Filho neurótico, pai patético

O espetáculo que a estranha relação entre Jair Bolsonaro e seus filhos – que acabaram sendo seu único e verdadeiro partido político – atinge seu clímax com o filho Carlos, cujo comportamento de “cão de guarda” do pai se aproxima de uma obsessão.

Como o pai o consente e estimula, isso acaba assumindo ares patéticos, como na publicação que o ex-capitão fez, ontem à noite, no Facebook, com uma foto que é uma verdadeira ilustração do conteúdo: andando apoiado no ombro do filho, num momento de fraqueza no hospital.

O texto, visivelmente escrito por outra pessoa, é taxativo: “querem afastá-lo e de mim e não conseguirão”.

Mais explícito, impossível.

Joguem fora a ilusão, portanto, aqueles que acham que o pitbull será refreado.

Continuará a ser o fiscal da fidelidade política ao pai, com direito a rosnar e a morder aqueles em que farejar “desvios”.

Com todas as desastrosas consequências que isso já causou, não é difícil adivinhar as que causará.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

22 respostas

  1. Papa Doc foi defendido em seu cargo de ditador do Haiti pelos americanos, durante a revolta popular de 1959 que foi massacrada, com a morte de 100 000 pessoas. Isso favoreceu a continuidade da ditadura através de seu filho Baby Doc.

  2. Muita gente foi muito importante nessa campanha que levou à presidência do Brasil essa familícia de incompetentes corruptos neuróticos, patéticos e sem a mais remota noção do que representa governar um país.
    Quanto tempo vai levar para acabar com essa palhaçada? Tirá-los de lá não é golpe, motivos amplamente fundamentados na Constituição existem para todos os gostos.

    1. O dono da Havan, aquele lunático, crítico de todas as políticas sociais, favorável ao liberalismo, usou da lei Rouanet pra patrocinar a festa da uva em Caxias do Sul. É hipocrisia o nome né?

  3. Meu Deus, que saudades da Paula! Por onde andam Fabio Luis, Luis Claudio, Marcos Claudio, Sandro Luis ! Lurian, querida, venha nos socorrer !

  4. Um bosta de um vereador do município do Rio de Janeiro, ficar dando opiniões no governo federal, que zona esta droga toda.

  5. Não vai ser um STF, um movimento popular ou o Congresso que derrubarão o Arregão: serão seus filhos.

  6. O tweet de hoje do capitão mostra que ele está muitíssimo preocupado com o orçamento da educação. Ele pretende destruir a educação no país diminuindo o orçamento na tora. Esse será o objetivo da tal Lavajato da Educação. Vai se confirmando aquilo que eu disse aqui sobre a ideologia de gênero como bode expiatorio e a consequente educação domiciliar. O objetivo oculto é diminuir o orçamento da educação. O capitão não costuma esperar nem eu molhar o bico. Eu heim…Eles pretendem amedrontar os pais com a tal ideologia de gênero nas escolas com fakes news do tipo kits gay e mamadeiras de pirocas para que eles tirem os filhos das escolas e os ensinem em casa. Além disso, perseguindo os professores eles vao afasta-los da profissão. Um plano maquiavélico. Coisa de mentes demoníacas. Eu sabia que era isso, capitao. Os demônios não fazem nada sem ter um objetivo vil.

  7. Complementando comentario anterior: sem contar a proposta de reforma da previdência que, de quebra, deve também visar que
    os professores fujam desta profissão. Quem vai querer ganhar baixos salários, ser perseguido injustamente e massacrado em seus direitos previdenciários? A propósito capitão, como estás vendo que a reforma da previdência pode subir no telhado o senhor já está arranjando agora uma desculpa chamada Lavajato da educação para equilibrar as contas, né criatura…. Tô entendendo……

  8. Alguém quer apostar que foi o próprio Carlixo que escreveu e respondeu o tweet. Tudo é possível vindo dessa famiglia de picaretas milicianos.

  9. A forma que o poder entrou na família Bolsonaro criou sérios traumas psíquicos e comportamentais. Um pai (Bolsonaro) indica um filho (Carlos) com 17 anos para ser candidato a vereador contra a mãe. O filho mais velho (Flávio) não aceita e o Carlos sendo menor de idade é induzido pelo pai a assumir esse nefasto papel. Esse acontecimento criou um profundo dano emocional na família com repercussões em depressão, obsessão, medo, fobia, pânico…Hoje Bolsonaro é refém dos filhos e principalmente do Carlos. Vai ser difícil os militares afastarem o Carlos, pois a família é totalmente descompensada.

  10. Por quê o Pit Bullshit ao invés de segurar o pai como todos fazem nessas ocasiões, está de mãos nos bolsos,provavelmente para não se cansar muito ?
    Isso mostra bem que essa família é unida pelo ÓDIO e não pelo AMOR.

  11. Mapa claro e cristalino de onde atingir no jair. Se o problema for o jair – para o PT, para Mourão e o Heleno, para o Rodrigo Maia, para Renan – há um mapa, cheio de setinhas e indicações (até luzinhas piscando) do lugar que em deve ser atingido. Claro que isto não resolve nenhum dos problemas do campo popular, mas ajuda bastante a sacudir o jair; e por consequência… Histórias abundam. Cabeludas todas elas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *