Marco Aurélio libera investigação sobre caso Bolsonaro-Queiroz

O ministro Marco Aurelio, como antecipara, mandou para o lixo o recurso com que o senador eleito Flávio Bolsonaro havia despertado a camaradagem de Luiz Fuz e obtido a suspensão das investigações sobre seu ex-assessor e “caixinha” Fabrício Queiroz.

Não esperou nem a hora do almoço e, na primeira hora, mandou para o arquivo o pedido do “Filho 01” sem sequer examinar o que ele dizia, naquilo que, na administração a gente chama de “aqui por engano”, descartando o que não tem pé nem cabeça ser tratado no Supremo.

É provável que, nos próximos dias, comece a aparecer o que está represado há 15 dias no Ministério Público do Rio de Janeiro.

E que as convocações para depor, grande medo da dupla, sejam publicamente anunciadas.

A correria de Flávio para escapar aos repórteres no Senado vai ter de ser intensificada.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

17 respostas

        1. Esse negócio de vice ficou tão sério, que daqui pra frente, qualquer um que se candidatar vai passar o cargo de vice pelo pente fino…..Como diz uma amiga, vice é igual sogra e cunhados: escolheu mal, vai pagar o pato. rsrsrs

      1. eles podem até ser criativos e deixar o traste como uma rainha da inglaterra, reina mas não manda nada

    1. Algo me diz que o Queiroz vai ter uma recaída. Já pensaram? Pobre homem, ter de voltar ao Einstein e sambar com aquele negócio de segurar o soro. Pobre homem.

      1. ele já pegou o jeito, tira de letra
        dificil mesmo é vender tanto carro – trampo pesado, se é que me entende

      2. Pelo menos vai poder dar um “pouco de alegria” e de companhia ao presidente recém operado….Afinal, amigo é pra essas coisas, não é?? rsrsrsrsrsrsrsrs

  1. Diz a lenda que Thomas Edison chamava carinhosamente seus dois primeiros filhos de “ponto e traço” (referência ao código Morse, usado nos telégrafos).

    Já Zero-um, Zero-dois, putz… Zero-à-esquerda-um, Zero-à-esquerda-dois…

    1. Olha, eu tive um professor de Química que deu aos filhos os nomes de Hélio e Túlio. Parece mais simpático, não?

  2. Não tenho lá esperança de que essas “investigações” resultem em alguma punição para esse clã criminoso que foi alçado à presidência da república. E desses generais que compõem a junta militar que, de fato, governa o Brasil pós-golpe não espero nada que não seja a continuidade piorada do que foi o governo golpista e quadrilheiro de Michel temer et caterva, apenas sem o o primarismo grosseiro dos Bozos e da ‘tigrada” que apoia o clã criminoso.

  3. Agora a pergunta, como uma coisa sem pé nem cabeça tem o condão de enrolar um processo por quase 1 mês ? Então se tiver apenas um olho segura por um ano ?
    Já sei, o fux e seus auxiliares não tem formação em direito… ou agiram de má-fé em conluio com o chefe …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.