Queiroga na CPI: capachos jamais serão líderes

Já é possível, bem antes do fim, definir o personagem feito por Marcelo Queiroga na CPI da Covid.

É o”Rolando Lero”, personagem do saudoso Rogério Cardoso na “Escolinha do Professor Raimundo”.

A frase que mais frequentemente repete é “excelente pergunta, senador”, seguida de respostas nada excelentes.

“Vamos fazer um” (escolha o complemento) “um estudo”, “um protocolo”, “uma diretriz”,”um programa”, é o que se ouve da boca de Sua Excelência.

Nem uma palavra sequer sobre nossa dificuldade em obter vacinas no curto prazo. Nada senão escapatórias sobre medidas de isolamento social.

O centro de sua preocupações, nitidamente, não é a população, é o “divino Mestre”: Jair Bolsonaro.

 

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *