OMS, afinal, declara coronavírus uma pandemia

Ontem, Jair Bolsonaro disse que o coronavírus era “mais uma fantasia”.

Hoje, a organização Mundial de Saúde declarou-o uma pandemia, afinal.

Hoje será um dia de novos recordes, ainda que os números, evidentemente, não estejam fechados.

Como já ressaltei aqui, a média diária de novos infectados passou de 1.323 para os impressionante 4,4 mil de ontem e é possível que , hoje, chegue a 5 mil.

Não há sinais de que tenhamos chegado nem perto do pico da doença ou de que sua expansão vá ser controlada.

As pessoas de boa-fé não devem subestimar o problema, como tenho insistido, dizendo que outras doenças matam mais. Pode ser, mas não se transmitem tanto e da forma que essa, que afasta as pessoas do convívio com as outras e interrompe a vida social e econômica.

Solidariedade e ação puderam deter o problema na China e podem detê-lo no mundo.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email