“Valor” diz que Carluxo foi ao Planalto definir estratégia de mídias sociais

Uma pista sobre de onde pode ter saído a adolescência tardia de Jair Bolsonaro ao dizer que era o “Johnny Bravo”.

O jornal Valor Econômico publica hoje que, enquanto o pai fazia um “bate e volta” na Bahia, o vereador Carlos Bolsonaro “esteve ontem pela manhã no Palácio do Planalto” e “despachou no gabinete do presidente” com seus ex-funcionários e agora assessores presidenciais Tercio Arnaud Tomaz e José Matheus Sales Gomes.

Na pauta, as queixas com os ministros considerados “omissos” nas redes sociais – Luiz Eduardo Ramos e Jorge Oliveira – e os que seriam “frouxos”: Ônyx Lorenzoni, que estaria tirando o corpo fora da defesa de Deltan Dallagnol e da Lava Jato e até Sérgio Moro, que fugiria de assumir a defesa plena das posições bolsonarianas mais xucras, quando está sendo protegido por Jair.

Johnny Bravo está mais para a idade de Carluxo que a do pai, quando era mais popular o personagem Maguila, o gorila.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

12 respostas

  1. Aguardo ansiosamente que o PT (Paulo Pimenta) dê andamento ao pedido de impeachment do bozo.
    Quero ver como vão se manifestar os congressistas da direita e do tal do centro (PSDB, PMDB etc).
    E vamos ver como reagem os famosos que fizeram campanha para ele.
    Tudo agora muda de figura. Quem permanecer apoiando ele na presidência estará assinando atestado de fascista e boçal.

  2. E a mídia golpista, o PIG, relata essa aberração com a maior naturalidade.. imaginem o barulho que fariam se um dos filhos do Lula “despachasse” no Palácio do Planalto na ausência do pai.

  3. Não duvido nada que nesse período, o sacripanta acumulou vencimentos de vereador com alguma assessoria especial do Planalto. O cara não é vereador do Rio, está vereador.

  4. O Brasil é governado por uma oligarquia familiar do tipo do que aconteceu tempos atrás no Haiti, governado pelo Papa Doc.

  5. Johnny Bravo era um pitbull covarde e rejeitado pelas mulheres, pois seu cérebro era do tamanho do cérebro de uma galinha. É, temos um Bravo na presidência, agora confessadamente. E assim caminha o gado feliz, rumo ao matadouro.

    1. Acho que Johnny bravo estava mais para bobo alegre.
      Não era violento, nem tinha índole de fascista ou de extrema direita.
      A não ser que esse seu lado estivesse dentro do armário.

      1. Falei pitbull no sentido de “bombado”. Na realidade acho o Bozo mais parecido com a hiena Hardy (oh dia, oh vida), pois reclama de tudo, até das leis.

      2. Falei pitbull no sentido de “bombado”. Na realidade acho o Bozo mais parecido com a hiena Hardy (oh dia, oh vida), pois reclama de tudo, até das leis.

      3. É o “lado” do BOLSOBOSTA que está dentro do ARMARIO.
        Rita Lee tinha TODA a razão.
        FDP !

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.