Locomotiva e vagões é a ideia arcaica de um Brasil colonizado por dentro

locomov

O que se passa no Brasil, entre outros aspectos, é o bote da oligarquia paulista em sua feroz obstinação pela contínua para conquista e colonização do Brasil. Essa obstinação conta a história da República.

Oriunda da burguesia do café, a elite presunçosa de São Paulo dividia o poder, nas eleições de cabresto da República Velha, com a oligarquia mineira e, no plano cultural, buscava minar a hegemonia da capital, o Rio de Janeiro, herdada do centralismo do império.

Getúlio e a revolução de 1930, apoiados no começo pelos tenentes (grupo nacionalista pluri-ideológico de raiz positivista e, logo, pelas massas urbanas que se formariam com o desenvolvimento industrial) impediram esse percurso.

No plano cultural, a ideologia proposta pelo trabalhismo – forma brasileira de socialdemocracia – não implicava o confronto proposto no anarquismo dos operários imigrantes nem se deixava fascinar pelo modelo americano de uma plutocracia ricamente disfarçada em democracia, apartheid racial e pragmatismo aético. Pretendia, pelo contrário, que o  Brasil quisesse ser um país em que o conflito de classes fosse contido e negociado em condições de igualdade jurídica, uma nação de mestiços orgulhosos dessa condição e respeitosos com suas raças formadoras; uma democracia social na prática e os costumes, qualquer que fosse o regime de governo.

Contra Vargas, a São Paulo, a dos Jardins, fez tudo: da falhada “revolução constitucionalista” à fundação da Universidade de São Paulo , destinada a ser não apenas um núcleo de pesquisa científica mas, sobretudo, o think tank gerador de uma ideologia própria, que combina traços do liberalismo americanófilo com comportamentos e valores oriundos da componente fascista introjetado nos empresários de origem italiana.

Caso típico é o da Antropologia, em que o sofrido percurso de superação do racismo europeu, ao longo da primeira metade do Século XX, foi substituído por um novo racismo, fundado na herança das culpas e na segregação da “raças”.

Em suma, essa elite paulista – de Temer a Alckmin, de doutores da USP a Marta Suplicy, – não tem que ver com o Brasil em que nasci e me criei, este país em que os brancos se diluíram entre negros e índios, e a intolerância se desfaz em mil abraços: eles se julgam bandeirantes, desbravadores impiedosos, movidos pela ganância.

Mário de Andrade,  paulista, descreveu o meu Brasil, também o dele, como um país de nenhum caráter para dizer que tinha todos eles. A elite paulistana dá o que lhe faltava – um mau caráter que aliena o que herdou dos avós – ouro, petróleo, diamantes -e, não satisfeita, e se apropria das riquezas do espírito.

 

contrib1

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

16 respostas

  1. Estava na hora de CHICO BUARQUE regravar CÁLICE. Cai bem a estrofe: VER EMERGIR O MONSTRO DA LAGOA e mergulhar no esquecimento POLUÍDO.

  2. Regionalismo, patriotada, classismo, sexismo, racismo, homofobia etc ..tudo faz parte do mesmo discurso que UNE a esquerdopatia e a a direita hidrófoba ..São Paulo x Brasil e vice versa ..ou SP e sua elite perversa etc ..que discurso e texto pobre ..ainda bem que a MAIORIA da população esta se dando conta que NENHUM destes extremos PRESTA !!! ..em tempo – eis um dos motivos que acho que a existência do SENADO não faz o menor sentido entre nós

      1. Deixa ele Naiara, assumir a condição de golpista e, apoiador de governador corrupto e, truculento e coisa difícil, EU POSSO DIZER, sou bicho do Parana. J P radialista e, líder comunitário.

      2. Vcs precisam entender que não existe RACISMO nem discriminação do bem ..estereótipo é estereótipo ..essa de dividirmos brasileiros por tipo e sub tipo não deve valer pra ninguém ..nem pra esquerdopatia, nem pros direita golpista

        .SERÁ que ta difícil entender que de discursos RADICAIS e discricionários, deste divisionismo BOBO, nos acabamos neste golpe ? ..que causas FORA de hora e de momento geraram conflitos que se sobrepuseram a causas MUITO MAIS URGENTES e nobres, como com a erradicação das favelas, saúde, educação de qualidade, assistência garantida , SEGURANÇA e mobilidade ..elas que foram atropeladas e paralisadas por tentativas de revisão da anistia, de punição só pra um lado, de sexismo, de se impor cotas RACISTAS (em detrimentos das sociais) ou casamento nas igrejas ?
        .
        São Paulo não é só elite, nem tucano nem Doria ..somos 1/4 da população do país tb
        .
        Somos sim, por questão históricas, a locomotiva ..mas que SIM, milhões de nós entende que tem-se sim que distribuir ..e que o RJ por exemplo e dezenas de outros Estados precisam buscar meios pra se manter, e não ficar dependendo só do Governo Federal
        .
        Sò pra lembrar ..reparação histórica ..busca de um culpado por seus infortúnios ..escolha a quem resgatar 1o ..foram teses AMPLAMENTE usadas pelos nazistas tb
        .
        Em tempo ..não sou esse Romanelli do Parana ..e por favor, discuta idéias antes de tentar me rotular
        .grato

        1. O teu discurso é profundamente conservador e reacionário. Combina com a posição do professor que ainda não conseguiu vislumbrar os tempos atuais. São os iguais reproduzindo a carcaça mística do atraso.

        2. “Somos 1/4 da população do país…” KKKKK mentiroso é assim… retirem os não paulistas da população e somem os paulistas fora desse lugar e perceberão que não são nem 10%… esse lugar é um câncer nesse país…

          1. pesnei que era Curitiba de Moro ? ..a Ba de ACM ..o RJ que esta LIQUIDANDO a pré sal pra salvar seu orçamento e funcionalismo

            que bobagem ..sabe o que me interessa ais do que dividir o país entre estados ou Sul Sudeste Contra Norte e Nordeste ?

            Por exemplo qtos leitos por habitante há pra cada 50 mil habitantes por DISTRITO ..escola tecnica ..universidade ..km asfaltado ..Municipios sustentáveis ..creches ..tempo de espera pra exame e cirurgia ..numero de miseráveis e moradores de rua ..favelas etc

            deixem este regionalismo tosco pra quem não sabe o que fala ou quer ?

            um exemplo ..RR com 450 mil habitantes (do Juca) tem 3 senadores .SP com 45 MILHÕES (também tem 3 senadores) ..vcs acham que este modelo é democrático ..que isso representa a vontade do povo

            RJ tem amis evangélico que qq estado ..e eles já são 35% do Congresso

            que SP manda mesmo ? abram a visão .;;melhorem a discussão ..deixem de fla flu e pensem BRASIL

            Veja MA, RR, AC e RO por exemplo ..MS ..estados desertos que não se sustentam NEM se justificam e cheios de poder

            ACORDA gente !!!!

        3. Entao, e vc que tem que se identificar de maneira correta, e nao querer se esconder atrás de uma imagem desgastada feito Luiz Carlos Romaneli, golpista e, entreguista aqui do nosso estado. quanto a sao Paulo ser a locomotiva, so o e, porque ainda nao tivemos um governo com correlação de forcas capaz, de elaborar um projeto que venha descentralizar a industrialisacao do pais pois quando aparece, esse e defenestrado pelos industriais que, nao pensao no pais como um todo, acham que o Brasil e so Sao Paulo.

    1. Acho que o senado e uma instituição dispensável mas, o que tem isso haver com o fato de São Paulo usar de meios anti-democráticos para manter a hegemonia ante os demais estados da união?

  3. Muito bom, a locomotiva que transporta o conservadorismo, moralismo sem ética e que tem a construção do conhecimento como forma de segregação e até mesmo a negação do preconceito racial. Mas sem nenhuma crítica se usa a expressão “retornei ao brasil” ao se referir o retorno de outros estados brasileiros. E
    não custa encontrar “jornalistas ” ou pseudos INTELECTUAIS E políticos defendendo idéias higienistas e também positivistas, o doriana um exemplo perfeito dos séculos XVIII e XIX.

  4. Muito bom, a locomotiva que transporta o conservadorismo, moralismo sem ética e que tem a construção do conhecimento como forma de segregação e até mesmo a negação do preconceito racial. Mas sem nenhuma crítica se usa a expressão “retornei ao brasil” ao se referir o retorno de outros estados brasileiros. E
    não custa encontrar “jornalistas ” ou pseudos intelectuais e políticos defendendo idéias higienistas e também positivistas, o doriana um exemplo perfeito dos séculos XVIII e XIX.

  5. São Paulo foi e é a locomotiva dos golpes e da maior divida publica com a União! Mas o metrô la tem crescimento medio de 2km por ano, na Coreia do Sul é de 8km;

    “Metrolao” e “trensalao” a todo vapor e a “ju$tissa” paulista na era da carroça de boi e do cavalo pra julgar esses desmandos…e os eleitores na base do cabresto dando votos a decadas aos governos do PSDB!

    1. Você sabia que a Justiça Paulista INOCENTOU LULA pelo caso do apto no Guarujá por ser uma denuncia INEPTA ..caso que foi abraçado INDEVIDAMENTE pela Justiça do Parana
      .
      colega ..teu discurso é o do ódio e preconceito contra MILHÕES de brasileiros ..igualzinho aos que falam mal de nordestino ..ou tem recursos SEXISTAS do tipo todo homem não presta e é cafajeste com as mulheres
      .
      VOCÊ sim representa uma direita preconceituosa e não se deu conta do que verdadeiramente é

      To nem ai pra São Paulo ..um lugar marcado num mapa ..mas pra pessoas como você, como o pastor Feliciano, o pseudo humorista Danilo Gentili ..Bolssonaro ..Regina Duarte ou Alexande Frota ..ou mesmo pro Caceta do Madureira e Mainardi ..neofascistas ou carecas ..aí a coisa muda de figura
      .
      Aonde já se viu condenar um povo pela existência de alguns governos medíocres ..povo que inclusive já elegeu recentemente MULHER nordestina e um negro pra governarem a 7a Maior cidade em população do Planeta
      .
      só pra constar ..A divida proporcional de SP frente ao PIB do país e do estado não é das maiores ..muito ao contrário disso
      .
      Você sabia que a maioria dos golpistas do país partiram do RGS e de Al

      1. Não estar nem ai São Paulo é o mesmo que não está nem ai pra rede globo, que assim como a folha de sao paulo e o datafolha sao manipuladores de opjniao publica e que derqm apoio a ditadura. É São Paulo que sai a xenofobia contra nordestinos, só perdendo pra turma do Sul que se consideram outra República, acham ate que sao europeus….triste realidade.

        O Norte e Nordeste so deve 4% de toda a dívida pública brasileira. Os dados foram pra falar sobre gestão e as as péssimas escolhas para governador dos eleitores de São Paulo da turma do PSDB envolvidos nas maiores corrupções e cuja justiça e imprensa são seletivos. Cade o resultado do “merendao”?!

        Parece que “a carapuca lhe serviu” e pelo fato de ter se doído, deves ser um dos que votou nessa turma que ai esta dos tucanos inimputáveis. Talvez devas ter vestido a camisa da CBF e ter ido pra Paulista protestar contra Dilma, o que seria mais um coxinha massa de manobra e inocente útil das elites e da grande mídia. É vê se nao vota mais em Aécio ou na Marina a fadinha da floresta…E pra seu governo Estados como São Paulo sempre foram beneficiados por governos da direita e elitista! Pode bater panela…

        E cada pra nós, to nem ai pra tu!

  6. Eu espero, como paulista, e não estou sozinho, que o bisneto Opusdeificado dos cafeicultores por procuração , o picolé de chuchu, seja rejeitado do oiapoque ao chui. E cuspido fora.
    E com ele, se enterrem de forma definitiva os seus 25 anos de colonialismo tucano em nossa terra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.