A fraude dos “Bolsomillions” no Whattsapp

Está na manchete da Folha e nas barbas da Justiça o que todo mundo já sabia:empresas de telemarketing via Whatsapp estão sendo contratadas para inundar o país com centenas de milhões –  isso mesmo, centenas de milhões! – de mensagens eleitorais em favor de Jair Bolsonaro:

“Empresas estão comprando pacotes de disparos em massa de mensagens contra o PT no WhatsApp e preparam uma grande operação na semana anterior ao segundo turno.
A prática é ilegal, pois se trata de doação de campanha por empresas, vedada pela legislação eleitoral, e não declarada.
A Folha apurou que cada contrato chega a R$ 12 milhões e, entre as empresas compradoras, está a Havan. Os contratos são para disparos de centenas de milhões de mensagens.”

Tradução: enquanto Jair Bolsonaro critica uma possível fraude eletrônica nas urnas, pratica ou é beneficiado pela prática de uma fraude eletrônica que, pelo número de mensagens, é praticada sobre toda a população que dispõe do aplicativo de celular.

O TSE, porém, diz que é uma “comunicação privada” a que se faz por Whatsapp e, até agora, fecha os olhos para este escândalo.

Num país civilizado, já teria sido aberto um inquérito e, a esta hora, os equipamentos das empresas que se dedicam a produzir esta armadilha para a opinião pública estariam sendo periciados.

As forças democráticas ficam aqui, falando sozinhas contra um candidato que foge de qualquer debate e até mesmo de entrevistas enquanto pregação fanática e fake news ocupam as telas dos celulares de milhões. E a peso de ouro:

As empresas apoiando o candidato Jair Bolsonaro (PSL) compram um serviço chamado “disparo em massa”, usando a base de usuários do próprio candidato ou bases vendidas por agências de estratégia digital. Isso também é ilegal, pois a legislação eleitoral proíbe compra de base de terceiros, só permitindo o uso das listas de apoiadores do próprio candidato (números cedidos de forma voluntária).
Quando usam bases de terceiros, essas agências oferecem segmentação por região geográfica e, às vezes, por renda. Enviam ao cliente relatórios de entrega contendo data, hora e conteúdo disparado.
Entre as agências prestando esse tipo de serviços estão a Quickmobile, a Yacows, Croc Services e SMS Market.
Os preços variam de R$ 0,08 a R$ 0,12 por disparo de mensagem para a base própria do candidato e de R$ 0,30 a R$ 0,40 quando a base é fornecida pela agência.
As bases de usuários muitas vezes são fornecidas ilegalmente por empresas de cobrança ou por funcionários de empresas telefônicas.

E a ministra Rosa Weber, que está sendo ameaçada – assim como seus colegas ministros  que o deputado Bolsonarista quer “destituir e prender” – segue impávida como um papel de parede.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

22 respostas

  1. ARosa Weber assim como todos os COVARDES do stf,toda vez que têm que ir no banheiro,pede licença pro PRIMATA FARDADO que fica na porta.
    Neste pais chegamos perto do fim do poço .ser governados POR UM BANDO DE PRIMATAS CANALHAS (eles usam farda ).

  2. A oposição tinha entra com o pedido de anulação das eleições deste ano. Isso mesmo anular a eleição para servir de aprendizagem.

  3. Caro Brito, já passou da hora do PT e seus aliados deixarem de ser ingênuos. Recorrer aos tribunais pouco ou nenhum efeito terá. Que Haddad convoque um coletiva com os correspondentes internacionais (pq a mídia nativa já tem lado ou lavou as mãos mesmo) e a representação da ONU no Brasil e denuncie a fraude. Se vai resolver alguma coisa, provavelmente não, mas irá constrangê-los e rasgar definitivamente suas fantasias para o mundo.

  4. As desculpas do capitao para rebater esse furo de reportagem da Folha sao risíveis considerando que ele levou o fake news do kit gay para o jornal da globo, ou seja, contou a mentira em rede nacional. Essa é uma prova cabal de que a campanha dele é toda baseada em fakes news. Nem a debates ele comparece. Há anos que o capitao faz propaganda eleitoral com essa fake news . Ora, ele usa uma fake news no jornal nacional e diz que não sabe e nem tem controle de empresários que contribuem para a campanha dele propagando fake news ? Tanto ele sabe como comanda o processo por isso usou fake news em rede nacional. O sujeito acha que todo mundo é idiota.

  5. Num país minimamente civilizado esta corja golpista do judiciário seria afastada e responderia criminalmente. Num país de fato civilizado esta corja jamais teria sido indicada para estes cargos.

  6. A todos os interessados: somem o fato do capitão ter ido em rede nacional divulgar a fake new do kit gay mentindo descaradamente para o povo brasileiro + vídeos dele na câmara e em outros contextos divulgando essa fake new há anos, sendo que foi com ela que ele deu o start na campanha presidencial dele + a negativa do candidato de aceitar acordo proposto pelo Haddad e pelo TSE para impedir fake news + o fato dele sequer comparecer em debates sendo sua campanha baseada em fakes news + as informações que estão na reportagem da folha de são são Paulo. Digo que, tanto ele sabe como comanda o esquema de fake news disparado pelos empresários, pois começou a campanha lá atrás com uma fake new, propagou-a em rede nacional e só faz campanha nas redes sociais.

  7. Complementando comentário: somem também o fato do candidato ter dito acerca de dois dias atrás que vai lutar para mudar o limite de encaminhamento do Whatsapp. Ele não aceita a mudança no aplicativo que diminuiu no Brasil o limite no reenvio de conteúdo de 250 para o máximo de 20 pessoas como forma de combater boatos e notícias falsas. A quem interessa essa luta? Quem é o beneficiado? Ora, ele pode precisar da ferramenta de novo, né nao. Deu muito certo com 20, imagine com 250 reenvios. Provavelmente, já conta com a possibilidade de ter que manter seu governo – isto é, se for eleito – na base dos fakes news.

  8. Fake News é tipico dos Nazistas :

    Invasão da Polônia pelos nazistas :

    “A invasão da Polônia foi iniciada na madrugada de 1º de setembro 1939. A justificativa alemã para a invasão foi um suposto ataque polonês contra posições alemãs na fronteira. Esse ataque polonês foi ENCENADO (FAKE-NEWS) por tropas alemãs na chamada Operação Himmler. ”

    O que vemos agora no país 2018 !!

  9. Em minha opinião, não só o PDT mais também os partidos dos demais candidatos têm que ir para cima do capitão. O uso de fake news os prejudicou também favorecendo o voto útil para prejudicar Haddad o que os fez perder votos. Alem do mais, é óbvio que o jogo eleitoral sem um candidato sujo destes assume outra conotação e pode reservar surpresas. Aliás, soube de fake news no primeiro turno envolvendo pelo menos um dos outros candidatos. No mínimo, o jogo teria que começar de novo, com o povo sendo devidamente informado sobre o uso criminoso de fakes news pela campanha do capitao. O povo tem que saber que o candidato é mentiroso e que não poderá confiar em nada que ele disser que vai ou não vai fazer.

  10. Complementando o comentário: eu diria que uma ação conjunta dos partidos seria muitíssimo interessante.

  11. Nossas instituições devem estar sendo ameaçadas na base do “eu sei o que você fez no verão passado”.
    Ou como no personagem do Luiz Fernando Veríssimo que, dizendo para todo mundo “eu sei de tudo” acabou ganhando fama e metia medo em todos, mesmo não sabendo de nada. Amanheceu morto, pois “sabia demais”.

  12. Complementando: na verdade, o jogo tem que recomeçar para os candidatos de todos os cargos. Obviamente, o esquema de fake news foi usado para beneficiar tambem os aliados de Bolsonaro, o que explica as tais votações históricas, inclusive de seus filhos. Imagina uma bancada congressual toda eleita na base dos fakes news. O tal juiz witzel ligado a Bolsonaro ninguém conhecia gente. As disparidades no RJ, SP e MG foram gritantes. Li notícia de que em MG, por ex, parece que o tal Zema fez uso do mesmo esquema de fake news do Bolsonaro e derrubou o PT e o PSDB, contrariando todas as pesquisas de opinião da véspera. A Dilma caiu do primeiro lugar na véspera do pleito para o quarto lugar. Algo semelhante aconteceu com Eduardo Suplicy. Falando bem claro: A eleição estranha de gente como Alexandre Frota e kin kataguiri para deputado federal pode estar associada aos fake news. Se o jogo for anulado, será feita a justiça aos candidatos que nao foram eleitos por causa das fake news. O povo tem que saber de tudo. Tudo mesmo. Quem votou baseado em mentiras vai poder rever seu voto. É isso que é democracia. Não é essa zona que a turma do capitão fez no país não.

    1. Soube que Janaína Paschoal teve 2 milhões de votos sem sair um único dia de casa para fazer campanha. Entao tá…….

  13. Eu ainda digo o seguinte: se a candidatura do capitão for cassada como deve ser, o segundo turno seria entre Ciro e Haddad. Mas eu penso que a candidatura do capitao poder ser cassada e a eleição para todos o cargos anulada. As fakes news fizeram estrago na campanha toda. Não acho justo os outros candidatos a presidente ficarem fora da disputa. Em outras palavras: não creio que o segundo turno tenha que ser disputado por Ciro e Haddad, e sim, que o primeiro turno inteiro seja anulado para todos os cargos.

  14. A campanha de Haddad finalmente acordou, Jair Bolsonaro está a todo tempo dizendo que tem fraude, só não diz que a fraude é da campanha dele ! CASSAÇÃO JÁ DE JAIR BOLSONARO E DO PSL, SUA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA.

  15. Complementando comentários: depois que tudo for resolvido o TSE tem obrigação de requisitar minutos a mais no espectro eletromagnético – TV e rádio – para veicular alerta – antes do horário eleitoral começar, esclarecendo o eleitor sobre o perigo de votar com base em fakes news.

  16. Hah, tem mais um ingrediente para a sopa: soube pela folha de São Paulo que bolsonaro propôs um projeto favorável ao WhatsApp. Interessante seria analisar quantos projetos ele já propôs em 30 anos de politicalha e porque resolveu beneficiar justamente a empresa que ele está usando para disseminar fake news e vencer uma eleição presidencial. Eu aposto que todos os projetos que ele propôs beneficia a si mesmo, seus partidários ou a turma da bala. Duvido que ele tenha proposto algum projeto social. Por fim, a pergunta que fica é: o que o capitão esperava ganhar ajudando o WhatsApp?

  17. O facebook está servindo de ferramenta para inflar a crise humanitária contra a minoria mulçumana em Miamar, agota o Watts App, da mesma empresa funciona como ferramenta para levar ao poder um coiso como o Bozo.É fioda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *