Paz de Bolsonaro dura horas e ele volta a instigar o caos

No post anterior, já no titulo se indagava “Quanto tempo dura” sobre o breve regresso de Jair Bolsonaro à esfera da responsabilidade e da necessidade proceder como um dirigente do País.

Durou, é claro, apenas algumas horas, e já se reinicia a pregação do conflito, da animosidade e a incitação a que pessoas vão trabalhar para não morrerem de fome.

Em lugar de estar determinando providências para evitar a escassez de alimentos, posta um vídeo de um apoiador na Ceasa de Belo Horizonte para sugerir que há falta de comida e que os responsáveis seriam os responsáveis por isso.

É evidente que está incitando a um clima onde aconteçam saques, seja pelo pânico de um colapso alimentar que não existe, seja porque a falta de dinheiro entre os mais pobres – a quem se protela inexplicavelmente a ajuda – levará ao desespero quem não tem como alimentar os filhos.

Não há razão para voltar atrás na afirmação de que Jair Bolsonaro é um criminoso.

E que segue apostando caos para obter mais poder, diante de um país que não o considera mais do que um mentiroso vil.

 

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

21 respostas

  1. O mais engraçado são os comentários de alguns analistas da esquerda que, diante de qualquer firula do capitão, começam a construir teorias mirabolantes. Ontem disseram que ele foi pressionado pelos militares, que as coisas estão mudando, que ele está sendo enquadrado. Teve até gente que achou que a nota do Villas-boas fosse uma pressão sobre ele.

    1. Veja a história do “choro”: o cara tá com os olhos empapuçados de doença, aí dizem que ele caiu no choro e isso explica os olhos inchados. Bozo, chorando? Fala sério! O máximo que vai sair dali são lágrimas de crocodilo.

    2. Eu sempre falei a respeito disto. Alguns jornalistas de esquerda pegam notinhas dos jornalistas de direita, e constroem uma narrativa totalmente falsa e sem base sobre os fatos. Do tipo “não vai ter golpe”.

  2. O vídeo já foi desmentido por reportagem (ao vivo) de dentro da Ceasa de BH mostrando situação absolutamente normal.

  3. O sonho dos “miliganhas et caverna”,desde o mensalão é realmente uma reação popular aos desmandos, para justificarem assim uma reação mais radical, com um golpe dentro dos golpes, mas como o populacho não reage tornam-se cada vez mais descarados.

    1. Seria muito interessante eles tentarem dar o golpe, e ver as hostes bolsonaricas serem devastada pelo vírus. Vitória de Pirro, tomará que não se arrisquem a conhecer isso na prática.

      1. Eu tenho certeza que no inferno há espaço para todos. Algo tem que dar positivo nesse governo.

  4. Primeiro de abril e o Cachorro Louco Pinóquio posta a primeira mentira do dia. E vem aí o pronunciamento prometido para a noite de primeiro de abril, certamente com mais mentiras e fake news. Esse animal irracional só vive de mentiras, manipulações e conflitos.

  5. O Brasil nas mãos de um psicopata cujas reações intempestivas revelam uma mente doente com surtos depressivos e de euforia típicas de um Hitler. Os que tiveram com Hitler nos seus derradeiros dias no bunker revelam que ele alternava surtos psicóticos de depressão e euforia. Uma hora o Fuhrer acordava eufórico com a idéia de que as forças alemães ainda poderiam reverter a derrota para os soviéticos, outra hora caía na real e se mostrava depressivo até o ato final do suicídio.

    1. “…de um colapso alimentar que não existe…”.
      Mesmo sem ver o vídeo já sabia que não há crise de desabastecimento.

  6. Àqueles que puseram este louco na presidência e ainda não exigiram seu afastamento: suas loucuras é ainda maior do a dele. Um país necessitando um líder e tendo um anarquista no poder.
    Irresponsabilidade absoluta. Golpistas destruidores de país. E ainda se vangloriam de outro golpe terrível.
    Que desgraça!

  7. BRASIL, AERONAVE EM PARAFUSO?

    Poucos anos passados, o Brasil lembrava aquela alegoria da literatura da transição Medieval/Renascentista, que significativamente ocorreu após a peste bubônica ceifar metade das vidas na Europa: A NAU DOS INSENSATOS.
    Aquela Nau onde os passageiros e tripulantes, perturbados, lamentavam terríveis desgraças: Não sabiam por que estavam ali; Não sabiam para onde queriam ir e nem se importavam; Não sabiam como chegariam ao porto, nem quando.
    Era o “Navio do Mundo”; a “Stultifera Navis”; a “Barca dos Loucos”. Gravuras de Durer mostram os disparates humanos: “Um barqueiro cuida da vela enquanto o barco se desagrega”. Em “A Nave dos Loucos” de Bosch, a nave é um microcosmo da sociedade, à deriva, com refeição de morangos, a fruta da voluptuosidade. Um passageiro na PROA VOMITA, como se estivesse desagregando-se; no topo do mastro espreita uma caveira. Sem velas e sem leme, abandonado pelo PILOTO TAMBÉM LOUCO. “Nossas viagens não têm fim/ Que ninguém sabe onde aportar”.
    No cordel “Auto da Barca do Inferno” Gil Vicente satiriza: A Morte, o destino comum submete a todos, dominados e dominadores. Gil diz que a verdade está entre os Pobres, os Simples. Os outros são “Almas Embaraçadas”, obrigados a tomar o batel sob o comando do “ARRAIS DO INFERNO”.

    Leiam o Doutor Sanitarista Stotz, da FIOCRUZ. Vejam “E la Nave va” de Fellini: “Amigos vamos zarpar… Um Eco Divino nos protegerá… Desafiando o Destino… Sigamos sobre as vagas da alegria e do pesar/A rota mais Romântica/ Do Navio que vai…” A Epopéia do Gloria N., navio de alegria, sem pessimismo na agonia, em sua última Missão Funerária. Seu desfecho estranho, risível, artificial, alienado.

    A história não acabou, mas uma época histórica chegou ao fim…” por onde passa a contradição principal do sistema… Nós não estamos sabendo por onde ela passa “(Chauí). “Vivemos sob o signo de um presente contínuo que invade o passado e ’canibaliza’ o futuro”. A ideia de que nada pode ser diferente… o possível é o real… o status quo. Não apenas conservadorismo mas um renovado tipo de autoritarismo que supõe obediência à Autoridade… o triunfo eterno das instituições capitalistas” (Foster).
    ———-
    Não; Não é mais a alegoria adequada. O Brasil assemelha-se hoje, SOB O FORMIDÁVEL VENTO DE TRAVÉS DO COVID 19, a uma AERONAVE EM PARAFUSO, ou prestes, em um PARAFUSO INCIPIENTE, como dizem os AVIADORES EXPERIMENTADOS. (Ou seriam 27 AERONAVES MENORES EM ESQUADRILHA OU COMBOIO MAL COMANDADO? Uma aeronave da Esquadrilha NÃO PRECISA, NÃO PODE, NÃO DEVE, entrar em parafuso, se a aeronave do COMANDANTE ENTRAR EM QUEDA LIVRE POR SUA INCOMPETÊNCIA).
    Perguntam, mas todas as Nações do Mundo não estão assim? Responde-se que NÃO. Nações mais ricas que nós, mais equilibradas, com MELHORES PILOTOS OU CONSELHOS DE PILOTAGEM, tirarão de letra.
    ———
    Nos primeiros dias da aviação, os parafusos eram incompreensíveis. É como ocorre nos fenômenos socioeconômicos ainda hoje. Eram FREQUENTEMENTE FATAIS. Os procedimentos adequados de recuperação eram desconhecidos, E O INSTINTO DO PILOTO DE PRESSIONAR/PUXAR OS COMANDOS SERVIA APENAS PARA TORNAR O QUADRO PIOR.
    Assim, ganhou uma reputação de perigo impredizível, QUE PODIA DESTRUIR AS VIDAS DO PILOTO E PASSAGEIROS A QUALQUER HORA E SEM DEFESA. Aviadores precursores como Parker, Hawker e Artseulov descobriram como enfrentar o perigo, bem como o físico inglês Lindemann, e assim conduziram a experimentos que levaram ao primeiro entendimento do parafuso, (em inglês ‘spin’, em francês ‘vrillle’, em espanhol ‘barrena’, significando espira, ou broca em espiral, descendente até espatifar-se no solo).

    Algumas aeronaves não conseguem recuperar-se de um PARAFUSO usando suas próprias superfícies de comando, ou aerofólios, e não devem ser conduzidas para entrar em parafuso sob nenhuma circunstância. Parece ser o caso da socioeconomia, quase sempre, principalmente em Nações em desequilíbrio, como o Brasil, lançadas bruscamente a uma perda de sustentação provocada por MANOBRAS INADEQUADAS e sujeição a um golpe de vento inesperado como o COVID-19.
    ———-
    Mas como uma aeronave moderna, nos dias de hoje, entra em Parafuso? Há uma processo que se inicia com uma CURVA NÃO COORDENADA, ainda mais agravado por um vento forte de través (no caso lembrando o COVID-19). O PILOTO INEXPERIENTE E TOSCO é tentado a aplicar mais curva no leme, e faz com que a atitude do avião abaixe o nariz, e o avião ‘derrapa’ no seu curso, ou seja sofre uma rotação em seu eixo vertical. Contribui também cortar o motor. A asa interna à curva entra em estol (stall) que é a perda de sustentação provocada pelo turbilhonamento do ar em velocidade muito alta sobre a face superior do bordo de fuga da asa. Há uma queda da asa, ou a ‘rolagem’ em torno do eixo longitudinal, seguida de acentuação brusca da curva devido à diferença de resistência do ar à frente de cada asa, ou seja a diferença da ‘força de arrasto’. Reagindo a essa mudança não pretendida, o PILOTO INÁBIL aplica leme de direção na curva para o lado contrário e o leme de profundidade para tentar elevar o nariz do avião, além de usar o aileron da asa oposta para tentar controlar a ‘rolagem’ em torno do eixo longitudinal. Essa reação intuitiva agrava o quadro, aumentando a perda de sustentação de um dos lados. A aeronave sai da trajetória reta e começa um incipiente parafuso. Chama-se a isso ‘Estol de Comando Cruzado’, ou ‘Cross Control Stall’, muito perigoso se ocorre a baixa altitude, onde o piloto tem pouco tempo para reagir. Então entra o ‘Giro Pós Estol’ em que a aeronave começa a rotacionar em torno dos seus três eixos, vertical, longitudinal e transversal/horizontal. A atitude do nariz pode cair ou em alguns casos elevar, e a aeronave inicia a guinar sem controle. Os controles normais não mais obedecem, sendo necessária manobra especial de GRANDE HABILIDADE DO PILOTO.

    Um Parafuso é FREQUENTEMENTE ATERRORIZANTE PARA UM INICIANTE. Os ocupantes sentem a gravidade reduzida e logo após a gravidade normal. A rápida rotação combinada com o nariz do avião para baixo resulta no efeito visual chamado ‘Chão em Movimento’, o ‘Ground Flow’, que é DESORIENTADOR. O campo visual é fortemente dominado pela percepção da rolagem lateral e curva horizontal, o que pode levar a MOMENTOS ESTRESSANTES E DESORIENTANTES.

    Isso foi o que demonstrou o INÁBIL PILOTO, O CAPITÃO, NA AERONAVE BRASIL, ao passar a exibir na televisão palavras entrecortadas, olhar SIDERADO perdido no infinito, olheiras fundas de mal dormir de angústia e agonia, balanceio estranho de corpo e giro estranho de cabeça, após receber o GOLPE DE VENTO ATRAVESSADO DO COVID-19. Então depois de dias do susto, passou a comportar-se como um MANDÃO, UM NAPOLEÃO DE ALDEIA, exigindo obediência cega a ORDENS ERRADAS E DESTRUTIVAS. Maior desastre foi evitado pelos PILOTOS DA ESQUADRILHA DOS 27 ESTADOS DA FEDERAÇÃO, e pelo seu PRÓPRIO CONSELHO DE PILOTAGEM.
    ———-
    Ó PROFUNDA INABILIDADE PARA SAIR DO PARAFUSO! Será impossível a AERONAVE BRASIL sair do Parafuso? Será que se espatifará no SOLO DURO DA REALIDADE? Mas como, se o avião não obedece aos comandos normais?

    Para recuperar do Parafuso para cima, existem procedimentos gerais padronizados: colocar o motor em marcha lenta, neutralizar os ailerons das asas, então aplicar o leme total contra a guinada existente, sustentando-o. O leme de profundidade é movido gradualmente para reduzir o ângulo de ataque das asas abaixo do ponto crítico de estol, em ação às vezes mínima, até a rotação de rolagem cessar. O leme então é neutralizado e o aeroplano retorna ao voo nivelado. MAS É NECESSÁRIA ALTA HABILIDADE DO PILOTO, OU DA EQUIPE DE PILOTAGEM, EM MOVIMENTOS ALTAMENTE COORDENADOS, o que é impossível com o atual PILOTO CAPITÃO, e suas RÊMORAS FAMILIARES, desorientando um TUBARÃO MÍOPE, como temos visto. Alimentam a FALÁCIA, o FAKE de sempre, a violência, a XENOFOBIA, e até a guerra contra irmãos venezuelanos, em lugar de compreenderem adequadamente as realidades complexas. Isso o capitão tem demonstrado no presente, e em vários antecedentes, sempre destruindo os elementos de apoio, impedindo COORDENAÇÃO EFETIVA.

    As características de uma aeronave a respeito da perda de sustentação do Parafuso ou Spin, são influenciadas significativamente pela posição do CENTRO DE GRAVIDADE, o que no caso da socioeconomia do Brasil não é favorável, e sim totalmente desequilibrado. Quanto mais para a frente menos facilmente a aeronave entra em parafuso, e mais facilmente recupera.

    Se o CENTRO DE GRAVIDADE do aeroplano estiver atrás do limite recomendado, qualquer parafuso pode se tornar IRRECUPERÁVEL, a não ser usando dispositivos do tipo de paraquedas de cauda, ou lançamento de lastro adequado na cauda.

    Até mesmo para pilotos da mais alta habilidade em aviões modernos, como foi o caso de Chuck Yeager, o Parafuso às vezes é perigoso. Em 1963 ele teve que se ejetar do F104 para vê-lo espatifar-se no solo.

    Mas a EJEÇÃO DO PILOTO pode mudar o CENTRO DE GRAVIDADE bastante e o agora vazio avião recuperar-se por si próprio e aterrissar sozinho, como ocorreu na famoso caso do CORNFIELD BOMBER.
    ———-
    Já abordei em artigos anteriores os grandes riscos que sofrem as Sociedades Humanas quando SE DEIXAM CONDUZIR por líderes com Transtornos de Personalidade, múltiplos, principalmente o de Personalidade Esquizotípica, ou Sociopática. Analisamos os caso de Hitler, e os atuais de Trump e do Capitão. Assim, transcrevemos partes do artigo de 14/05/19:
    ”O NAZISMO GUERREAVA NA EUROPA E ÁFRICA, ESCRAVIZANDO E ELIMINANDO JUDEUS E DESTRUINDO A RÚSSIA no caminho para Moscou”
    “Em junho de 1942, um dos médicos de Hitler apresentou a Jung na vizinha e neutra Suíça, que “um núcleo de oficiais alemães de alta patente estava preocupadíssimo com o COMPORTAMENTO CADA VEZ MAIS IMPREVISÍVEL DE HITLER, SOBRETUDO POR QUE ELE COMEÇARA A BEBER MUITO”. [A citação e as que seguem, são do livro “Jung, uma Biografia”, de Deirdre Bair, volume 2, páginas 164 e seguintes].

    “HÁ MENOS DE DOIS ANOS ATRÁS SE CRIOU NO OCIDENTE UM SEGUNDO PRECEDENTE: Em 2017 nos Estados Unidos, UM GRUPO DE PSIQUIATRAS ELABOROU UMA SÉRIE DE ENSAIOS ANALISANDO A SAÚDE MENTAL DE TRUMP, editados no livro “O PERIGOSO CASO DE DONALD TRUMP”, pela professora de psiquiatria da Universidade de Yale, DRA. BRADY LEE. (Artigo de 05/01/2018 “Congressistas consultam psiquiatra sobre saúde mental de Trump”, em Mundo G1).
    “57 DEPUTADOS (30% DO TOTAL), a maioria Democratas, e um senador Republicano, após alguns dizerem que estavam PREOCUPADOS COM O RISCO QUE REPRESENTAVA O PRESIDENTE PARA O PAÍS E PARA O MUNDO, COM SUA INSTABILIDADE MENTAL, redigiram um projeto de lei para uma comissão parlamentar especial sobre a “incapacidade presidencial” para determinar se “O PRESIDENTE ESTAVA PSICOLOGICAMENTE OU FISICAMENTE CAPACITADO PARA CUMPRIR SUAS FUNÇÕES”, INCLUSIVE COM O POTENCIAL DE DECLARAR GUERRA E COMANDAR AS FORÇAS ARMADAS AMERICANAS.
    “Na Constituição Americana, além da possibilidade do impeachment do presidente, há a 25ª emenda que PERMITE AO VICE-PRESIDENTE COM A METADE DO GABINETE DECLARAR QUE O PRESIDENTE “É INCAPAZ DE EXERCER O PODER E CUMPRIR COM OS DEVERES DO CARGO,

    “Em uma reportagem, disse o psicólogo John Gartner, professor da John Hopkins, “…Trump não tem apenas um, mas três transtornos mentais descritos no DSM – Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais da Associação Americana de Psiquiatria”. Ele conclamou outros especialistas de saúde mental em 2017 a pedir o afastamento do Presidente. “… A combinação de transtornos torna a sua personalidade mais sombria.“ Gartner disse que a postura antiética é a dos profissionais que estão calados. “Trump é um perigo iminente para qualquer um no planeta… Minha obrigação de avisar sobre o risco sobrepõe…”.
    “Em um seu artigo, o psiquiatra Spitznas, em junho de 2017, falou de Trump como tendo uma paranoia delirante e transtorno de personalidade antissocial (ASPD) (sociopata), com impulsividade, megalomania, mitomania, irritabilidade e agressividade, falta de remorso, tudo segundo o “padrão ouro“ americano que é o DSM – 5. Pessoas assim “exibem cronicamente seus comportamentos negativos, e seus sintomas PREJUDICAM SIGNIFICATIVAMENTE SUA CAPACIDADE DE FUNCIONAR… Não se pode confiar em um indivíduo paranoide que não consegue discernir perigos reais daqueles que apenas imaginam. UM SOCIOPATA, POR DEFINIÇÃO SEMPRE ATUA EM SEU PRÓPRIO INTERESSE, ARRISCANDO A SEGURANÇA E O BEM ESTAR DE TODOS…”

    “Mas tempos desesperados exigem medidas desesperadas [denúncias]…aderi ao movimento Dever de Advertência…”
    “Em outra reportagem, a Dra. Brady Lee lembra que “… muitos dos sintomas apresentados por Trump são muito comuns… MAS É INCOMUM ENCONTRAR UMA PESSOA COM SINAIS DE PERIGO NA PRESIDÊNCIA.”.

    “No Brasil de hoje enfrentamos caso mais grave.

    “No Brasil os militares há muitos anos atrás liberaram o DRAGÃO. Nos nossos dias o apoiaram pensando controlá-lo e aproveitá-lo para seu próprio poder. Agora, NA CASA DO SEM JEITO, ESTÃO VENDO SEM NADA FAZER, o resultado fugir a qualquer controle. DOENÇA requer medidas de emergência, face à possível INTROMISSÃO EM DESASTROSA GUERRA, QUE DE QUALQUER FORMA DEIXARÁ SEQUELAS DE ÓDIOS CÁ NO SUL POR MAIS DE 50 ANOS PELO MENOS.”

    “TRANSTORNO DE PERSONALIDADE ESQUIZOTÍPICO é caracterizado por severa ansiedade social, DESORDEM DO PENSAMENTO, IDEIAS PARANOIDES, NÃO ENTENDIMENTO CORRETO DA REALIDADE, PSICOSES PASSAGEIRAS E FREQUENTES CRENÇAS NÃO CONVENCIONAIS. Pessoas assim sofrem de extremo desconforto em manter relações próximas com outras, principalmente porque elas pensam que seus parceiros guardam pensamentos negativos em relação a elas, e assim elas evitam formar relações próximas. Maneirismos peculiares na fala e estranhos modos de vestir são também sintomas dessa desordem mental. Podem reagir estranhamente em conversas, não responder ou falar para si próprias. Frequentemente interpretam situações como sendo estranhas ou tendo significado incomum para elas; crenças supersticiosas e paranormais são comuns. Tais pessoas frequentemente procuram atenção médica para ansiedade ou depressão ao invés de para suas desordens de personalidade.
    “O TRANSTORNO DE PERSONALIDADE ESQUIZOTÍPICA OCORRE EM APROXIMADAMENTE 3% DA POPULAÇÃO E É MAIS COMUM EM HOMENS (4,7% DOS HOMENS E 3,7% DAS MULHERES NOS EUA). … É amplamente entendida como sendo do “ESPECTRO DA ESQUIZOFRENIA”. É caracterizada por uma comum DEGRADAÇÃO DA ATENÇÃO EM GRAUS VARIADOS. Ocorre concomitantemente com maiores transtornos depressivos, distimia (permanente humor depressivo) e FOBIA SOCIAL e pode ocorrer com transtorno obsessivo compulsivo, APRESENTANDO POUCAS CHANCES DE CURA. Mais frequentemente ocorrentes com o transtorno esquizotípico são os transtornos esquizoide, paranoide, evitante e border line. ALGUNS DESENVOLVEM ESQUIZOFRENIA, mas muitos não o fazem. DÉFICITS DE COGNIÇÃO SÃO SIMILARES AOS DE ESQUIZOFRENIA, MAS QUANTITATIVAMENTE MAIS SUAVES, …
    “A American Psychiatric Association, Associação Psiquiátrica Americana, descreve em sua caracterização DSM-5, que a Desordem de Personalidade Esquizotípica é definida como um “pervasivo” (penetrante, dominante) padrão de déficits social e interpessoal marcado por agudo desconforto com, e reduzida capacidade para, relacionamentos próximos, bem como por DISTORÇÕES E EXCENTRICIDADES DO COMPORTAMENTO COGNITIVO E PERCEPTUAL, INICIANDO NA PRIMEIRA FASE DA IDADE ADULTA e presente em uma variedade de contextos.
    “Pelo menos CINCO SINTOMAS DEVEM ESTAR PRESENTES ENTRE OS SEGUINTES: (a) Ideias de referencia (delírios interpretativos de coincidências ou fatos corriqueiros); (b) Crenças estranhas ou pensamento mágico; (c) Experiências perceptuais anormais; (d) Modo de pensar e de falar estranhos; (e) Paranoia; (f) Afetos inapropriados ou constritos; (g) Comportamento ou aparência estranhos; (h) Falta de amigos próximos; (i) Excessiva ansiedade social que não diminui e resiste, de paranoia mais do que de julgamentos negativos sobre si próprio.
    “Já a Organização Mundial da Saúde World Health Organization, através da classificação ICD -10, que usa o termo “Desordem Esquizotípica”, classifica-a como DESORDEM CLÍNICA ASSOCIADA COM A ESQUIZOFRENIA, mais do que uma desordem de personalidade como no DSM-5. Define o ICD-10: Uma desordem caracterizada por comportamento excêntrico e anomalias do pensamento e do sentimento (afeto) QUE PARECEM COM AQUELAS VISTAS NA ESQUIZOFRENIA, …
    “Não há distúrbios dominantes ou típicos, mas alguns dos seguintes podem estar presentes: (a) Sentimento (afetos) não apropriados ou restringidos (o individuo parece frio ou distante, indiferente); (b) Comportamento ou aparência que é estranho, excêntrico ou peculiar; (c) Pobre relacionamento com outros e uma tendência a recuar ou retrair socialmente; (d) Crenças estranhas ou pensamento mágico, influenciando o comportamento e incongruentes com normas subculturais, ou inconsistentes; (e) Ideias cheias de suspeição ou paranoides; (f) Ruminações obsessivas sem resistência interior; (g) Experiências perceptuais incomuns incluindo ilusões somato-sensórias (corporais) ou outras, de-personalização (destacamento de si próprio, ficando o mundo fora da realidade, em experiência conturbadora) ou de-realização (alteração na percepção, mundo fica parecendo irreal, sem colorido emocional, sintoma dissociativo); (h) Modos de pensar vagos, circunstanciais, metafóricos, super-elaborados ou estereotipados, manifestados por falas estranhas ou em outras formas sem incoerência crassa; (i) EPISÓDIOS QUASE PSICÓTICOS OCASIONAIS E PASSAGEIROS com intensas ilusões, alucinações auditivas ou outras e ideias semelhantes a delírio (delusion-like), usualmente ocorrendo com provocação externa
    “A desordem percorre um curso crônico com flutuações de intensidade. OCASIONALMENTE ELA EVOLUI EM ESQUIZOFRENIA ABERTA. Não há início ou ataque definido e sua evolução e curso são aqueles de uma desordem de personalidade. É mais comum em indivíduos aparentados a pessoas com esquizofrenia e é acreditado como sendo parte do ‘ESPECTRO’ GENÉTICO DA ESQUIZOFRENIA. 3 ou 4 dos sintomas acima citados devem apresentar-se continuadamente ou episodicamente”
    ———-
    Transcrevo também excertos do artigo “EM INFINDÁVEL TORRENTE DE DETRITOS E DEJETOS”, de 07/04/19:
    “EM INFINDÁVEL TORRENTE DE DETRITOS E DEJETOS, gemendo e rangendo os dentes, o Brasil político, jurídico, nacional e até ambiental, veio abaixo em poucos anos, em sofrimento de autodestruição e lágrimas não derramadas.
    “Seus valores espirituais, sócio-políticos, jurídico-morais transformaram-se em um monte de cacos. NÃO HÁ LÍNGUA NEM BOCAS PARA EXPLICAR O QUE ACONTECEU.
    “COM ESPERTEZA DEMAIS QUE VIROU BICHO E COMEU O DONO, mas sem Sabedoria, forças destrutivas incontroladas e incontroláveis, competindo entre elas próprias, demoliram tudo em pedacinhos como uma gigantesca fachada em vidro blindex. A DIREITA VOCALIZOU AS PIORES ENERGIAS DO INCONSCIENTE RETUMBANTE até com argumentos contra o Povo e em defesa dos seus privilégios e enriquecimento.
    “COM FALSIDADE, SERVE AO IMPÉRIO ULTRAPASSADO QUE QUER AINDA SER HEGEMÔNICO NO MUNDO, e à doentia época política atual, mesmo sabendo que pisa e cospe no Povo e no Futuro dele. ESQUIZOFRENIA COLETIVA, que se define pela antissociabilidade e pela fuga da realidade. COM SUA PSIQUE ESQUIZÓIDE,

    “Não compreendemos o que está acontecendo no mundo desafiador, e as sombras espessas do inconsciente coletivo com sua energia imensa e não conhecida, cortaram e sangraram a nossa Cultura e a nossa Alma. Tudo ficou incerto, mutante, e o que é imprescindível ficou para o Futuro talvez distante.
    “BOZO COM SEUS FILHOS, MILICIANOS E TORTURAS E TORTOS JUDICIÁRIOS, não são uma idéia e sim um Arquétipo Primitivo e destruidor, que foi impingido ao Povo, e a multidão se moveu para o lado do Precipício, como em um Estouro da Boiada. Não houve como resistir a ela.
    “NO INCONSCIENTE COLETIVO, JÁ DISSE UMA VEZ JUNG sobre o crescimento do Nazismo e Fascismo na Europa há quase cem anos, a História se prepara, e quando os Arquétipos são ativados em grande número de indivíduos, eles vêm à tona, aquilo negativo ou positivo que o momento induz, e todos são arrebatados.
    “NOVOS ARQUÉTIPOS POSITIVOS TÊM QUE SURGIR EM RESPOSTA, antes que nos lancem numa guerra que já estão treinando.
    “Algo vai acontecer”
    ———-

    Analisemos também um pouco mais, as mais recentes pesquisas de especialistas franceses, vistas na enciclopédia, alertando que o vírus da COVID-19 provoca, além de uma resposta inflamatória excessiva do sistema imunológico inato, Efeitos neurológicos com danos ao sistema nervoso central e à medula espinal, o que pode piorar o quadro em relação ao Piloto Capitão, aumentando os riscos para os governados.
    “Le virus provoquerait en particulier :
    une réponse inflammatoire excessive du système immunitaire inné .

    des effets neurologiques, dont les principaux signes sont les maux de tête, des nausées et vomissements ;
    un nombre croissant de preuves indique que les coronavirus ne colonisent pas que les voies respiratoires,
    mais aussi le système nerveux central en y faisant des dégâts neurologiques. Ainsi, le SARS-CoV a déjà été
    associé à des atteintes cérébrales et notamment du tronc cérébral chez des humains, comme dans le modèle
    animal en laboratoire. Et d’autres coronavirus peuvent se propager par des voies synaptiques vers le centre cardiorespiratoire situé dans le tronc cérébral, à partir de mécanorécepteurs et de chimiorécepteurs présent dans les poumons et reliés au cerveau et à la moelle épinière .”

    ————
    É preciso que ele se ejete do Poder.
    As coisas serão melhor coordenadas, COM A EQUIPE DE PILOTAGEM E COM O COPILOTO, desde que retirado o principal causador de problemas, suas rêmoras, e posteriormente aperfeiçoadas as linhas decisórias. Para isso serve o COPILOTO, e não somente para balançar a cabeça lateralmente como vimos na TV, e depois deixando tudo rolar para ver como vai ficar. Herói é aquele que faz o que é preciso, assumindo toda a responsabilidade.
    Finalmente lembro que na atual perda de sustentação incipiente, um método usado para controlar um parafuso antes que ele se desenvolva totalmente, é a manobra chamada de ‘Folha Seca Caindo’, a ‘Falling Leaf’, com sucessivas medidas em sobe e desce, para depois alcançar o voo nivelado. ´Para isso é que precisamos manobras coordenadas, diversas em cada uma das 27 aeronaves da Esquadrilha.
    Fechando o já longo texto, coloco um poema de Dean Roberts, que fiz uma tradução livre:

    “Um Chamado ao Dever
    Por Dean Roberts
    Trad livre R. Souza
    “Os tambores da morte estão batendo…se não for agora não será nunca”
    À beira de uma catástrofe, a ação agora é essencial para a sobrevivência e crescimento. Há muitas situações nas ecologias, economias e políticas por todo o mundo… A coragem para agir deriva do nosso senso de conexão e amor. Cada um de nós tem a responsabilidade de encontrar caminhos nos quais nós podemos fazer a diferença; isto inclui os cidadãos mais velhos, que se retiraram de suas carreiras e cuja sabedoria e experiência são tão necessárias.
    Você
    Homem velho
    Venha de volta aos
    Fogos dos conselhos
    Sua sabedoria e experiência
    São crucialmente necessárias.
    Levante-se e fale das suas
    Aventuras e vitórias
    Porém fale mais
    A nós das suas derrotas
    Revele como essas
    Temperaram e endureceram seu Espírito
    Como essas lições aprendidas de sofrimento e desespero
    Conduziram a ainda maiores conquistas
    Não há aposentadoria
    Você que tem maturidade e sabedoria é ansiosamente buscado
    Você tem renunciado
    A seu lugar próprio em nossa comunidade
    Os velhos chefes sempre foram os “anciãos”
    Que mantiveram a ordem e serenidade nas assembleias
    Os bravos jovens são bons para cultivar e lutar
    Mas eles agem sob pressão com pouca preocupação pelo
    Resultado
    Você ab-rogou de suas responsabilidades
    Você retirou-se para algum confortável campo de eterno descanso
    Para jogar cartas e fazer pequenos trabalhos manuais
    Há trabalho real lá fora
    Os bravos dilaceram-se com machados uns aos outros
    E você está escondendo toda sua sabedoria e experiência
    Frente a algum estúpido programa de TV
    Seu maior trabalho ainda está à frente
    Levante-se e endireite os ombros
    Relembre seus mais poderosos momentos
    Vá logo ao espelho mais próximo
    E veja o homem que você pode ser
    Nunca antes você teve tamanha experiência
    As possibilidades abertas para você são limitadas apenas pela Sua visão
    O grande Espírito abençoou você com abundância
    Quando muito é dado muito é esperado
    Mostre sua influência sobre sua comunidade
    Liste uma dezena de coisas que você pode fazer
    Seus esforços criarão mais alegria e satisfação
    Quando o melhor resultado desse número for conseguido
    Comece hoje”

    Em 29/03/2020
    Copiem e Compartilhem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.