Laerte desenha a razão de adiar o Enem

Quem acompanha o Tijolaço sabe que este blog nutre uma escancarada admiração pelos cartunistas.

E Laerte, hoje, na Folha de S. Paulo, resume em dois quadrinhos tudo o que qualquer argumentação poderia fazer para mostrar o que significa não adiar as provas do Enem, com as aulas suspensas há mais de dois meses.

Sequer razões burocráticas o explicam.

Nem o ano letivo de 2020 terminará no ano calendário – isto, se terminar – e nem, perdoem o termo, o de 2021 começará na data antes prevista.

Mas o estrupício da Educação grita nas redes sociais que “o Brasil não pode parar” e “vai ter Enem”, como se nada estivesse acontecendo.

Está.

Está se ampliando a injustiça, a exclusão, o elitismo e a crueldade que há no acesso ao nosso sistema público de educação superior.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email