Datafolha começa amanhã primeira pesquisa pós-prisão de Lula

questdata

O Datafolha registrou ontem no TSE e começa a colher amanhã as entrevistas da primeira pesquisa eleitoral após a prisão de Lula.

O ex-presidente foi incluído em apenas três dos nove cenários pesquisados e, em segundo turno, apresentado em disputas com Jair Bolsonaro, Marina Silva e Geraldo Alckmin.

Claro que, na polarização em que se encontra o país, qualquer pesquisa deve ser vista com cautela.

Após o massacre televisivo do final de semana até seria natural que Lula perdesse pontos, ainda mais com as perguntas que reproduzo acima.

Não é isso o que antevê o professor Leonardo Avritzer, do curso de Ciência Política da Universidade Federal de Minas Gerais, ouvido pelo Nexo Jornal:

Nós [da UFMG] acabamos de aplicar uma pesquisa com amostra nacional e os resultados são relativamente ambíguos. De um lado, aproximadamente 50% da população apoia a Operação Lava Jato. De outro, 50% das pessoas apoiam o Lula. E os que acham que ele está sendo perseguido pela Lava Jato também somam 50% [em pesquisas de opinião, é possível que uma mesma pessoa diga, por exemplo, que apoia a Lava Jato e que Lula é perseguido pelos investigadores, por isso o professor aponta para uma possível contradição]. Então nós podemos dizer que o país está completamente dividido em relação a essa questão.

Divisão que, claro, também beneficia o outro extremo, isto é, Jair Bolsonaro e, em consequência, estreita mais ainda o campo dos candidatos da autodenominada centro-direita.

Pé atrás e muita mobilização, melhor atitude diante de qualquer análise de quem ganhou ou perdeu com este confronto.

PS. Falando em mobilização, apesar de não ser fanático por abaixo-assinados de Internet, assinei e posto o link para quem quiser subscrever a petição lançada pelo Prêmio Nobel da Paz Adolfo Perez Esquivel indicando Lula para o mesmo título. Vale a leitura, pelo balanço que faz do papel do ex-presidente e vale a assinatura, se juntando aos quase 200 mil que já o fizeram.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email