PIB: até mesmo o “1% ” começa a “perigar”

O IBGE divulgou hoje o resultado do setor de serviços no Brasil, no mês de maio.

A queda de 3,8%, ao contrário do que aconteceu com a indústria, pesa muito nos cálculos do Produto Interno Bruto: representa 73% do total de toda a atividade econômica.

No ano de 2018, e nos últimos 12 meses, o acumulado voltou a índices claramente negativos, ficando  1,3% negativo em relação ao período de janeiro a maio.

Nos subsetores, só o de intermediação financeira (bancos) tem resultado positivo, assim mesmo de apenas 1%.

A perspectiva de desempenho da economia brasileira, que começou o ano com “sonháticos” 3% já baixou, nas contas oficiais do Governo, para algo em torno de 1,5%.

No mundo real, muita gente já duvida que chegue a 1%.

Ou seja, zero, na prática.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

17 respostas

  1. Temer passará para a História, via lata de lixo, pela proeza de conduzir o País além do fundo do poço.

    1. APADRINHADOS

      “Retrocesso nas estatais

      No apagar das luzes para o recesso legislativo, a Câmara aprovou, na quarta-feira, emenda do deputado José Carlos de Araújo (PR-BA), que muda o texto original da Lei de Responsabilidade das Estatais (Lei nº 13.303/2016), para permitir que políticos continuem ocupando cargos de direção em empresas públicas. A iniciativa veio no momento em que se tenta moralizar, com critérios técnicos, a indicação de diretores e presidentes. Para especialistas, foi um retrocesso “gravíssimo”. Iniciativa semelhante foi tomada em relação ao PL nº 6.621/2016, conhecido como Lei Geral das Agências Reguladoras, onde a ingerência política é uma realidade e prejudica as relações de mercado.

      A expectativa, agora, é de que, ao retornar ao Senado, as alterações do documento sejam descartadas. “É uma mudança preocupante. Desvirtua a Lei das Estatais e abre brechas para o loteamento de afilhados políticos, como vem sendo feito há anos. No caso das agências, retira delas a autonomia e deteriora o ambiente de negócios”, destacou Sérgio Lazzarini, professor de estratégia do Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper)…”

  2. Desolador o que uma elite vil, mesquinha execrável ignóbil a maior concentradora de renda e riqueza do planeta sem projeto de nação, mas de exclusão, servil aos interesses do capital oligopolizado internacional pode fazer a um país e a seu povo em pouco mais de um ano e meio, o Grande Mino Carta tem razão essa elite só entrega o poder com sangue nas ruas, jorrando acrescento eu, quando os condomínios de luxo forem invadidos e os chefes de famílias gordas forem enforcados e linchados nas ruas!!!!!

    1. Apoiado. Já invisto em cordas, que serão reutilizadas. Ensebadas pelo uso em pescoços de homens bons (parafraseando Beltrot Brecht – Interrogatório de um Homem de Bem)

  3. E o discurso Liberal coxinha persiste no paredão ideológico da mídia!!!

    Eles preferem quebrar do que admitir que estão errados:

    1- O tal liberalismo é só uma peça de propaganda americana… e só engana os trouxas do Brasil… o resto do mundo já está esperto.
    2- USA é um Estado fortíssimo que intervem fortemente na economia
    3- USA faz um pesado financiamento na tecnologia através do exército… aqui BNDES é comunismo!
    4- As universidades americanas são privadas mas tem mais bolsa do governo que vagas nas universidades públicas brasileiras… mas aqui a universidades públicas são demonizadas.
    5-O maior Bolsa Família do mundo é o americano: Food Stamp… aqui é Bolsa Esmola e compra de votos.
    6-O maior empregador do mundo é o exército americano… Estado mínimo é aqui!
    7-USA é protecionista nos setores que leva desvantagem… enquanto o Brasil arreganha nos setores de tecnologia.
    8-O “sucesso” do liberalismo americano é uma farsa… nem é liberal, nem é sucesso com 18 trilhões de endividamento. Vai pagar via Terceira Guerra Mundial.
    9-Se não fosse o bom e velho Imperialismo para sustentar a máquina americana, com Petróleo do Oriente Médio e agora do Pre-Sal… USA estaria mais quebrado do que já está.

    Brasil, o único país trouxa executando o “pseudo-liberalismo” em plena crise… todo mundo se protegendo… e os trouxas aqui arreganhando a bunda pro mundo!!!

    1. Cara, muito bom comentário.Mas os coxas não entendem, já que são estúpidos, analfabetos e tapados. Adoram servir o patrão rico e corrupto, enquanto recebem as migalhas jogadas no lixo. Quando recebem…

      1. Verdade. No Brasil o neoliberalismo acaba com os empregos e as empresas….enquanto isso, nos EUA o presidente Trump trava uma verdadeira cruzada para trazer de volta os empregos industriais americanos. Desemprego e pobreza é para os outros: “America first”!

    2. Eu sempre digo: liberalismo bom é no país dos outros.E acrescento:estado mínimo é Somalia, os EUA são (ainda) o maior estado do mundo.

  4. No primeiro trimestre deste ano o PIB da China batia 6,18% enquanto o do Brasil em 0,11% … Como agora eles tem os caminhoneiros fascistas pra jogar a culpa, então está tudo certo ..

  5. Lembrando que o que importa no bolso das pessoas é o PIB per capita, portanto se o PIB não aumentar pelo menos o mesmo que a população, para o brasileiro médio o resultado percebido vai ser uma queda.

    E isso antes mesmo de se considerar os efeitos da crescente concentração de renda.

  6. A coisa está ficando tão estranha, que está se aproximando a hora da MG, ou seja, da “maquiagem geral”. Já que a realidade está desesperadamente contra todos do PSDB (tento não usar mais o termo “golpista”, que não diz nada. No fundo, no fundo, a culpa de tudo neste golpe foi e continua sendo do PSDB, até mesmo do envolvimento dos EUA), então, está na hora de decretar a maquiagem de tudo: Maquiagem das pesquisas eleitorais, dos dados econômicos, dos dados sociais e principalmente do noticiário político. Tudo quentinho feito na hora, para tentar fazer com que o povo pense que o aumento exponencial de seus problemas é apenas uma questão de ângulo de visão..

  7. A coisa está ficando tão estranha, que está se aproximando a hora da MG, ou seja, da “maquiagem geral”. Já que a realidade está desesperadamente contra todos do PSDB (tento não usar mais o termo “golpista”, que não diz nada. No fundo, no fundo, a culpa de tudo neste golpe foi e continua sendo do PSDB, até mesmo do envolvimento dos EUA), então, está na hora de decretar a maquiagem de tudo: Maquiagem das pesquisas eleitorais, dos dados econômicos, dos dados sociais e principalmente do noticiário político. Tudo quentinho feito na hora, para tentar fazer com que o povo pense que o aumento exponencial de seus problemas é apenas uma questão de ângulo de visão..

  8. Quem se lembra do Íbis, de Brasília (se não me engano), considerado o pior time se futebol do mundo?
    Conta-se que uma vez, lá pelos anos 1980, o técnico do Íbis, após um jogo, teria sido muito elogiado pelo presidente do clube por haver perdido “só” por 8 a zero!
    É mais ou menos essa, a esta altura, a situação da equipe econômica do usurpador. Se o País estagnar, já será motivo de grande comemoração!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *