Moro, de herói nacional a boneco dos “minions”

Sérgio Moro deixou de ser troféu e passou a bonequinho do bolsonarismo.

Está perdendo suas forças próprias.

Tornou-se dependente do próprio Jair, os escroques de O Bolsonarista, dos maníacos do Pavão, dos tuítes do Carluxo, dos surtos do General Heleno, de toda este pântano fétido que se constitui o governo, acrescido da “turma do mercado” que tem sonantes razões para estar a favor da lama.

Tem os 30% que o fanatismo ainda retém.

Seu círculo de influência, que ia muito além dos minions e correlatos, estreitou-se a ponto de quase se confundirem os dois, não cessa de encolher e é provável que siga se encolhendo enquanto se aproximam dois momentos terríveis para sua imagem.

Refiro-me aos áudios – que, segundo Ricardo Noblat, seriam 2 mil – e ao julgamento, em agosto, de sua suspeição no Supremo Tribunal Federal, onde parece deteriorar-se a situação do ex-juiz.

Antes, outro percalço: a intimação do ministro Bruno Dantas, do TCU, a que Paulo Guedes e o presidente do Coaf, Roberto Leal, para saber se foi mesmo ordenada a investigação sobre as finanças de Glenn Greenwald, o que será, se admitido, gasolina na fogueira.

Nos jornais, fala-se que, perdido o STF, seu projeto agora ser o candidato a vice de Bolsonaro nas eleições de 2022.

Isto é, para usar suas próprias palavras,”um balão vazio, cheio de nada”.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

20 respostas

  1. Usando a “metodologia” do power point é preciso encontrar os mandantes, o círculo central de onde saem muitas flechas em direção a Moro, Dallagnol, Lava Jateiros, Tribunais, Janaínas, Milicianos a soldo variável(MBL, REVOLTADOS ON LINE, VEM PARA A RUA), Milicianos a soldo fixo da Grande Imprensa (Reinaldo Azevedos, Mervais, Mirians, Antas agônicas, et caterva), Milicianos do Rio das Ostras, canalhinas uniformizados e lobotomizados. Quem deve estar ali são os sujeitos ocultos do Golpe – a turma da Bufunfa – e os sujeitos públicos de sempre, as famiglias da Grande Imprensa e o cardenalato e obispado demomdbtucano, o alto e baixo clero do Congresso, o Supremo com tudo.

      1. Verdade, pobre rios entregues a essas feras tão desumanas. Tomei nota. Nem as ostras nem as pedras os merecem.

  2. BOMBA!
    DUPLO IMPEACHMENT!
    O Bozo fez delação premiada contra o ‘mor(T)o’ e si próprio!
    “Antes de tomar posse, na fase dos acertos, eu conversei com sérgio Moro, ele mandou cópias das investigações da Polícia Federal para mim acerca do laranjal do PSL (…) Sérgio Moro perguntou para mim, lá atrás, ‘se alguma investigação da PF atingir algum integrante do primeiro escalão do seu governo, é para abafar as investigações ou deixa seguir?’ (…)” Por “presidente” Jair Bolsonaro
    Entenda

    ***************

    https://www.youtube.com/watch?v=OcbE94KcZHQ

    1. Dar os nomes aos bois,eliminar ,acabar com esse pudor “progressista” de manter as formas.
      Trata-se de criminosos,entreguistas e traidores que merecem um certero tiro em suas testas.

      1. Estou com você.
        A turma da lava rato merece mesmo o fuzilamento puro e simples.
        Traidores lesa pátria.

  3. Os tolos como este criminoso e sua quadrilha de procuradores ,insistem em desprezar a lógica.
    Aquela que diz que nada, que não se construa em bases sólidas,terá efeito duradouro,e que fatalmente acabará desabando.
    Serve de ensinamento as novas gerações,desprovidas da experiência dos golpes que a vida nos dá ,mas,também nos indica que há gerações mais velhas ,que já não tem esperança nenhuma,morrerão imbecis.

  4. Ele quer é poder . Dinheiro não é problema , quem cala consente . A pergunta de Gleisi Hoffmann na câmara , ” O Sr. ou sua esposa tem conta no exterior ” . Quem sabe em nome de amigos , compadres , etc, etc .

  5. Moro externou o que tem de pior, de mais execrável no arrivismo. E vai pagar por isso. Né não?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.