Você não estimulou? Agora, aguente os dados de desmatamento, Jair…

Mesmo com algum recuo – virou moda dizer que não disse o que disse – Jair Bolsonaro continua teimando com os dados sérios sobre desmatamento do Instituto de Pesquisas Espaciais.

Agora, diz que quer saber antes, para “não ser pego de calças curtas” em negociações internacionais onde o tema é cada vez mais presente.

Em princípio, é claro, não haveria nenhum problema de informar-se ao presidente da República, até porque estes dados podem ter prévias e totalizações parciais a qualquer momento, pois se trata de apurações informatizadas, que podem ser atualizadas em poucas horas e são, normalmente, submetidas a processos de crítica e verificação pelo próprio Inpe.

Mas o que está acontecendo é outra coisa.

É que Bolsonaro está bufando de ter de contar seu ímpeto selvagem nesta questão.

Porque, enquanto pôde, açulou o avanço sobre áreas florestais. Veja-se uma pequena lista:

1- Prometeu acabar com a ““farra das multas ambientais”:

“O que eu quero como chefe do Executivo? Eu quero, na verdade, resumindo, não atrapalhar quem produz”, disse Bolsonaro, ao afirmar que tira o Estado do “cangote” dos produtores rurais. “O agronegócio é um dos setores que está dando certo desde muito tempo e temos que valorizar quem trabalha nessa área”.

2- Patrocinou o fim das reservas legais, através de projeto apresentado por seu filho Flávio no Senado;

3- Defendeu a extinção – por decreto, de forma ilegal – de áreas de proteção ambiental;

4- Acenou com a privatização das Florestas Nacionais, a maioria delas na Amazônia;

5-Defendeu a abertura para a mineração de terras indígenas;

6- Prometeu não demarcar mais um centímetro de áreas indígenas e, portanto, vedadas à exploração desmatadora.

Tem mais, mas paro por aqui, para não cansar o leitor.

Bolsonaro pedir números de devastação de florestas, a rigor, dá a impressão que é para ver se estão cumprindo suas orientações e pondo a mata abaixo.

Só que o capitão parece ter percebido que não pode dar tanta “bandeira”, porque há, por toda a parte, quem chie contra esta devastação, talquei?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

12 respostas

  1. A ordem, agora, é: Não podemos divulgar o desmatamento sem antes manipular os números. A mentira tem que seguir. Não podemos assumir nossas cagadas perante a comunidade mundial. Talquei?

  2. URGENTE para Maranhão:

    Corrijo uma informação colocada em um dos meus comentários no post ‘Bolsonaro não é líder de massas, é um líder de turba’.

    Ou seja, onde eu citei art. 4, I, da lei 1079/50, considere-se art. 4, II, III e V, dessa mesma lei.

  3. Quando a coisa deixa de ser banal o entendimento do bolsonaro é nulo.
    No banal, mesmo idiota, a declaração é a tal “taoquei”, fora disso a cabeça dele não aceita a “complexidade” do fato.
    É o caso.
    Mas a imprensa tipo globo trata do assunto sem qualquer espanto, dá naturalidade ao que não é, e que beira a consideração criminosa.
    Bandidos.

  4. Uai Brito! O pior foi o Bolsonaro e seu ‘Sinistro’ do Meio Ambiente, Ricardo Salles, terem atuado para desestimular e desestruturar a própria fiscalização do desmatamento por parte do Ibama. Não esqueçamos, o fiscal que o autuou há alguns anos atrás por ele ser flagrado pescando em área de reserva ambiental proibida foi punido logo que ele assumiu a Presidência da República…

  5. Na verdade, o que vale mesmo é aquilo que o cidadão vê e não o que estudos e pesquisas sérias apontam. Outro dia, jogou-se fora uma pesquisa de 7 milhões sobre drogas porque o ministro Terra afirmou que seus resultados não condiziam com o que ele via nas ruas

  6. Tenho a convicção de que o estímulo dado pelo Jair Bolsonaro ao desmatamento da região Amazônica é um movimento pensado e visa possibilitar a intervenção internacional na região, com o propósito de ” preservá-la “, contra o desmatamento. Anteriormente, este elemento, que hoje ocupa a presidência da república afirmou que, a Amazônia deveria estar sob controle internacional.

  7. Brito, boa noite!!! Desculpe-me incomodá-lo sobre isso, mas passarinhos que voam muito velozmente nunca pararam, mas ultimamente estão cruzando os céus do sul ao norte, até nos finais de semana, e em horários diversos e às vezes de dois ou três… Muito estranho. Abraços.

  8. O Senado tem 27 senadores representando o nordeste. Sugiro que eles dêem o troco no capitão votando contra a indicação do filhote dele para embaixador. Considerando outros votos vai dar para barra-lo e mostrar para o capitão com quantos paus se faz uma canoa.
    De outro ângulo, tem a reforma da previdência também para complicar as coisas para o capitão. Eu me lembro de ter dito aqui nesse blog que ele ia melar a reforma da previdência. Eu diria que nesse momento a chapa pode estar começando a esquentar…… Sim. Porque os governadores do nordeste podem condicionar o voto deles a saída do capitão do cargo . Se fosse eu não votaria a favor da reforma da previdência de jeito nenhum com ele no cargo. Eu votaria a favor num governo do vice. No dele não.

  9. há relatos que os índios de Roraima estão sendo ameaçados
    e vendo suas terras sendo invadidas
    isso é efeito bolsonaro

    1. pode ler outra coisa – o que bem entender – o que não falta são sites e blogs para serem lidos.
      mas deve ser falta do que fazer ficar aqui só demais arrancou dente mas continua despejando atrocidades proferidas por esse traste que merda pra midia dar manchete
      coitadinhos, o piloto se botira o Brasil rrou de medo?
      de útil
      façam arminha que pass

  10. O Brasil incentiva a radicalização. Por mais que eu já tivesse visões mais extremas de alguns debates, me peguei contente assistindo o confronto contra o ministro da educação que estava com a sua família.

    Em toda circunstância normal, de contrariedade, mas ainda de entendimento de que exista uma civilidade, seria contra o acontecido mas sinceramente quero que se lasque.

    Esse governo rouba a nossa saúde, paz e nos faz enxergar a insensibilidade em seus mínimos detalhes. Um governo que vive de criar espantalhos, que é contra o trabalho científico e pensa que tudo deve estar a seu favor, se não tudo está contra, não merece nenhuma complacência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *