Novo ministro acha que criança deve sentir dor para aprender. Veja

Eu tinha escrito um texto, tolerante, sobre o novo ministro da Educação, que terminava pedindo que ele fosse apenas uma nulidade, pois todos os que Bolsonaro escolhe para o cargo tornam-se vilões.

Acho que fui otimista.

A colega Luciana Lima, do Metrópoles, traz o video de uma das pregações do sr. ilton Ribeiro onde ele incentiva pais aplicarem castigos físicos como forma de obter a “correção necessária para a cura”.

“Talvez algumas mães até fiquem com raiva de mim, mas (a criança) deve sentir dor”, diz o pastor.

Ele diz que a cura dos erros infantis não vai ser – a não ser com alguns poucos “superdotados” – obtida por “meios justos” nem por “métodos suaves”.

Talvez o reverendo, quem sabe, sugira a volta da palmatória como método pedagógico.

Reproduzo, ao final o vídeo onde se diz isso e retiro o texto que havia escrito, por ser de uma boa-vontade inútil com todo aquele que aceita fazer parte deste governo.

É mesmo o que já se disse aqui: pensa-se que é apenas uma nulidade. , mas revela-se um vilão.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

26 respostas

  1. Eu falei, tinha certeza que vinha coisa pior que o Decotelli. Esse vídeo é um “excelente currículo”, pra quem se escandalizou com o anterior.

    1. infinitamente pior ,é profissa da Teologia mais reacionária que pode existir

      e tem muita grana na retaguarda

      1. 14 anos atrás eu me neguei a entregar uma cachorrinha para adoção quando descobri que o candidato era um pastor evangélico desse tipo. Tive a impressão de que o filhote iria sofrer o diabo nas mãos do tal “religioso rigoroso”, segundo o descreveu sua própria mulher. Foi uma das melhores decisões que tomei, a cachorrinha viveu feliz em minha casa até o fim de seus longos anos de vida.

      1. Não é pressentimento, é fato. Não houve troca de ministro nesse governo em que o sucessor não colocasse o antecessor no chinelo em termos de destruição da coisa pública, do ambiente de debate, da paciência e da nossa sanidade. Essa Pandemia e esse governo fizeram emergir o Brasil que realmente somos.

  2. De fato, ninguém que aceite chegar perto de Bozo e sua corja teria qualquer possibilidade de se “apenas uma nulidade”. Eles são a escória, são muito mais do que toscos porque são maus e sujos. O que esperar?

  3. Pode-se partir da seguinte premissa: topou ser ministro do mentecapto > NÃO PRESTA.

    Ou é fascista, ou é picareta, ou é ambos…

  4. O homem é criacionista. O país inteiro vai gastar precioso tempo a discutir se ele acredita que o mundo foi criado em 3175 A. C, como querem judeus ortodoxos, ou se é pela data de Thomas Usher, que calculou o nascimento do mundo em outubro de 4004 A.C. Os da área da educação ainda poderão sentir saudades do “Singing in the Rain” do Weintraub.

    1. Não duvido que comece uma discussão pública sobre se Adão (aquele da Eva) tinha umbigo ou não. Afinal, na cabeca de muitos destes criacionistas, se o primeiro homem (no caso Adão) foi criado por um sopro divino, então não teria umbigo, pois não teria a liga?ão umbilical com a mãe. Tenho um amigo que foi à loucura com o enteado (já na faculdade), pois este passou uma manhã inteira, num grupo de estudos bíblicos discutindo exatamente isto.

      1. Tssss… Talvez o “cristianismo positivo” desses governantes promova a volta da importante discussão sobre quantos anjos cabem na ponta de uma agulha, mas jamais os fará refletir sobre a afirmação de Cristo de que é mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha que um neoliberal entrar no reino dos céus…

  5. O fato é que aos poucos estamos vendo a armação de um governo teocrático, com três pastores a regerem três ministérios. Dizem que este último tem problemas com crianças, e só podemos torcer para que não seja uma versão masculina da diretora da escola da Matilde (do filme Matilde).

  6. Isso é terrível, mas ainda acho o criacionismo pior, porque ele pode recomendar palmatória mas é pouco provável que professores apliquem, mesmo os sádicos, porque é ilegal. Mas ser criacionista pode levar a políticas públicas anti-científicas, inclusao de absurdos nos programas escolares, etc.

  7. Eu só queria saber:
    Ministro, você apanhou muito quando era criança? Sim ou não?
    O senhor tem filhos? Se sim, aceitaria que um psicólogo entrevistasse um deles?

  8. Eu avisei antes: o dedo podre do bolsonaro é infalível.
    Assim como, “se eu for agraciado com um convite honroso para integrar este grupo, é por que não presto”.
    O golpe destruiu o país.

  9. Deveria se fazer como Lenin e Stalin que declararam o estado laico (baseados nos princípios da revolução francesa) e permitiram que a religião fosse prática particular, sem exercer qualquer forma de influência ou poder no estado (declara este idiota do ministro que a bíblia é infalível! precisa explicar?). Criminalizaram todos aqueles que tentaram ter influência política condenando à morte ou ao “pogrom”. Certíssimo. O estado laico é a garantia do exercício de qualquer religião ou crença e não de uma em particular e que servisse às coisa do espírito e não da vida material.
    Ah! se dinheiro está envolvido, devem pagar todos os impostos como todo mundo.

    1. Exato! A religião se manteve livre, mas o Estado ficou livre da religião.
      Quando caiu a União Soviética, milhares de “líderes” evangélicos foram pra Rússia, achando que iriam encontrar um povo pronto a ouvi-los. Quebraram a cara, pois durante todo o período soviético, a religião cristã ortodoxa continuava fortíssima, pois foi exercida sem repressão alguma por parte do Estado.

  10. Pra fazer parte da quadrilha do ocupante do Palácio do Planalto o pré-requisito é ser mau caráter, bandido ou louco de pedra. Em qual das categorias esse fulano se enquadra? O que esse imbecil quer? A volta da palmatória, como o Brito disse? Ou talvez ajoelhar no milho? Ou, ainda melhor, cilícios ou chicotes para purificar as almas das crianças que, salvo as raras exceções que ele citou, são todas dominadas pelo capeta? A esse sinistro crentelho fundamentalista, com o máximo de respeito que ele merece, recomendo: ele que experimente a “cura” que ele sugere e, de brinde, que VT bem no meio do C!!!!!

  11. O mito está cumprindo a promessa de colocar um pastor no seu desgoverno, os alunos vão aprender na porrada, é óbvio que qualquer cidadão que aceite fazer parte disso não pode ser boa coisa mas o inacreditável é a sociedade aceitar essa canalhada e muitos ainda defenderem seus propósitos, quando um juiz manda para prisão domiciliar um miliciano de alta periculosidade e concede para a mulher foragida o mesmo benefício com a justificativa de ela cuidar dele o que não é previsto legalmente temos um exemplo de quão corrupta é essa turma, um procurador trabalhar contra o seu país, um grupo de procuradores fraudarem uma eleição e nada acontecer me parece que chegamos a um ponto sem volta, na próxima eleição esses caras serão candidatos imaginem o que farão para se eleger, é o fim da democracia brasileira se algum dia tivemos uma.

  12. o deus deles também ama eles, mas manda um monte para queimar no fogo do inferno ou faz sofrer aqui na Terra mesmo. (como paraiso nem inferno não existem, ficamos por aqui nesta muvuca mesmo, tipo assim da trupe do Grouxo Marx)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *