS ÚLTIMOS TOSTÕES POR CAUSA DOS MALES QUE CAUSARAM A PESSOAS INDIVIDUALMENTE E Á NOSSA DEMOCRACIA.

  20. “Só 2 nomes”, o bem e o mal, e seus respectivos arquétipos, em outras palavras, a linguagem das massas. Genial.

  21. Viva LULA

    Poesia contra a distopia (Distopia = Ideia ou descrição de um país ou de uma sociedade imaginários (!??!!!????) em que tudo está organizado de uma forma opressiva, assustadora ou totalitária, por oposição à utopia. “Distopia”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/distopia [consultado em 13-10-2016].)

    Poema(s) acróstico(s) para o maior e melhor brasileiro de todos os tempos : Luiz Inácio LULA da Silva :

    L ouvemos quem bem merece o mais pleno louvor:
    U m homem simples, como as coisas boas da vida,
    Í ntimo camarada, nosso irmão e amigo de valor,
    Z elando sempre pelo bem da humanidade querida.

    I nimigo dos maus, amigo dos bons, trabalhador
    N ascido do povo que muito o ama e admira,
    Á rvore de bons frutos, os de melhor sabor,
    C onsciência plena de tudo que no mundo gira,
    I magem perfeita do homem de si senhor,
    O humano defensor de humana lira.

    L uz de nossa gente, lutador incansável,
    U m verdadeiro herói do povo brasileiro,
    L úcido e consciente do mais admirável
    A mor pelo ser humano e verdadeiro.

    D igno e sincero, fraterno e muito humano,
    A migo do povo, honesto e sempre lhano.

    S eja o meu/nosso canto para te louvar,
    I sso que a voz do povo já disse várias vezes:
    L ula, o BraSil vive mais feliz só por te amar,
    V itória da melhor sorte no número treze,
    A fazer do brasileiro a humanidade a se ampliar.
    ::
    Autor: Cláudio Carvalho Fernandes ( PoeTa anarcoexistencialista )
    .:.
    L uz do povo brasileiro,
    U m digno e fiel lutador,
    L astreando com real valor
    A honra do BraSil inteiro.
    .:.
    L ula livrou 36 milhões da pobreza,
    U m feito memorável, sem precedentes,
    L utando contra a mídia venal, teve e tem a certeza
    A bsoluta de estar ao lado dos brasileiros conscientes.
    .:.
    L ivrando da miséria extrema 36 milhões de brasileiros,
    U m feito sem igual, que, por si só, já bastaria,
    L ula segue sendo no mundo um dos primeiros
    A fazer de seu povo a eterna rima rica de sua poesia.

    .:. ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? * * * * * * * * * * * * * ? ? ? ? * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) ! ! ! ! Lul(inh)a Paz e Amor (mas sem contemporizações indevidas, ou seja : SEM VASELINA) 2018 neles/as (que já PERDERAM, tomaram DE QUATRO nas 4 mais recentes eleições presidenciais no BraSil) ! ! ! ! !
    * * * * ? ? ? ? * * * * * * * * * * * * * ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????? ::
    Haddad/Manuela 2018 neles/nelas ! ! ! ! ! Tem que ser 13 de ponta a ponta, de deputado estadual a presidente da República, com Lula/Haddad/Manuela, o trio parada dura bom de luta rumo ao penta 2018 !!!!!.:. :.: ???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????? ::

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.