Os brucutus no poder

O Globo publica hoje uma “coletânea” dos desaforos, agressões e xingamentos presidenciais. É obra alentada, mas não importa o grau da baixaria, nada mais surpreende no ex-capitão, exceto o fato de temo-lo na Presidência da República.

Grosseiro, primário, preconceituoso, simplista, incompetente, autoritário, nepotista, desumano, insensível, sabujo, seriam necessárias páginas para listar defeitos e deformações da figura presidencial. O fato é que estas “qualidades” sempre foram as dele e, portanto, seu poder não se construiu sozinho.

Discute-se muito como pode Jair Bolsonaro arrebanhar tamanho núcleo de fanáticos e , a partir dele, desfechar seu bem-sucedido assalto ao poder.

Fala-se, com razão, nas decepções com o petismo, nos anos de crise econômica, nas manipulações judiciais abjetas conduzidas contra Lula.

Sim, isso explica a existência dos “minions”, dos fanáticos incondicionais, da seita bruta e burra disposta a tudo pelo “Mito”.

Mas isto é pouco e penso que, com a sensibilidade aguda dos artistas, o chargista Renato Aroeira nos dá resposta mais completa no desenho que publica hoje e que reproduzo acima.

O fenômeno Bolsonaro, em muito, se explica quando se percebem seus companheiros de troglodismo estúpido na política, como Wilson Witzel e João Doria.

Representam, cada um a seu modo – ou à sua falta de modos – os três grupos que exponenciaram sua vileza e passaram a conduzira a vida brasileira.

Bolsonaro é uma fusão do militarismo tosco, do policialismo, dos recalques e rancores de parte de uma classe média baixa, que precisa atribuir a alguém a sua incapacidade de ascensão e escolhe o inimigos os que lhe dita o ‘senso comum”: os pobres, os negros, os nordestinos, os políticos, os governantes, todos eles reunidos sob os anátemas de “bandidos”, indolentes ou corruptos. Quando não os enquadram assim, vão todos para uma categoria vaga de anticristãos: os comunistas, os gays, os drogados…

É gente que trata como heresia qualquer dissensão sobre as suas verdades absolutas e prontas, que ejetam em frases conclusivas com as quais se protegem de qualquer indagação ou tentativa de argumentação: raciocinar é o mesmo que conceder à dúvidas e dúvida um pecado a ser permanentemente exorcizado.

Doria é o retrato da pobreza cultural que se grassa entre a elite rica no Brasil. Onde o cardigã substitui a inteligência, o ganhar dinheiro preenche qualquer necessidade de saber, onde Miami tomou o lugar dos museus de Paris mas, ao contrário das oligarquias que prevaleceram nos dois primeiros terços do século passado, não há mais qualquer simpatia pela construção de uma cultura brasileira através da literatura, das ciências sociais, das artes. Basta-lhes a construção de “celebridades”.

Como estofo, basta-lhe o brilho dos salões e tudo rescende a transitoriedade: seus negócios são rápidos, engordado por “tacadas”, aplicações, investimentos que, ao contrário dos dos velhos capitães de indústria, não guardam mais relação entre dono e propriedade: são executivos, já não vivem de produzir nem mesmo como donos.

Por último, Witzel encarna o troglodismo estatal: o dos juízes, dos procuradores, o das “autoridades” que transformaram – e ainda estão transformando – o Estado brasileiro numa máquina de repressão e de repressão, onde as razões absolutas de “combate ao crime” justifica e coleta apoio às maiores brutalidades contra os pobres.

São os ferozes condutores das matilhas policiais e usam da ferocidade para esconder a ignorância, a incapacidade de serem, como deveriam, ser condutores da civilização, do progresso, da felicidade social. Uma dezena de negros mortos numa viela passa a ser mais importante, como ato de governo, que mil crianças em boas escolas, que mil pacientes bem atendidos na rede pública, que mil famílias terem uma casa digna, pois a missão essencial do estado e o sorvedouro de seus recursos é, e deve ser, a miragem da segurança pública, como se a selva pudesse ser um lugar seguro.

Os três se apresentam como candidatos a 2022, para que o Brasil continue “avançando” para a pré-história.

Na nossa capacidade de reunir humanidade e lucidez é que reside a chance de terem sido um acidente e não uma fatalidade.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

27 respostas

    1. Se resume a isso. Se fosse o Haddad em qualquer circunstancia ja estariam fazendo um especial Brazilian Horror Story com logo parecido e tudo. Ta fraco ainda.

  1. Todos muito cristãos e tementes do senhor jesus. A mini série The Family da netflix mostra o movimento cristão iniciado em 1935 que se espalhou para o mundo (todos os presidentes americanos lhe prestaram vassalagem, inclusive Obama) e que tem por objetivo monitorar todos os poderosos e conduzir suas ações de acordo com os evangelhos, numa visão totalmente enviesada e contrária ao verdadeiro cristianismo (que não existe em nenhuma das religiões conhecidas). Agentes fanáticos (como conhecemos isto no Brasil !) que pregam o exercício do poder através do dinheiro e aumento do poder, com obstrução dos movimentos sociais e sua criminalização. Uma de suas máximas é a de que a existência de pobres e do sofrimento social é vontade de deus, como pregavam os desterrados do Mayflower que começaram a colonização dos eua. Argh!
    Após ver todos os capítulos, pergunta-se: porque não deu certo se o mundo está cada vez pior e indo para o buraco empurrado pela ignorância e pela fé religiosa?

    1. A melhor representação do cristianismo está nas políticas de esquerda.
      Raros líderes religiosos reconhecem isso e os que o fazem são quase sempre mau vistos pelos demais. Ex.: Papa Francisco.

