Bolsonaro usa o Exército como a milícia usa a PM

Não duvide que, daqui a alguns dias, que Bolsonaro, em lugar de um helicóptero do Exército e um cavalo da Polícia Militar, apareça desfilando em um veículo militar diante de seu eleitorado caninamente fiel e feroz.

É a maneira dele mostrar ao país que tem outras feras, mais bem armadas do que com a Glock de Carluxo e Dudu e a Winchester de Olavo de Carvalho.

É exatamente como fazem as organizações milicianas – no Rio de Janeiro e já em outras partes do país – com as forças policiais. Embora nem todos os comandos sejam seus cúmplices, há farto apoio policial a ação destes grupos, o que inibe protestos e oposição de qualquer um que queira confrontar o poder da milícia.

Exatamente como faz Bolsonaro para intimidar a reação política e judicial ao seus abusos e garantir a impunidade dos grupos subversivos que o apoiam: fazer com que todos tenhamos medo de uma ação militar que imponha a obediência geral ao seu poder abusivo e a implantação de seu desejado modelo autoritário.

A questão é, como bem destacou hoje Luís Nassif, é que só há uma maneira de sabermos se Bolsonaro conta de fato, ou não, com suporte militar para deslanchar definitivamente seu projeto de sufocamento das liberdades e das instituições: enfrentá-lo.

Se não o fizer, ele vai levando, como até agora levou, “no grito”.

A conduta passiva do Legislativo – gaguejante com Rodrigo Maia e muda com Davi Alcolumbre – só o ajuda e deixa os ministros do STF, que não são propriamente talhados para a luta política.

Pode ser que Bolsonaro esteja mesmo apostando numa escalada, sabendo que lhe é fácil usar a polícia para usar a imagem de um movimento desordeiro a justificar sua estratégia autoritária.

Pode ser, mas se – de olho aberto e juízo na cabeça – não externarmos a oposição à implantação de uma ditadura, uma ditadura, então, já está implantada.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

6 respostas

  1. O fascismo cresce no medo. É hora do TSE cassar a chapa e limpar o tabuleiro.
    Ver até onde os desgraçados estão dispostos a ir…

  2. NÃO APRENDEMOS COM OS ERROS DO PASADO.
    Orientados por um republicanismo ingênuo ,os pts não conseguiram enfrentar como era devido ,as gangues golpistas .
    Assim desde 2013,já duma forma mais aberta e escancarada eles se dedicaram a sabotar a Democracía,e conseguiram
    Eles avançaram calmamente e sem oposição nenhuma,tal era o desconcerto e a falta de reação dos pts.
    Repete-se a história,deixamos avançar o fascismo ,que não tem plano de governo,a não ser a destruição do Estado brasileiro e junto a ele ,nós.
    Muito esse delinquente ofendeu ,a lei,a honestidade,o respeito,a diginidade sem ter levado nada além de “notinhas” de repúdio.
    Parece que agora alguém ,com promessas de ser extinto,resolveu reagir e confrontar a besta,mas,se enfrentar sozinho ,não aguentará.
    É a hora de pagar para ver,quer dar o golpe,então dá !!chega de ameaças !!

  3. Todos os grupos que usam armas estao com bozo (na acao ou na omissao), excecao do pcc e comando vermelho (e mesmo assim nao ha certeza absoluta). 27 PMs, 27 civis, 27 bombeiros, PRF, prato feito, gente q faz seguranca de patrimonio e transporte de valores, provavelmente por logica a turma das guardas civis das cidades e mais uma ou outra q eu tenha esquecido (talvez a turma de portos e aeroportos sei lah). Ou seja, eh muito grave. Pra essa galera mudar de lado e de ideia muita gente teria q ser ectoplasmada (eh a forca do habito jah q em alguns lugares onde dou palpite proibem palavras como censura, censor, matar, morte etc), ou seja, teria q haver algo grave e com mortes. Teremos a real extensao da coisa se houver por exemplo pedidos de prisao de filhos do bozo. Iriamos ver quem executaria a ordem e se algum grupo se oporia. Minha linda dentista porem pouco arguta (para nao ofender muito) dizia `ah, se for ruim tb tiram ele como tiraram a dilma…` E eu dizia `nao tiram nao, ele esta com toda a galera armada`. Era algo obvio e talvez o pior perigo dele ser o eleito

    1. Vc sugere que todo cara que por profissão usa armas é um demente.
      Óbvio que onde o discurso de força mais ganha adeptos é naqueles que possuem as armas,porque na teoría ,ou na propaganda do miliciano,eles seríam beneficiados,mas,como?

    2. Concordo, toda esta turma citada por você e que está armada, está com ele e ele sabe disso, os generais de de pijama e os da ativa também estão com ele, e ele sabe disso. Não vejo futuro de paz no Brasil, mas espero estar errado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.