Bolsonaro está louco por um quebra-quebra

Passaram poucas horas para que o artigo do general Hamílton Mourão fosse um sinal para uma nova mudança de tática no golpismo capitaneado por Jair Bolsonaro.

Enquanto o país inteiro assistiu, durante semanas, um bando de brutamontes – alguns, inclusive, usando fardas e boinas militares – e de fanático, gritando seu ódio à democracia – e os tocheiros da filial brasileira da Ku-Klux-Klan ele “descobre” outra ameaça à democracia.

Agora, para o ex-capitão, o perigo são os “integrantes de grupos antifascistas que estão promovendo protestos contra seu governo de marginais e terroristas”, segundo narra a Folha.

Ele diz que está, inclusive, em preparar “uma retaguarda jurídica para que nosso policial possa bem trabalhar em se apresentando um crescente este tipo de movimento que não tem nada a ver com democracia”.

Ou seja, algum casuísmo para que o “nosso (dele) policial” possa bem bater, atirar e, quem sabe, matar com – ah, Moro, Moro – o excludente de punibilidade que tanto tentaram implantar.

Chega a ser deprimente ver com que imediatismo Jair Bolsonaro se esmera em repetir o “Mestre da Cloroquina” Donald Trump, que ameaça lançar o Exército contra as multidões que protestam contra o racismo no EUA.

Na ditadura, os generais golpistas era chamados de “gorilas”. Neste pastiche dela que vivemos, são macaquinhos de imitação.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

19 respostas

  1. DOMINGO, dia 07, as 14:00, em SP, enfrente ao MASP, a UNE, MTST e outros movimentos progressistas estão convidando a sociedade pra participar duma manifestação PACIFICA pela democracia e contra o racismo.

    1. É justo e está correto! Não pode é condenar propostas paralelas nem que seja de ex-golpistas!

    2. Vocês vão ver onde vai parar essa ”PACÍFICA”… Depredação e confronto patrocínio milicianos do bozo!

    3. Esse P 2 vai estar lá na Avenida Paulista no domingo. Devidamente mascarado, e tão anonimo como aqui no blog. Como os fascistas não estão conseguindo uma guerra civil, por falta de adversário, um quebra quebra, e pedrada nos policiais surte o mesmo efeito.

  2. Peço licença para discordar. Não, nem Bolsonaro nem Trump querem um levante popular. Os que acreditam nisso dizem que temos que ficar quietinhos enquanto morrem 1.200 pessoas por dia, milhões passam fome e o Brasil é destruído. Querem que esperemos 2022 chegar.

    Falta combinar com o povo, tanto dos EUA como do Brasil. A revolta é crescente e, sim, sempre há provocadores, sempre. Mas os provocadores não podem ser motivo para que o movimento popular desista de lutar.
    Neste domingo, dia 7 de junho há manifestação marcada na av. Paulista. As torcidas organizadas de vários times lá estarão para lutar contra o fascismo. Quem não concorda, fique em casa assistindo Faustão.

  3. Para não darem o dinheiro dos Estados e Municípios, os assessores jurídicos do Bolsonaro descobriram que o vírus é inconstitucional.

  4. É essa a ameaça em comum Brito… é justo o apoio com ressalvas do PT, mas querer montar tribunal pelo erros históricos do PSDB, PMDB agora não dá!!! O PT pode muito bem colocar que tem que cair os dois, BOZO e a política de Guedes e acho JUSTO isso! Mas se omitir agora NÃO PODE! Não é hora de lavar a roupa suja qto as injustiças para com Lula e o Partido! Se o outro lado da centro direita está fazendo o movimento já estão admitindo que criaram um monstro q estão engolindo eles tb! Aprenderam a lição da pior forma possível e acredito q não usarão novamente uma Lava Jato para destruir a democracia!

    1. Qualquer frente “amplíssima” que inclua golpistas “arrependidos é uma frente contra o povo.
      Lula está certíssimo! Quem põe escorpiões no bolso acabará picado por eles.

      1. Então na cabecinha de vocês ninguém merece se redimir… nem voltar a ser democratas e defender as regras do jogo. Só os puros do PT merecem lugar na “democracia” de vocês kkk É muita prepotência! Política é feita de INTERESSES comuns e não de vingança!

      2. Não é aliança política… é apenas um manifesto CONTRA um governo genocida! Não é um julgamento do PT ou de quem quer q seja!

    2. Não vi ainda nenhum “arrependido” assumindo que é golpista. São hipócritas, trairão na primeira oportunidade. Querem fazer um movimento, que façam, mas fique lá com o deles enquanto os democratas com o próprio.

      1. O 1/3 potencial do PT que hoje em dia não chega a 30% é suficiente? O ódio e a vingança nesse momento não leva a maioria NECESSÁRIA para deburrar a ameaça que assola a todos nós POVO brasileiro e não só progressistas. Vcs estão sendo egoístas e não ligam para os interesses da nação e sim de um partido e um lider! Vão pagar caro novamente pela omissão não se iludam!

  5. Romanelli, deixa de ser trouxa.
    Ele está provocando justamente para que os protestos aumentem. Assim ele infiltra os “nossos policiais” pra fazer quebra-quebra e desmoralizar o movimento. E ele sai com um “tá vendo o que querem colocar no meu lugar, se eu sair?”.
    Não é possível que a esquerda seja tão otária. Se fizerem isso acho que farão de propósito mesmo.
    Este momento requer nervos de aço. Fale o que quiser, nós vamos preservar vidas e ficar em casa enquanto a popularidade dele vai minguando.
    Quando acabar a pandemia aí sim é manifestação de milhões unindo todos pela sua saída.
    Abs.

  6. Estão preparando o clima para a atuação de provocadores que intiguem o conflito e de policiais e milícias que promovam destruição do patrimônio.
    Neste final de semana nos EUA foram vários os flagrantes de policiais (em uniforme) fazendo este tipo de atos. Isso sem falar naqueles à paisana.
    No Brasil é notória a ligação da polícia com a bandidagem e em troca de proteção aos criminosos os insuflam a saquear, depredar, provocar violência. Já fizeram muitas vezes isso antes. Alem de usarem policiais à paisana e a legião de milicianos e marombados fascistas.
    https://twitter.com/AroeiraCartum/status/1267540326471946240/photo/1

    1. Se em 2013 o exército e a PM já tavam se infiltrando em tudo, sob a máscara de black block, imagina agora, com uma desgraça como o bozo mandando na coisa toda e na ABIN.

      1. Vamos lembrar do capitão do exército Wilson Botelho, o “Baltazar Nunes” ou “Balta”, que em fins de 2016 infiltrou-se sem dificuldades no movimento dos secundaristas dee SP e respondeu pela prisão de diversos deles durante uma passeata contra Temer. O neofascismo não tem apenas os néscios com cargos na República, conta com gente bem mais preparada e perigosa. Diante destes, ação sem reflexão é pedir pra levar na cabeça. E eles estão de volta aos meandros do Planalto, junto aos seus colegas dos porões, ávidos por exercitar o que sempre fizeram de melhor: livrar-se dos “indesejáveis” que a democracia traz, ou mesmo dela caso se torne indesejável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.