    2. Nietzsche explica, “toda crença é um aceitar algo como verdadeiro” e o crente (rebanho), acredita piamente no céu e no inferno e pior acredita bovinamente na palavra do hipócrita pastor

  2. A questao e pq a esquerda e forças progressistas nao usam do youtube de maneira brutal e agressiva pra tirar o espaço deles? Vem ai 2020 e eleiçoes em cidades onde ha dia do fogo

  3. Vai sobrar é para o engomadinho do Itaú e da Bobo! Aquele oportunista que todos os dias aparece na TV .
    Ele atende pelo nome de um super herói.
    Faltou ele na charge!!! O tal Tucanohuck!

  4. Esses três desgraçados merecem como recompensa o inferno, pois, nada mais fazem do que o mal ao nosso povo. Eles carregam o mal nas suas mentes e transforma-o em ações contra o povo que deseja trabalhar em paz e ter uma vida decente e digna para si e suas famílias.
    Falam palavras com língua dupla para enganar a população mas não apresentam trabalho para beneficiar o povo e o país e enquanto estivermos só no teclado acredito que nada mudará para melhor. Precisamos ir para as ruas e derrubar essa canalhada que nos oprime.
    ” os fatos são mais fortes do que as palavras “, pois, enquanto essas são efêmeras, aqueles deixam marcas profundas de dor e de desespero para a população.
    ” MALA TEMPORA CURRUNT ” – ” os maus tempos chegaram ” e para por fim a esse pesadelo temos que derrubar esses desgraçados que estão no humilhando como nação e lentamente nos levando para uma ditadura.
    ABAIXO O FASCISMO.

  5. Brito,
    Esta é a nova ordem ronda o Brasil, e o pior que esses brutucus, têm muitos, mais muitos, milhões de fãs e adeptos pelo o Brasil afora, principalmente o mais importante deles, que é o atual presidente da república. Como esses fãs e adeptos dos brucutus surgiram de uma para outra, eu não sei, mas que eles são numerosos e violentos, isto sim, é a mais pura verdade. Eles estão dispostos a tudo.

  6. É disso que a Globo quer tratar: as grosserias e falta de modos do Bolsonaro. Não importa aos golpistas que se dizem incomodados com o espetáculo que ajudaram a montar e está sendo exibido, urbi et orbi. Agora, tente discutir as medidas neoliberais que o economista auxiliar do ditador Pinochet está implantando no Brasil, que está desempregando e subempregando quase metade da mão do obra do país, retirando direitos dos trabalhadores, entregando nossas riquezas (o pré-sal e a Amazônia), desestruturando o aparelho de Estado destinado a atender as necessidades básicas da população (saúde, educação e segurança), acabando com a previdência e retirando direitos dos trabalhadores, entre outras atrocidades, sem a mínima perspectiva de melhorias. A Globo e os golpistas que fingem estar incomodados com o andar da carruagem, mas não estão nem um pouco interessados em intervir para cessar esses crimes de lesa pátria, de caráter genocida.

  7. Decepções com o petismo? Não meu caro Fernando, o petismo é na verdade o ponto fora da curva, quase uma anomalia histórica. O normal mesmo são esses burucutus, esses cafajestes, esses oportunistas, canalhinhos e canalhinhas, representantes mais que a altura dessas oligarquias bananeiras que nos governam. O Brasil não merece o PT e nem mesmo Lula, são quase como “nórdicos” num Brasil violento e feroz. Os três personagens sim são mesmo a cara do poder no Brasil, dos donos do Brasil.

    1. Continuando nessa pegada ano que varios campi avançados de universidades federais vao fechar e os alunos prejudicados vao requerer vaga pra continuar os estudos na capital e em 2021 as vagas vao cair dramaticamente e classe media vai ser prejudi cada mas mesmo assim vai culpar o PT

    2. Concordo com o que você escreveu, estes brucutus é que são o retrato do Brasil verdadeiro, o povo eleitor sabia o que estava fazendo ao depositar o voto na urna, pois não é o incapaz da lei.

    3. Cheguei na sua mesma conclusão: “O Brasil não merece o PT e nem mesmo Lula, são quase como “nórdicos” num Brasil violento e feroz.”
      Sempre digo que Lula/PT estão adiante do nosso tempo…

  8. É você continua metendo o pau no PT. Vamos libertar o Lula e vamos cair fora daqui. Fiquem vocês todos críticos do Partido dos Trabalhadores!

  9. O Brasil amanhã : presidente da Nigéria da iPhones de ouro a convidados do casamento do filho, enquanto a população passa fome….

    A Nigeria passou pelo mesmo processo pelo qual vem passando o Brasil : teve a infelicidade de descobrir seu pre sal, despertando a cobiça internacional : a Nigeria continua grande produtora de petroleo mas tudo dos gringos…..ha uma casta de 10% de endinheirados, milicianos, militares e a superestritura formada pelos sistemas midiatico, religioso, educacional e judicial para manipular o povo, manter o sistema e dar fim em quem se opoe

    https://www.instagram.com/p/B1JuGgwnVpj/?utm_source=ig_web_copy_link

  10. U que o Brasileiros não observaram ainda é q que o Lula fará tão logo que sair da prisão com ficha corrida limpíssima??
    Simplesmente dirá: Vocês fizeram esta lambança toda ai, então comam-na. Do contrário me deem plenos poderes para meter esta cambada a ferros , fora disto, vou mudar para a Europa e largar esta bomba nas mão de vocês;
    Fodam-se!!!

  11. E haja prisões para caber esta cambada toda. Vocês viram q q u que deu na época dos Kirchner na Argentina. Lá tem general preso até hoje e pelo visto ficarão lá até morrerem, pois a Argentina está mudando de governo. Cadeia nos vagabundos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *