O Brasil é muito mais civilizado que você, Bolsonaro

Nem o “eu sou assim mesmo” de Jair Bolsonaro resistiu à pesquisa que mostrou uma rejeição acachapante às suas declarações que uma das missões de seu filho Eduardo, na embaixada brasileira nos EUA, seria a de trazer mineradoras norte-americanas para explorar terras indígenas no Brasil.

Ou ao que disse anteontem, prometendo várias “serras peladas” pelo país afora.

Hoje ele se emendou – ou melhor, remendou-se – dizendo que é preciso explicar melhor o “projeto” (!?) de abrir áreas de reserva aos mineradores.

Nem assim, Jair, nem assim o que você diz é palatável para a imensa maioria da população.

O seu mundo, o do “velho oeste” é coisa do passado, que só sobrevive na mente doentia dos imbecis.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

10 respostas

    1. O que resolve mesmo é paredón para esse demente, fascista e miliciano Bozo. Junto com o Bozo tem que ir também o Savonarola Moro, o Marreco (cordeiro) que tem que ser imolado em nome da moralidade do Mercado.

  1. Quanto custou ao Brasil a sustentação no cargo do ditador disfarçado do Paraguai? A ideologia global apocalíptica do Mito está custando cada vez mais caro ao país.

  2. A pesquisa parece mostrar (tenho sempre um pé atrás com elas) que se bem a massa é mais ecológica,conservacionista,nacionalista que o verme bolsonaro,PROVA QUE É ABSOLUTAMENTE IMBECIL AO ESCOLHER ESSE DELINQUENTE PARA PRESIDENTE.

  3. O centro da questão é simples: ele foi eleito em grande parte graças ao suporte de “empresários” clandestinos de todos os tipos. Madeireiros ilegais, garimpeiros ilegais, traficantes de vários tipos, construtores civis clandestinos, falcatrueiros de modo geral. Essa gente está achando (com razão) que o atual ocupante do governo federal brasileiro é “um deles” e que, pela primeira vez, poderão exercer suas atividades de modo oficial, à luz do dia. É para eles que bozo governa, é para eles e seus parceiros mais parrudos de outros países, também ávidos por embarcar nessa aventura lucrativa, que o infeliz Coiso pretende entregar o Brasil. Amazônia inteira, todo o Norte, Nordeste, Centro Oeste e o restante do país. Não é por outro motivo que o Coiso quer acabar com todo tipo de multa, seja ambiental, seja de trânsito em rodovias. Sem radares para registrar idas e vindas.

    Vai ser a festa da mineração selvagem. Com os “missionários milicianos” aproveitando para ficar com parte do butim. Isso é o que está na cabeça de “velho oeste” do Coiso e de seu amiguinho Trump, ambos perigosos bandidos desvairados. Até que alguém os pare de alguma maneira. Espero que seja a tempo de salvar alguma coisa.

  4. Soube pelo Estadão e outros blogs progressistas que o Nordeste recebeu apenas 2,2 por cento de novos empréstimos da CEF. Dentre os estados que não receberam os empréstimos estão o Maranhão, de Flávio Dino, e a Paraíba, de João Azevedo? Alguma surpresa?
    Pois então. Sob ordens de quem o presidente da CEF desautorizou os empréstimos? Com qual justificativa?
    Como eu venho insistindo, o Nordeste tem a faca e o queijo nas mãos para detonar esse governo no Senado. Os senadores da região vão fazer um enorme bem ao Brasil. Por exemplo: vão impedir o desmatamento da Amazônia, vão impedir a derrocada de nossa agricultura e pecuária em função do excesso de agrotóxicos, vão impedir a censura nas nossas artes, vão impedir o armamento da população, vão impedir a continuidade do discurso do ódio, da violência e do preconceito, vão impedir o desmonte da educação, vão impedir que tenhamos um embaixanburguer nos EUA, e vão impedir muitas outras atrocidades desse governo. Pensem com carinho nisso, senhores senadores e governadores do Nordeste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *