Bolsonaro convoca “massa virtual”, mas usa o Exército para ameaçar

É evidente que Jair Bolsonaro não tem força política para, como diz pretender, encher as ruas brasileiras – como ameaça – numa manifestação pelo fechamento do Congresso.

Não é com a matilha bolsominion que ele pretende espalhar o medo.

Com o vídeo messiânico que está distribuindo, onde se aponta como um semi-Jesus – “ele quase morreu por nós, diz a peça – uma curta mensagem, telegráfica, diz tudo:

“- 15 de março. – Gen Heleno/Cap Bolsonaro. – O Brasil é nosso, – Não dos políticos de sempre.”

Bom covarde que é, bota o general – cuja decrepitude é nítida – à frente, porque sabe que terá de recuar.

A manifestação do General Santos Cruz – está agora evidente a quem ele se referia quando falava que estavam usando os generais – não é uma voz isolada.

Banda miliciana das polícias e segmentos evangélicos fundamentalistas não bastam para um golpe e o exército não cooperará com um que os ponha a mandar, como já ensaiam agora.

Nisso tudo, só uma coisa é verdadeira: Jair Bolsonaro acollora-se.

Entra no turbilhão egocêntrico que acomete aventureiros que confundem os votos que receberam com uma beatificação, que creem-se ungidos e invulneráveis.

Não é só porque há reações a uma ditadura, é porque ditaduras não servem mais ao capital no mundo de hoje, que a aventura autoritária com que ameaça de Bolsonaro flerta é improvável.

É porque não é crível que, estando no poder e sem governar, queira mais poder para continuar não governando.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

15 respostas

  1. Dia 18/03, DIA NACIONAL DE LUTA dos trabalhadores do Serviço Público!
    Servidores federais, estaduais e municipais vão para as ruas protestar contra a ditadura do Parasita!

    Todo o poder emana do povo! Vamos à luta!

  2. É HORA DO ENFRENTAMENTO,TEMOS DE IRMOS AS RUAS CONTRA OS FASCISTAS OU PAGAREMOS CARO POR COVARDIA.

  3. Triste momento de nossa história. “Esquerdopatia” assustadora, não se move, não reage à altura. Por quê será que votamos em vocês? Estão parado, pensando? Assim não vai a lugar nenhum. E na próxima eleição, se tiver próxima eleição, o quê fazer com nossos votos? Espero uma reação à altura. Já passou da hora.

    1. Pare de chorar. É hora de levantar e lutar. Engaje-se, procure sua organização, seu sindicato, seu partido e contribua da forma que puder.

      1. O que eu disse está fundamentado nos meus encontros com o meu partido e o sindicato. Os políticos que elegemos (os da esquerda) são frouxos, não se organizam, não se manifestam à altura. São eles que tem que ditar o rumo, mais do que isso, organizar, denunciar, pegar o megafone e sair em praças, ruas, espaços urbanos, estádios de futebol, patrocinar e organizar manifestações em frente às emissoras de rádio e televisão. ….

        1. São viciados, dependentes, de “processo eleitoral”. Apostam no “quanto pior, melhor” agora, esperando 2022, achando que o povo lhes pedirá socorro. No meio do caminho, brigam entre si para ver quem substituirá Lula.

  4. Espero que estejas certo Brito. Mas, devemos levar em conta que o Brasil é singular. Aqui tudo é possível de acontecer. Só não vi ainda uma guerra civil. PMs e FFAA parecem não falar uma mesma língua, ou sobre um mesmo consenso. A não ser, majoritariamente entre as várias “facções”: “PT ou esquerda jamais”.

    1. Eu costumo gostar do otimismo do Fernando Brito! Acontece que talvez não tenhamos entendido o que quer o comando político desse (des)governo! Querem que tenha um pedido de impeachment? Havendo, qual seria o próximo lance deles? E as mílicias, agora mais armadas e municiadas que nunca, nesse cenário? Não vejo espaço para um golpe militar tradicional, contudo, temo o caos se arrastando nesse nosso sofrido país, sem emprego, sem direitos, num mundo assustado por uma epidemia.

  5. Quem aceita cargo do Bozo, bom sujeito não é
    É fraco de índole ou forte de má-fé. Simples assim.

  6. Estou achando o Fernando Brito muito otimista e acreditando nas instituições. Pois estão todas elas, a começar pelo judiciário e seguindo pelas ffaa associadas à pm e milícias, querendo o golpe. Vão se lixar para as repercussões internacionais (não fizeram isso acintosamente até hoje?). Eles só se interessam em se locupletar e garantir o saque das nossas riquezas até onde der.

  7. QUANDO GOLPEARAM DILMA A ESQUERDA CHOROU E NÃO REAGIU,ACOSTUMAMOS A APANHAR E ELES A BATER;FALTOU CORAGEM DO POVO MAS PRINCIPALMENTE DO GOVERNO GOLPEADO QUE SEQUER CONVOCOU O POVO.

  8. Cada dia uma barbaridade maior que a outra. Estratégia clara de diluir as resistências. As ações mais graves acabam normalizando as “menores”. No sábado de carnaval implodiu o INMETRO , (se não caiu bem eliminar as cadeirinhas do banco traseiro, que qualquer uma sirva), na terça propõe fechar o Congresso como resposta a sua incompetência em governar e entregar resultados reais. No modelo econômico do desgoverno cresceram a dívida pública, a decretação de falências, a extrema pobreza, a fila da aposentadoria, as filas do salário desemprego, do bolsa família, do sub-emprego, da concentração de renda, da evasão escolar, da destruição da natureza e dos povos originários, cresceram também as barreiras internacionais à nossa economia selvagem.

  9. Me perdoem. Será que o coiso convocou mesmo a manifestação? Alguém o ouviu falar? O decano do STF, segundo li, disse: se ficar provado que ele convocou manifestação contra o Congresso Nacional, então terá cometido crime de responsabilidade. Me parece que falta a prova; parece que o coiso compartilhou mensagem de apoiador. Isso seria a prova requerida por Celso de Melo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.