Não é fascismo, não, sr. Toffoli?

Bernardo Mello Franco, em O Globo, dá o melhor retrato do que estamos vivendo.

“O olavismo [de Olavo de Carvalho]  passou de piada a doutrina oficial de governo”.

De fato, ao emplacar o segundo em 10 ministros do novo governo – antes, já tinha patrocinado o trumpófilo Ernesto Araújo nas Relações Exteriores – o astrólogo ratifica sua ascendência sobre o inferno astral que nosso país passa a viver.

Não estamos, absolutamente, de volta a uma prevalência do neoliberalismo dos anos 90.

O que temos é a montagem de uma máquina de perseguição e aniquilamento muito mais parecida com o período inicial da ditadura militar de 1964.

A diferença, ao menos até agora, é que não são os militares os mais radicais neste processo.

Até o General Hamílton Mourão, o vice de Bolsonaro, mostra que os mais furiosos não são, por enquanto, os de ombros estrelados.

Os tais Conselhos de Ética que este  Ricardo Vélez Rodríguez, colombiano escolhido por Bolsonaro para comandar o Ministário da Educação, propõe para assegurar “a reta educação moral dos alunos” são o espaço para que as universidades e até escolas de segundo grau ganhem “comissariados” da direita para controlar o espaço acadêmico.

A montagem do governo é inequívoca:  liberdade para o dinheiro, repressão para as ideias, perseguição aos que queira ser ativistas destas ideias.

Os “remédios” para o Brasil, na visão tosca desta gente,  são lucro, burrice e cadeia.

Os patetas do Supremo acham que com tapinhas, concessões e hipocrisia vão manter esta turma num elástico conceito de respeito à Constituição.

 

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

54 respostas

  1. Será pior do que imaginávamos, o Ministério da Educação passa ao status de Campo de Concentração e Reeducação Mental, ao velho estilo nazista dos anos 30.

    1. Ou os campos de concentração do “Angkar” no interior do Camboja de Pol Pot, só que com o sinal ideológico trocado.

      Mais uma vez, uma demonstração de que esses olavistas usam a tática de acusarem os outros (os tais “comunistas” do PT) de fazerem aquilo que no fundo da alma esses mesmos olavistas sempre desejaram.

  2. Pois então Fernando!
    Nem falo pra fazer uma oração pelo Brasil, porque no momento estou de saco cheio do que a religião esta fazendo com o futuro do país.
    O negócio agora é: a SEITA que dói menos.

  3. Supremo ? Só se for Supremo descalabro. Suprema farsa. Suprema vergonha. Inferno astral é apenas, para os astrólogos, um período desfavorável. O inferno brasileiro é muito mais do que isso, é o caminho para a guerra civil.

    1. Não sei do que tenho mais medo, se de uma guerra civil ou de ver o povo aceiitando passivamente a destruição do Brasil. Em ambos os casos nosso futuro estará comprometido.

    2. Não há nenhuma condição de guerra civil no Brasil. Somos mais de 200 milhões de habitantes preocupados com futebol e com nosso próprio umbigo, ninguém pensa na situação de seu semelhante, se tem emprego, se está comendo. Isto é inerente ao ser humano.

  4. Respondendo à provocação do articulista:
    _ Não, não é fascismo. É muito pior do que isso. Fascismo foi o que ocorreu no período entre-guerras, na Itália; esse regime era marcado pelo nacionalismo xenófobo e na defesa dos interesses da burguesia nacional italiana. Não há nada disso no regime de ocupação já vigente e no que está sendo organizado pelo Bozo.

    1. Infelizmente, ainda não. Não recuperei ainda a capacidade de trabalho e aproveito os períodos em que me sinto um pouco melhor para comentar, com tristeza, o que tenho conseguido ler, com mais tristeza ainda.

      1. Então…passado da hora de delegar funções. Kd, pelo menos, estagiários sendo treinados p vc? Além d perpetuar seu legado intelectual e jornalístico, suaviza sua carga. Se cuida, moço.. Não podemos te perder VC. Please!

      2. Eu também, com 68 anos de idade, vivo triste e em “depressão com esta situação” Se eu pudesse dar um tempo em minha mente e religar daqui a 4 anos, seria maravilhoso. Hoje estive ao lado do Palácio Piratini, aqui em Porto Alegre, onde há uma estátua do Brizola e me coloquei a pensar se ele fosse vivo como estaria reagindo sobre esta situação, homens públicos como ele não mais existem, até seu conterrâneo, que nem vou citar o nome se mostrou realmente quem é. Vergonha.

  5. Acho que já podemos renomear nosso país para República Bananeira Subalterna da Oceania, em homenagem à 1984

  6. É um fascismo jabuticaba, mas isso não o impede de tentar acabar com o Carnaval, como profetizou o roqueiro Bono Vox. Desfile só se for para exaltar a Família Bolsonaro. Mas… O General Mourão aconselhou esta turma de delirantes a irem devagar com a China, com Israel e com o Mercosul. Mourão também falou que não existe este negócio de “relação carnal” com o Tio Sam. Não sei se é consequência da carência absoluta de esperança, mas estou começando a ter a tentação de pensar que o General Mourão é um nacionalista. Os patriotas geralmente são ingênuos e por vezes até fanáticos, mas o nacionalista é um patriota reflexivo, realista, consequente e desenvolvimentista.

    1. Silogismo Olavista-bolsonariano-malafaiense:

      Os nacionalistas são comunistas. Há muitos americanos nacionalistas. Logo, há muitos comunistas nos EUA.

      1. Olavinho afirmou com todas as letras que quer ser embaixador do Brasil em Washington para mandar prender ou expulsar os brasileiros que estão morando nos Estados Unidos. Só ele tem esse direito, de morar por lá. Merece ser livro de cabeceira do Coiso, ao lado do livro do Coronel Ustra.

        1. Acredite se quiser, esse imbecil tinha relativo espaço nas revistas do Clube Militar nos anos 2000. Um agente da CIA nas barbas dos nossos militares, que congelaram no tempo em 1961, quando foi construído o Muro de Berlim.

          1. Daí você vê a “inteligência” do nosso alto oficialato: só porque o cara nasceu no Brasil, acharam que não poderia estar a serviço dos EUA…???????????

    2. Acho que vc está sendo traído pela esperança.Não existe militar nacionalista no Brasil.Tivemos fartas provas disso os últimos anos.Eles continuam alinhados ao pensamento do tio sam ,são profissionalmente ADESTRADOS para isso.
      A fala de Mourão ,mais se parece ao bate e asopra ,marco uma posição radical para negociar ,depois recuo ao razoável.
      Este país está afundando porque não há força que se oponha ao caos que eles representam.Aúnica que resta é o povo se fartar e sair as ruas,mas,isso,é impossivel .É provável que vc encontre UM,só UM militar brasileiro nacionalista,mas ,esperar que a massa se levante,…aí não meu amigo.

      1. Não espero de jeito nenhum que a massa brasileira se levante em escala continental, isso não existe no Brasil. Mas há duas correntes de pensamento nas Forças Armadas. Uma, que considera o Fernando Henrique e o General Geisel como comunistas perigosos. Esta corrente parece dominante porque grita muito. A ideologia destes, dos quais o presidente Figueiredo foi o maior exemplo, é uma espécie de tributo incondicional a uma condição divinizada sobrenatural e etérea que só existe em suas cabeças, mas que eles imaginam que se chama Estados Unidos da América. A outra corrente está calada.

    3. Senhores militares, cuidado com os babões oportunistas, principalmente com aqueles que espumam pela boca de ódio e que batem no peito dizendo que “estudaram” em cursos de pura propaganda de interesse estrangeiro e anti-nacional. Eles confundem tudo o que for nacionalista e de economia heterodoxa com uma absurda quimera “comunista”, que no máximo da boa vontade seria apenas alguma coisa parecida com anti-americanismo, e que só existe na cabeça de quem não tem condição alguma de pensar sobre a realidade política e geopolítica do país e do mundo.

      1. Sinto desapontá-lo, mas os militares de hoje pensam da mesma maneira que os de 64. Para eles, existem comunistas no Brasil. A cartilha e a ideologia de ditadura ainda é a mesma. Na cabeça deles não permitir eleição, tomar o poder pela força e dissolver o Congresso NÃO É DITADURA. E tem otário que acredita nisso.

    4. A única disputa oficialmente travada pelos generais, pelo Itamaraty, terminou com a derrota deles pra Olavo. Na Educação, não sabemos se eles estavam dando suporte à candidatura de Mozart, talvez estivessem. Sinal de que tudo o que Mourão falou pode ser para inglês (chinês?) ver.

    5. Puro jogo de cena. Quem manda no exército brazuca é o capitão. General baixa as orelhas,finge que vai urinar e sai de fininho pra não levar um chute na bunda.
      Afinal estamos entrando no ano do retorno e sublimação da ARMADA BRINCALEONA, do futuro patrono do “exército nacional tropical carnavalesco” (ENTC), antigo exército brasileiro (EB).

  7. Toffoli e por extensão o resto aceitou ser controlado por um cão fardado.Se ainda tinham alguma moral,ela desceu privada abaixo,após este fato

  8. “Os “remédios” para o Brasil, na visão tosca desta gente, são lucro, burrice e cadeia”. Perfeito resumo!!! E infelicidade geral. Infelizmente.

  9. Olavo de Carvalho passou a ganhar mais visibilidade quando passou a ter artigos semanais publicados na página de opinião do Globo, no início dos anos 2000.

    Curiosamente, pouco tempo antes da posse de Lula. Criaram corvos.

    1. Guanabara, nessa tragédia (ou farsa?) toda, eu ainda encontro espaço para rir da direita tradicional, mídia inclusa. Está divertido ver os malabarismos que eles andam fazendo para puxar o saco de quem tanto desprezaram. ????????????
      Por outro lado, é muito triste saber que Bolso fez o que ninguém da esquerda teve coragem de fazer… ????????????

      1. E pensar que eu ria do Olavo de Carvalho lá no Orkut, em 2005.

        Nem nos meus mais delirantes pesadelos imaginava que um mané desses fosse ter influência num governo
        – ainda por cima no mais importante, a presidência.

        Estou p. da vida, mas não estou deprê: Hoje eu rio dos coxinhas que votaram no boçal e do PIG. A lamentar, apenas pelos mais necessitados.

        1. Nenhum de nós podia imaginar esse cenário distópico, amigo… Eu também lamento pelos mais pobres. ????

  10. Segundo matéria da Folha, Bolsonaro foi censurado por seus superiores por colocar a ambição de ficar rico acima do ideal militar

    Bolsonaro era agressivo e tinha ‘excessiva ambição’, diz ficha militar

    RUBENS VALENTE – DE BRASÍLIA – 16/05/2017

    Documento sigiloso produzido pelo Exército na década de 1980 mostra que oficiais superiores do hoje presidenciável Jair Bolsonaro (PSC) o avaliaram como dono de uma “excessiva ambição em realizar-se financeira e economicamente”.

    A avaliação foi protocolada sob sigilo, em 1987, no gabinete do então ministro do Exército, Leonidas Pires Gonçalves, durante um processo a que Bolsonaro foi submetido no Conselho de Justificação (espécie de inquérito).
    Conforme a Folha divulgou nesta segunda-feira (15), no processo Bolsonaro reconheceu ato de indisciplina e deslealdade por ter divulgado um texto, sem autorização de seus superiores, com pedido de aumento salarial. Ele foi condenado pelos três coronéis que compunham o conselho mas, após um recurso, conseguiu a absolvição no STM (Superior Tribunal Militar).

    Segundo a “ficha de informações” produzida em 1983 pela Diretoria de Cadastro e Avaliação do ministério, Bolsonaro, na época tenente com 28 anos de idade, “deu mostras de imaturidade ao ser atraído por empreendimento de ‘garimpo de ouro’. “Necessita ser colocado em funções que exijam esforço e dedicação, a fim de reorientar sua carreira. Deu demonstrações de excessiva ambição em realizar-se financeira e economicamente”.

    Em interrogatório a que foi submetido no conselho, Bolsonaro reconheceu ter feito garimpo “na cidade de Saúde, próximo de Jacobina [BA]”, durante as férias, na companhia de três tenentes e dois sargentos paraquedistas, dois dos quais “estavam sob seu comando”. Bolsonaro disse que não teve lucro e classificou a atividade como “hobby ou higiene mental”. Ouvido pelo conselho, o superior de Bolsonaro, coronel Carlos Alfredo Pellegrino, disse que tentou demovê-lo da ideia do garimpo, mas conheceu “pela primeira vez sua grande aspiração em poder desfrutar das comodidades que uma fortuna pudesse proporcionar”.

    Segundo o coronel Pellegrino, Bolsonaro “tinha permanentemente a intenção de liderar os oficiais subalternos, no que foi sempre repelido, tanto em razão do tratamento agressivo dispensado a seus camaradas, como pela falta de lógica, racionalidade e equilíbrio na apresentação de seus argumentos”. Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/05/1884332-bolsonaro-era-agressivo-e-tinha-excessiva-ambicao-diz-ficha-militar.shtml

  11. Se Toffoli tiver um mínimo de dignidade e não for parte atuante do golpe, que peça a renúncia do cargo de ministro do Supremo.

    Porém, se ele está lá para entregar os anéis e salvar os dedos, até agora não deu nenhuma demonstração cabal disso.

  12. O Brasil vai viver um governo Talibã Tropical, comandado pelo Sadam Naro, pelo vice Muammar Mourão Khadafi e pelos fundamentalistas ministros Aiatolás, que vão trocar a Constituição não pelo Alcorão, mas pelo livro dos livros, o Mein Kampf do mestre Adolf.
    Quem (sobre)viver verá!

  13. Que felicidade abrir sua pagina e achar textos novos, Fernando se recupere logo que sua palavra faz uma falta danada!
    Grande abraço

  14. Segundo matéria da Folha, Bolsonaro foi censurado por seus superiores por colocar a ambição de ficar rico acima do ideal militar

    Bolsonaro era agressivo e tinha ‘excessiva ambição’, diz ficha militar

    RUBENS VALENTE – DE BRASÍLIA – 16/05/2017

    Documento sigiloso produzido pelo Exército na década de 1980 mostra que oficiais superiores do hoje presidenciável Jair Bolsonaro (PSC) o avaliaram como dono de uma “excessiva ambição em realizar-se financeira e economicamente”.

    A avaliação foi protocolada sob sigilo, em 1987, no gabinete do então ministro do Exército, Leonidas Pires Gonçalves, durante um processo a que Bolsonaro foi submetido no Conselho de Justificação (espécie de inquérito).
    Conforme a Folha divulgou nesta segunda-feira (15), no processo Bolsonaro reconheceu ato de indisciplina e deslealdade por ter divulgado um texto, sem autorização de seus superiores, com pedido de aumento salarial. Ele foi condenado pelos três coronéis que compunham o conselho mas, após um recurso, conseguiu a absolvição no STM (Superior Tribunal Militar).

    Segundo a “ficha de informações” produzida em 1983 pela Diretoria de Cadastro e Avaliação do ministério, Bolsonaro, na época tenente com 28 anos de idade, “deu mostras de imaturidade ao ser atraído por empreendimento de ‘garimpo de ouro’. “Necessita ser colocado em funções que exijam esforço e dedicação, a fim de reorientar sua carreira. Deu demonstrações de excessiva ambição em realizar-se financeira e economicamente”.

    Em interrogatório a que foi submetido no conselho, Bolsonaro reconheceu ter feito garimpo “na cidade de Saúde, próximo de Jacobina [BA]”, durante as férias, na companhia de três tenentes e dois sargentos paraquedistas, dois dos quais “estavam sob seu comando”. Bolsonaro disse que não teve lucro e classificou a atividade como “hobby ou higiene mental”. Ouvido pelo conselho, o superior de Bolsonaro, coronel Carlos Alfredo Pellegrino, disse que tentou demovê-lo da ideia do garimpo, mas conheceu “pela primeira vez sua grande aspiração em poder desfrutar das comodidades que uma fortuna pudesse proporcionar”.

    Segundo o coronel Pellegrino, Bolsonaro “tinha permanentemente a intenção de liderar os oficiais subalternos, no que foi sempre repelido, tanto em razão do tratamento agressivo dispensado a seus camaradas, como pela falta de lógica, racionalidade e equilíbrio na apresentação de seus argumentos”. Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/05/1884332-bolsonaro-era-agressivo-e-tinha-excessiva-ambicao-diz-ficha-militar.shtml

  15. :
    : Poema Z

    ( Poema dedicado para Dilma, Lula e o PT e para todos / todas os / as progressistas do mundo inteiro.
    Sinta-se homenageado / homenageada também. )

    Penso

    Logo(S)

    ReXisto

  16. Curioso é que o salário que Bernardo Mello Franco recebe provém exatamente destes que patrocinaram a atual situação. Então Mello Franco se torna apenas um álibi para um jornal golpista querer se mostrar democrático. Engulam o que plantaram.

  17. O Governo Themmer está vivendo seu astral do inferno. Basta ver quem vai assumir no lugar do Bolsonaro , é um General linha dura, mas, j´saa visou ao Themmer que o aumento do Judiciário é impatriótico. Então o Themmer está entre a cruz e espada, pois vejamos: Se concede o aumento para o Judiciario ele provocará um colossal rombo e se não conceder será preso pelos militares. Õ dor.

  18. Vamos ver agora, como o Themmeroso vai livrar a cara com o tamanho do “abacaxi” que tem nas mãos. Se conceder o aumento do judiciário poderá ser preso ao descer a rampa do Palácio se não conceder demorará um pouquinho mais, ai também vai em cana. Esta Conversa de Embaixador é só pra amenizar a coisa. Fugir não há como. Este “General linha dura” que vai assumir o comando da Nação com o afastamento do “Boi Sonaro” por doença é da turma daqueles que não comem mel e sim marimbondo. Se ficar o bicho pega se correr o bicho……!

  19. Só não vê quem é cego ou é um idiota, que estas eleições últimas foram fraudadas. Como não sabemos! Qual o subterfúgio que usaram não sabemos. U que dá para observar é que o TSE agachou tanto que mostrou a bunda É só observar o tanto de “jabuticabas” que foram eleito e tirar as conclusões.Esta história está como aquela em que a filha queria casar e o pai disse: Minha filha, você pode casar com quem quiser, desde que seja com fulano.
    Pois é ne!!!!!!

  20. As vezes dico me perguntando porque certos comentários que são uma límpida verdade e o Brito deixa de considerá-los, mesmo aqueles tratando com todo respeito, sem ofender ninguém, dizendo somente a verdade.
    Porque Brito???????????????????????????????????????????????????????????

  21. Certos patetas que fazem comentários neste blogue com avaliações negativas do “Futuro Governo Boi sonaro. Estas pessoas não tem a menor visão do que vai acontecer. De acordo com informações “quase” secretas, o Boi sonaro apenas tomará posse e imediatamente passará o Governo para o General . O Boi sonaro pelas informações vai se afastar-se para tratamento de saúde nunca mais voltará. Seus tontos, vocês não tem visão da “coisa”!!!!

  22. O supreminho de tanta agachar acaba de mostrar a !bunda”.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.