Cobrança de bagagem fica: toma, classe média….

247 deputados votaram por uma franquia de bagagem no transporte aéreo, 187 a favor. Ainda assim, faltaram 9 votos para derrubar o veto de Jair Bolsonaro, restabelecendo a cobrança por qualquer mala despachada em voos nacionais.

O argumento é o de que, cobrando pela bagagem, as passagens ficarão mais baratas. Ocorre que, liberada há dois anos, a cobrança não resultou nisso, mas numa elevação expressiva dos preços.

Que se agravou com o fim da Avianca, provocando, só por isso, um aumento de 14% nas tarifas médias, segundo a Kayak, comercializadora de passagens pela internet.

O que influi na oferta de passagens baratas está longe de ser a bagagem.

É perto da metade dos passageiros, apenas, os que as despacham, segundo as estatísticas não representa nem 20% do peso dos passageiros. Como a taxa de ocupação dos voos nacionais anda em 80%, o efeito é zero em termos de capacidade de carga, considerados valores médios.

O custo da passagem aérea aqui é, de forma bem clara, o dólar.

O leasing das aeronaves é em moeda norte-americana. O combustível, idem, porque, apesar de 90% dele ser produzido aqui, o preço é referenciado no valor cobrado no mercado internacional do Golfo do México, evidentemente dolarizado.

Não é isso o que influi, mas o volume de demanda por transporte aéreo, que ainda segue caindo: 4,5% a menos em julho – mês de férias – e menos 0,6% em agosto (dado divulgado hoje) em agosto, sempre em comparação com o mesmo mês do ano anterior.

O Brasil precisa de uma popularização do transporte aéreo, com viveu no início da década, não de sua elitização. Pagar 50 reais por um despacho de bagagem é um aumento de 10% no custo de uma passagem de 500 reais.

Isso é irracional para quem quer agregar público, não afastá-lo. Até porque na parcela de voos a trabalho ou negócios, pela pequena duração da estadia, a taxa de bagagem despachada é muito menor.

Mas é este o Brasil: basta que 30% da população tenha poder de compra para ser um grande negócio.

E logo a classe média insana deste pais poderá aplaudir a “reglamourização” dos aeroportos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

15 respostas

  1. A cobrança pelo despacho de bagagens tornou-se uma grande fonte de lucros para as companhias aéreas. Globalmente rendeu 28,1 bilhões de dólares no ano passado, comparado com 13,4 bilhões de dólares em 2014.

  2. “reglamourização dos aeroportos”
    Provavelmente isto já acontece. No início dos anos 2000, aqui onde moro (sertão baiano), era raríssimo encontrar alguém que já tivesse viajado de avião, o que se tornou comum com os governos PT. Hoje o ônibus voltou a imperar. Viagens longas (SP, sul de MG, Rio), com um detalhe: ônibus “alternativos” pois o legalizado custa o dobro

      1. Logo vamos ter tuc-tuc e a volta das mulas. A primeira já se encontra assentada na cadeira de vice-presidente.

    1. Nesse caso é uma pena, pois são os nossos que estão sofrendo…..mas eles também já começam a sentir MEDO.

      Por esse motivo, espertamente, já começaram a cevar o babaca do Huck.

      Nós continuamos presos ao discurso do LULA CANDIDATO .

  3. Continuo com Marilena Chaui:” a classe média é uma abominação política, porque é fascista, é uma abominação ética porque é violenta, e é uma abominação cognitiva porque é ignorante. Fim.”
    Apenas acrescentaria que no Brasil, dada nossa história econômica e social, e a distribuição de renda e de oportunidades, nem é classe (pelo menos não o que elas imafinam ser) e muito menos média. Só não tenho ódio, tenho pena da classe média e talvez desprezo por ela.

  4. Essa classe media so vai acordar quando se quiser ir a Paris ou Orlando tiver q comprar passagem p Buenos Aires ou Bogotá

  5. Ué, mas já não teve madame reclamando que aeroporto estava com cara de rodoviária????

    Esse é o pensamento da turma…. só tem graça se for exclusivo, senão, como o tipo vai se sentir superior??

    Daí o preço abusivo de tudo nesse país, de carros a vestuário, somos um país pobre com preços maiores do que se paga em países ricos…..e ainda jogam a culpa nos impostos…..que sonegam…

  6. Os remediados invejosos e golpistas tão tomando na cara.
    Médicos incivilizados com doutores cubanos estão com agendas minguando. O mesmo com dentistas.
    O comércio fechando portas, turismo em geral minguando.
    Servidores públicos sentindo a cagada de ajudar a derrubar Dilma.
    Aqui no “Sul Maravilha” (?), último bastião dos coxinhas, o quadro é esse.
    Parabéns estúpidos remediados, os bilionários, também, foram prá cima de vocês.
    E por que não iriam?

    1. Em Porto Alegre, uma rede de escolinhas-coxa, para filhotinhos de cidadãos “de bem” e “do bem” já apresenta 30% de queda no faturamento. Os pequeninos mínions, aparentemente, estão sendo expostos a ambientes menos dignos de seu status, à medida que papi e mami vão descobrindo a crueldade do mundo e o sumiço da grana. Parece que papai e mamãe-coxa estão sendo recompensados pelos foguetes e tiros de pistola disparados de suas lindas sacadas na noite do impeachment da Presidente da República, pelos desfiles em uniformes da seleção do neymar e da globo e pela festiva eleição de um canalha psicopata e analfabeto funcional para a presidência da república. O dono da referida rede de escolinhas era um notório detrator de Lula e do estado de bem estar social. Agora, assustado, anda a se queixar da vida.

  7. E a zumbizada reclamou? chiou? esperneou? Não! Então toma! É assim a triste vida dos bovinos… e opcional, o q é ainda pior…

  8. A classe média ou pequena burguesia é o lixo de qualquer nação, felizmente no Brasil, em breve , será só miragem….fumaça de um tempo que ficou para trás.

    Cadê a IMBECIL que surtou com o preço da gasolina no governo Dilma ?

    Cadê o babaca com a filhinha nos ombros , empunhando um cartaz e pedindo o dólar barato para voltar a Disneylândia ??

    Cadê os trastes que se vangloriavam de vijar a Miami para fazer os enxovais ( palavra carcomida e vazia ) para seus futuros rebentos ??

    Que sintam medo………..lembro de um vizinho a socar as paredes , literalmente , por não mais poder pagar a empregada doméstica e o plano de saúde para a família……continua anti-petista , contudo…

    QUE MORRAM !!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *