Weintraub sai do MEC? Não comemore, a razão pode ser nada educada

Renata Cafardo, no Estadão, diz que os pedidos de demissão de auxiliares próximos do cidadão Abraham Weintraub, que se senta na cadeira de Ministro de Educação antecipa a sua saída do cargo, do qual está tirando férias informais, ao qual não votaria mais.

Devagar com as comemorações, já de início porque no governo Bolsonaro, é sempre possível que o próximo escolhido seja pior, como aconteceu com o próprio Weintraub ao substituir o patético Ricardo Velez.

Mas também porque as razões podem ser outras.

Cafardo diz que Weintraub “é malvisto” pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes.

Paulo Guedes, casualmente, é irmão de Elisabeth Guedes, presidente da Associação Nacional de Universidades Privadas.

Hoje, no Twitter, Weintraub deu uma pista do que pode estar por trás desta movimentação por sua saída.

Destacou como “o mais importante” o trecho de seu depoimento na Câmara aquele em que, respondendo ao deputado Tiago Mitraud, do Novo, diz:

— Existem interesses de grupo que não são de esquerda na área de Educação. Eu estou falando loucura aqui? Existem grupos, sim, privados, com interesse em ter outro Ministro da Educação. E estes grupos, da área privada, não querem o Abraham Weintraub lá.

Com a nota no Estadão, veio depressa Miriam Leitão fazer coro em O Globo, dizendo que sua saída do MEC “seria um avanço ” e que “Weintraub consegue desagradar a todos, até dentro do governo. No Ministério da Economia acha que ele toma decisões que afetam outras pastas sem ouvir os colegas.”

Faz meses que é uma obviedade que Abraham Weintraub não está nem perto das qualidades necessárias para ser Ministro da Educação, e que sua estupidez e grosserias já o deveriam tirado de lá. Não lhe tenho qualquer simpatia e estou, inclusive, sendo processado por ele, a quem terei o prazer de derrotar na Justiça.

Nenhuma das barbaridades que disse e fez o abalou no cargo. Ao contrário, exatamente por isso, tornou-se ídolo da matilha.

Portanto, procurem-se razões outras, muito outras.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

28 respostas

    1. sendo estúpido arranja uma têta e se for estupido ao extremo, então, vira idolo, o mais querido, o cara certo para o lugar certo…parem o mundo ou me jogo!

    2. Não. A condição principal é aproveitar o cargo público para fazer negócios privados.
      Todos os ministros deste governo de merda são negociantes.
      E ainda tem gente acreditando que a culpa de toda a desgraça é dos governos petistas.
      O brasileiro é um IDIOTA e tem exatamente o governo que merece.

    3. Mas este é tão, mas tão estúpido, que não consegue montar uma estratégia favorável aos interesses das instituições privadas.

  1. Contrariou os interesses, nada republicanos, de Paulo Guedes em seus negócios privados da área educacional…

  2. Lógica do governo miliciano: Se a bomba que colocam num ministério não tem poder suficiente para destruir a pasta que ocupa, aumenta-se o tamanho da bomba.

  3. Lógica do governo miliciano: Se a bomba que colocam num ministério não tem poder suficiente para destruir a pasta que ocupa, aumenta-se o tamanho da bomba.

  4. Não tenho a menor dúvida que têm olhos grandes privados nacionais e internacionais nteresseiros na educação pública de ensino médio – com seus materiais didáticos – e nas universidades.

  5. O mundo ocidental avança em alta velocidade rumo ao século XVIII. O brazil tem potencial para ir mais longe e voltar à Idade Média.

    1. Enquanto isso eua suiça india russia alemanha china rumo ao seculo xxii com o desenvolvimento da nanotecnologia avanço do transhumanismo etc

      1. Olha, nem estou pensando em tecnologia e ciência, estou pensando em termos de sociedade. Os próprios eua estão num retrocesso danado, neste sentido. Apesar de tudo que dizem e escrevem por aí, a probabilidade de reeleição de trump é altíssima por se apoiar no mesmo tipo de eleitores brucutus como os daqui. A vitória da direita na Inglaterra mostrou que coisas que a esquerda e o jornalismo de esquerda andam pensando e propagando não tem base na realidade. A lavagem cerebral que a mídia controlada pelos eua (o que inclui cinema, TV e agora internet) impôs a quase todos os povos ocidentais foi muito mais eficiente do que sonha nossa vã filosofia.

  6. Então, estamos a ponto de ver que há coisa bem pior que o Weintraub? Vai ser demitido porque não está conseguindo destruir a educação pública com a rapidez que o Plano Geral de Destruição do País exige. Não se trata de nada menos que isso.

    1. E os empresarios inteligentes industriais futuristas seguem apoianndo bozo
      Vamos ouvir os industriais q odeiam bozo ao inves de duzer q a maioria o apoia

    2. Aliás, pela lógica bolsonariana, o Ministro da Educação deveria ser a própria irmã do Guedes, já que não estão dando bolotas para nenhuma regra ou pudor, e julgam que têm todo o rebanho de gado humano brasílico sob seu controle absoluto. Os militares ainda vão lamentar muito por terem dado apoio a tudo isto.

  7. Caro Brito, essa sua frase cabe para todos integrantes deste (des)governo sem exceção:
    “Faz meses que é uma obviedade que ………………. não está nem perto das qualidades necessárias para ser………….”
    Complete com o nome que desejar e o respectivo cargo.

  8. São os corruptos deitando e rolando nesse governo que vai acabar com a corrupção segundo os imbecis eleitores do BOLSONARO. Kkkkkkkkkkk

  9. Comemoro sim, tanto pela saída dele como a de seu antecessor.
    O que não quer dizer que eu tenha a ilusão de que vai melhorar.

  10. É um pesadelo. Acordo todos os dias com medo de saber qual foi o desastre do dia ou os desastres, no plural mesmo. Weintraub é uma besta quadrada em todos os sentidos e, portanto, o ministro ideal desse governo. Mas, se for do interesse dos Guedes (conheço a ganância e a mediocridade do Paulo e da Elizabeth de longa data), ele será logo substituído por um capacho mais afinado com os planos privatistas dos dois irmãos. Vamos de mal a pior. A única esperança é que os jovens se cansem e botem o bloco nas ruas como fizemos com os milicos nos anos 1970.

  11. A destruição das Universidades Federais obedece a um plano tramado pelo pateta chorão e sua maninha: colocar em seu lugar as porcarias da iniciativa da privada ou suas univerçidades. Que ninguém se iluda: grana, grana. O pateta chorão, sua maninha e o bolsofezes querem grana. O bocó do uvavinífera, no entender dessa corja, não está fazendo as coisas bem feitas. É muito burro e inepto para o bom desenvolvimento da trama. Colocar a maninha do pateta chorão no lugar do uvavinífera daria muito na vista. Não sei, mas um bocó bem burro, mal intencionado e com melhores aptidões para desviar atenções seria o indicado. Senhores, o Brasil está na mão de bandidos. Crime que quer se organizar. Os brasileiros serão os suportes e as vítimas dessa trama asquerosa. País sem sorte. Tinha tudo para dar certo. Não tem mais.

  12. Eles querem alguém ainda mais pancado.
    Mais direitista, mais privatista, mais entreguista.
    Se ele cair, o próximo será muito pior ainda.
    A escala de tranqueiras é grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *